sábado, 17 de dezembro de 2016

♥ Seleção Gospel- Momento de Adoração e Descanso 2015/2016 ♥

As Três Sementes


“Porquanto aos que de antemão conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos. E aos que predestinou, a esses também chamou; e aos que chamou, a esses também justificou; e aos que justificou, a esses também glorificou.” (Romanos 8:29-30)
Visualize as multidões de nosso planeta. Imagine os bilhões de pessoas que caminham sobre ele todos os dias. Quando os olhos de Deus passam pelo mundo, ele enxerga claramente os três grupos que trataremos na série de estudos “As Três Sementes” e quer que a Igreja seja capaz de enxergar o mesmo.
O propósito deste artigo é mostrar biblicamente sobre a SEMENTE que o Altíssimo plantou. São pessoas eleitas e predestinadas na eternidade. Um grupo de homens e mulheres foi escolhido pelo Altíssimo na eternidade com um propósito tremendo e específico. Estes são as sementes plantadas pelo Eterno neste mundo. Mas não é uma predestinação e eleição como Calvino ensinou. Da forma como ele entendeu e ensinou, vários textos bíblicos são desconsiderados. E com isso, o propósito do Reino não é compreendido. E se não é compreendido, não vivemos a vida espiritual como nascemos para vivê-la.
“Os quais não nasceram por descendência natural, nem pela vontade da carne nem pela vontade de algum homem, mas nasceram de Deus. (João 1.13)
E estes homens e mulheres nascem no mundo da vontade de Deus para que propósito? Para fazerem parte de um plano maior do que imaginam que é ser governo no reino de Deus, como sacerdotes!
Veja o que diz esta profecia em Apocalipse 5:10: “Tu os constituíste reino e sacerdotes para o nosso Deus, e eles reinarão sobre a terra”…..Veja esta outra profecia no livro de Daniel:  “até que o ancião veio e pronunciou a sentença a favor dos santos do Altíssimo, e chegou a hora de eles tomarem posse do reino”. (Daniel 7:22)
O Reino será literal, caro leitor. Um dia homens e mulheres reinarão junto com o Messias sobre essa terra. Num Reino  literal! Toda a vez que vemos estudos falando sobre Reino de Deus é sempre algo tão complexo e cheio de conceitos que não fazem sentido nenhum. Mas o que o Eterno sonhou na eternidade é maravilhoso. E a Igreja, por não enxergar ainda (isso já está mudando), vive e prega um evangelho incompleto.
O Evangelho atual apenas prega o Messias como Salvador, como aquele que vai livrar os fiéis do fogo do inferno. Esta é a essência. A Igreja ainda não compreendeu que o nosso Salvador é o centro da mensagem do Reino, mas a mensagem que ele veio para divulgar e ensinar é sobre o Evangelho do Reino e não sobre ele mesmo. Ele deixou claro que ele era o CAMINHO, o MEIO para o Reino, mas não a mensagem principal. Jesus e os apóstolos ensinavam e pregavam sobre o Reino.
“Ele, porém, lhes disse: É necessário que eu anuncie o evangelho do reino de Deus também às outras cidades, pois para isso é que fui enviado.” (Lucas 4.43)
“Depois de João ter sido preso, foi Jesus para a Galiléia, pregando o evangelho de Deus, dizendo: O tempo está cumprido, e o reino de Deus está próximo; arrependei-vos e crede no evangelho.” (Marcos 1:14)
Que Evangelho Jesus estava falando? O atual, onde ele morreria para salvar os que crerem nele somente?
“Quando, porém, deram crédito a Filipe, que os evangelizava a respeito do reino de Deus e do nome de Jesus Cristo, iam sendo batizados, assim homens como mulheres.” (Atos 8:12)
“Durante três meses, Paulo frequentou a sinagoga, onde falava ousadamente, dissertando e persuadindo com respeito ao reino de Deus.” (Atos 19:8)
Por dois anos inteiros Paulo permaneceu na casa que havia alugado, e recebia a todos os que iam vê-lo. Pregava o Reino de Deus e ensinava a respeito do Senhor Jesus Cristo, abertamente e sem impedimento algum. (Atos 28:30-31) – Paulo pregava o Reino de Deus e, também, ensinava a respeito de Jesus. É isto que o texto está falando.
“O reino, e o domínio, e a majestade dos reinos debaixo de todo o céu serão dados ao povo dos santos do Altíssimo; o seu reino será reino eterno, e todos os domínios o servirão e lhe obedecerão.” (Daniel 7:27)
