segunda-feira, 29 de maio de 2017

Filha de Baby do Brasil diz que não se identificou com a religião evangélica

Na década de 90 o grupo SNZ fez muito sucesso entre os jovens, mostrando todo o talento musical herdado por Sarah, Nãna e Zabelê, filhas dos músicos Baby do Brasil e Pepeu Gomes.
Imagem redimensionadaNo final daquela década Sarah Sheeva se tornou evangélica, em seguida foi a vez de Baby do Brasil e mais tarde Nãna se uniu a elas na mesma fé. Mas Zabelê não se identificou com a religião adotada pelas mulheres da família.

“Sou uma pessoa que se conecta com Deus através da natureza”, afirmou ela ao declarar que tem uma espiritualidade independente, sem frequentar igrejas. “Não preciso de uma igreja para me sentir conectada. Não me identifiquei com a religião evangélica”, disse a cantora em entrevista recente à Veja.

“Minha identificação é apenas com Deus. Sou superespiritual: faço ioga, muito exercício e estou sempre em contato com quem manda no universo, Ele”, declarou ela que sempre respeitou a religião de sua mãe e irmãs.

Sarah Sheeva é pastora e tem feito um trabalho focado em solteiros. Criadora do chamado “Culto das Princesas”, ela tem viajado o Brasil e o mundo pregando uma cultura da valorização da mulher, além de levantar a bandeira do sexo só após o casamento.

Baby do Brasil também acredita que o sexo só é válido dentro do casamento, tanto que seu namoro com o comentarista Walter Casagrande gerou muita polêmica na mídia pelo casal revelar que não mantinha relações sexuais. O namoro terminou recentemente.

Nãna Shara, por sua vez, também é pastora evangélica e tem seguido seu ministério ao lado de seu esposo, o pastor Cláudio Brinco. Juntos ministram não apenas aos jovens, mas também casais. Nãna lançou um CD gospel com a Sony Music intitulado de “Novo Céu”.

Fonte: JM Notícia

Pastores excêntricos da África estão chamando atenção nas redes sociais


Há algumas notícias no mínimo curiosas que estão sendo compartilhada nas mídias sociais de todo o mundo mostrando pastores africanos em situações incomuns.

Uma das mais comentadas essa semana é de um pastor do Zimbábue que afirmou ter o número do telefone de Deus. Identificado como Paul Sanyangore, o religioso pertenceria a uma igreja tradicional daquele país e prometeu dar o número de Deus durante um de seus programas da TV.

Um dos momentos do culto que foi compartilhado pelas redes sociais mostra o pastor em uma parte do culto onde ele diz estar falando com o próprio Deus pelo telefone.

Através do celular, ele consegue trazer revelações sobre os membros da igreja e entregar mensagens de Deus de cura e transformação.




Pastor beija fiel durante culto
Outro caso que tem sido compartilhado nas redes sociais é de um pastor nigeriano que estava pregando em uma igreja da África do Sul quando, no meio da oração por uma fiel, ele simplesmente a beijou na boca.

Antes do ato, o religioso falou: “Pelo poder do Espírito Santo, Deus está trabalhando aqui”. Ele segura o queixo da mulher, sopra em seu rosto e em seguida lhe dá um beijo prolongado. E depois perguntou: “Como você se sente”?

O vídeo foi compartilhado por Musa Mathebula que assistia o programa pela TV e ficou chocada com o que viu. “Que diabos está acontecendo com este mundo?” questionou.



Fonte: JM Notícia

Igreja do Evangelho Quadrangular lança campanha de oração contra a crise



Organizada pelo CED-SP, campanha Ore Pelo Brasil convoca os mais de 40 milhões de evangélicos em todo o país contra a crise.

O Conselho Estadual de Diretores (CED) São Paulo da Igreja do Evangelho Quadrangular (IEQ) lançou nesta semana, a campanha Ore Pelo Brasil, voltada para o combate das crises política e econômica que o país vem enfrentando. 

A palavra de Deus é clara quando nos diz em 2 Crônicas 7.14-15 “E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra. Agora estarão abertos os meus olhos e atentos os meus ouvidos à oração deste lugar.

Como povo de Deus temos que nos unir, em oração em prol da nossa nação, para que os olhos do Senhor se voltem para nós e mude nossa história. Por isso, convocamos os 42,3 milhões de evangélicos de nossa nação e os mais de 2 milhões de membros da Quadrangular, que representamos 22% da população brasileira, para nos unir em um mesmo propósito de clamarmos e chamarmos a atenção do Senhor à nossa nação. Ao menos, dez minutos de seu dia, durante os cultos, célula, em casa e em família, ore para os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário sejam alcançados, pelo favor do Senhor.
Nossa pátria só vai mudar se a igreja se unir em oração e a única voz que Deus ouve é a voz da igreja. Esse momento é o de estarmos unidos para salvar o nosso Brasil”, afirmou o presidente-estadual e do CED-SP, reverendo Rocco Digilio Filho.

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontam que o desemprego já atinge mais de 14 milhões de brasileiros, sendo que quase 3 milhões estão nessa situação há mais de dois anos.


A crise política e moral com escândalos de corrupção também tem se intensificado no Brasil, deixando o futuro da nação ainda mais incerto.


Estamos vivendo um tempo difícil no Brasil, onde pessoas estão se aproveitando deste momento, para usar de má fé, em diversas situações para enganar o povo. Só a força de Deus é capaz de mudar a situação que o país vive, que é grave do ponto de vista econômico. Só Deus e nos cristãos que iremos conduzir a nação para um caminho melhor, com uma nova política”, disse o coordenador nacional de jovens da IEQ, pastor Rinaldi Digilio.




Raquel Lopes
Assessora de Imprensa 
Gabinete do Vereador Rinaldi Digilio 
(11) 3396-4689 / (11) 98573-5503

  1487259135058_image001.jpg

JACO - ISRAEL

De todos os relatos da Torá, este é um dos mais envoltos em mistério. Conta-nos a história da luta entre um ser humano e um anjo e a da ...