“ao povo dos santos do Altíssimo” – este trecho da profecia refere-se aos eleitos para reinar. Está falando dos homens e mulheres que vencerem o pecado e CONFIRMAREM a sua salvação e eleição com sua vida santa.
“e todos os domínios o servirão e lhe obedecerão.” – este trecho da profecia refere-se as demais pessoas, aquelas que não foram predestinadas para Governar no Reino de Deus (falaremos sobre elas no próximo artigo)
Como a Igreja não discerne o Reino de Deus, também não consegue compreender a sua estrutura. E neste artigo, só quero focar essa parte. 
Mais grave do que não enxergar a estrutura é não compreender o seu propósito dentro deste reino. O foco atual da Igreja é que tudo seja destruído logo, Jesus volte e a leve para o céu. Por causa deste engano ela não discerne o Reino . Não discerne este plano maravilhoso do Altíssimo.
O Reino que Deus planejou, caro leitor, tem a mesma estrutura de uma monarquia como conhecemos no mundo. É um Reino com as mesmas características estruturais. Todo Reino que conhecemos tem um Rei. Todo Reino tem um governo (que são os líderes abaixo do Rei). Todo Reino tem súditos (o povo que é liderado). Todo Reino também tem um território. Sem esses elementos, um Reino não existe.
No Reino de Deus o REI é ele próprio. O Governo do Reino são seus filhos (Jesus e a igreja fiel e santa, pois tanto Jesus como a Igreja foram predestinados, sonhados na eternidade). Os súditos são a semente dos homens (aqueles que NÃO foram predestinados, eleitos desde a eternidade para reinar – Veremos quem são eles mais na frente). O Território é a Terra.
O tema eleição e predestinação dos filhos de Deus tem gerado confusão histórica e só serviu para desviar o foco da Igreja da questão que realmente interessa. Vamos tentar entender isso, juntos.
QUAL O PAPEL DESSES SACERDOTES E COMO SE DARÁ O SEU GOVERNO?
Sim, Deus predestina seus filhos, conforme as escrituras, para reinarem com Cristo e com Deus! Calvino percebeu o plano na bíblia, mas não o alcançou totalmente. A bíblia diz que homens e mulheres foram predestinados ainda na eternidade, antes do mundo ser fundado, para formar um reino de sacerdotes. Estes homens e mulheres nascem apenas da vontade de Deus, e não são impedidos por nada, nem por ninguém, pois o próprio Deus controla tudo.
“e nos constituiu reino e sacerdotes para servir a seu Deus e Pai. A ele sejam glória e poder para todo o sempre! Amém”. (Apocalipse 1.6)  
Vamos agora entender os pormenores desta eleição e predestinação.   Analise comigo o texto abaixo:
Romanos 8:29-30 – “Porquanto aos que de antemão conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos. E aos que predestinou, a esses também chamou; e aos que chamou, a esses também justificou; e aos que justificou, a esses também glorificou.”
Veja a clara sequência deste processo, nesse texto de Romanos: Deus predestinou seus filhos na eternidade, para viverem conforme a imagem de Seu filho Jesus, sendo Ele o PRIMEIRO entre muitos irmãos! Percebeu o plano? Chamou-os, ou seja, os fez nascer no mundo. Justificou-os, ou seja, selou-os, no dia que eles se renderam a Cristo para tornarem-se semelhantes a Ele através da santificação (é esse selo que dá, ao filho, fé para crer e capacidade para cumprir o propósito de Deus. É o presente que a bíblia chama de graça!). E os glorificou, ou seja, todos os filhos que vencerem, tornar-se-ão semelhantes a Jesus também em glória e poder, após a Sua volta.
Mas, antes da volta, os filhos fiéis a Cristo já irão manifestar o seu poder, desbaratando todas as ações de Satanás no reino que ainda está com ele, até que TODOS os principados e potestades sejam colocados debaixo dos pés do Cristo (Jesus e sua Igreja).
A Bíblia deixa claro que, mais cedo ou mais tarde, estes predestinados se rendem a Cristo, pois são atraídos a essa rendição. Pode ser apenas na hora da morte, mas eles se rendem. Todos os que o Pai deu a Jesus, irão até ele, conforme João 6:37.
É no momento dessa rendição que os filhos de Deus são selados com o espírito de Jesus. E eles são selados para quê? Para terem o poder de confirmarem a sua salvação ao longo de suas vidas, tornando-se assim, semelhantes a Jesus e fazendo parte do Cristo (cabeça Jesus, demais membros, Igreja).
O espírito de Jesus passa a habitar nesse filho que se rendeu, para torná-lo à Sua imagem. Estes filhos foram selados para reinar, mas precisam vencer o pecado, da mesma forma que Jesus o venceu. A cabeça (Jesus) venceu e agora está formando o resto do Corpo. E ninguém poderá ser Corpo de Cristo sem a mesma vitória que Ele conquistou em vida, e que foi consumada no madeiro.
Mesmo sendo predestinado e eleito posso não reinar com Cristo?  
É justamente aqui que o livre arbítrio pregado por Armínio entra em ação, e que ele viu, mas não entendeu completamente: Deus não criou robôs. Nós podemos ESCOLHER se queremos reinar com Cristo ou não, e estamos fazendo isso todos os dias!   Você foi predestinado e eleito. Foi selado para confirmar essa eleição. Mas, não reinará se descuidar dessa graça que recebeu. A graça foi o fato de ser eleito e selado com a capacitação para vencer. Há QUEM MUITO É DADO, MUITO SERÁ COBRADO.
Um predestinado pode perder a SALVAÇÃO?
Não, não pode perdê-la. E por que não pode perdê-la? Porque NÃO se pode perder o que ainda não se ganhou, não se confirmou não se alcançou. É uma esperança apenas, garantida APENAS aos vencedores
Àquele que vencer e fizer a minha vontade até o fim darei autoridade sobre as nações.” (Apocalipse 2:26)
O vencedor será igualmente vestido de branco. Jamais apagarei o seu nome do livro da vida, mas o reconhecerei diante do meu Pai e dos seus anjos.” (Apocalipse 3.5)
Ao vencedor darei o direito de sentar-se comigo em meu trono, assim como eu também venci e sentei-me com meu Pai em seu trono.” (Apocalipse 3.21)
Se você é filho de Deus, foi escolhido e justificado pela graça Dele. Mas, ao longo de sua vida, confirma ou não essa eleição, podendo perdê-la inapelavelmente. Não duvide disso.
“Como escaparemos nós, se descuidarmos de tão grande salvação?”  (Hebreus 2.3)
O filho de Deus que despreza a graça que recebeu, sofrerá dano. Ao contrário do que pensa parte da Igreja, esse texto não se aplica somente aos hebreus. Veja:
“É impossível, pois, que aqueles que uma vez foram iluminados, e provaram o dom celestial, e se tornaram participantes do espírito santo, e provaram a boa palavra de Deus e os poderes do mundo vindouro, e caíram, sim, é impossível outra vez renová-los para arrependimento, visto que, de novo, estão crucificando para si mesmos o Filho de Deus e expondo-o à ignomínia.” (Hebreus 6.4)
Porque o desprezo ao espírito da graça suscita a ira e a justiça de Deus:
“De quanto mais severo castigo julgais vós será considerado digno aquele que calcou aos pés o Filho de Deus, e profanou o sangue da aliança com o qual foi santificado, e ultrajou o espírito da graça?” (Hebreus 10.29)
Você e eu estamos em processo de nos tornar semelhantes a Jesus, não apenas para nos livrar do que as pessoas acreditam ser o inferno. Muito menos para ir para o céu! Na verdade, estamos sendo aperfeiçoados a cada dia para REINAR eternamente com Jesus.
Portanto, não somos predestinados e eleitos para outra coisa, que não seja ser santos como Jesus foi santo, e para reinarmos com eles sobre as nações.
Mas, e os que NÃO foram predestinados pelo Altíssimo? Qual será o destino deles? Calvino afirmou que só existem duas possibilidades: predestinação ou condenação. Ele está certo? É o que veremos no próximo artigo.
Conclusão:
Existe no mundo um grupo que nasceu com um propósito específico.  Nasceram da vontade de Deus. Foram sementes plantadas pelo Senhor. E estes podem não reinar, se descuidarem da graça que receberam. Esta é a primeira semente das três que trataremos nessa série de estudos. 
Deus plantou essa primeira semente que tratamos e é o MENOR GRUPO sobre a terra. Mas existem mais outras duas sementes “plantadas” no mundo. Uma foi plantada pelo Diabo e a outra pelo homem. Depois que estes três grupos de pessoas forem identificados na Bíblia por você, muita coisa inexplicável até agora passará a fazer todo sentido.
“Quem tem ouvidos para ouvir, OUÇA..”

Mais de 1.300 crianças foram vítimas de abusos sexuais na Austrália

Pedofilia A Comissão Real para Respostas Institucionais ao Abuso Sexual Infantil, na Austrália, lançou, esta quinta-feira, um relatório ...