Postagens

Mostrando postagens de Outubro 27, 2016

7 Coisas que você deve saber sobre o Halloween antes de fantasiar seu filho

Imagem
1. A origem do nome A Solenidade de todos os Santos é comemorada no dia 1º de novembro e é celebrada na Igreja desde às vésperas. Halloween significa “All hallow’s eve”, palavra que provém do inglês antigo, e que significa “véspera de todos os santos”. 2. As raízes celtas No século VI a.C., os celtas do norte da Europa celebravam o fim de ano com a festa do “Samhein” (ou Samon), festividade do sol, iniciada na noite do 31 de outubro e que marcava o fim do verão e das colheitas. A respeito, eles acreditavam que naquela noite o deus da morte permitia aos mortos retornarem à terra, fomentando um ambiente de terror. Segundo a religião celta, as almas de alguns defuntos estavam dentro de animais ferozes e podiam ser libertadas com sacrifícios de toda índole aos deuses, inclusive sacrifícios humanos. Uma forma de evitar a maldade dos espíritos malignos, fantasmas e outros monstros era disfarçando-se para tratar de assemelhar-se a eles e desta maneira passavam despercebidos ante seus olhares…

TUDO & TUDO PRESTADORA DE SERVIÇOS , LIMPEZA DE PEDRAS , PINTORES , DESENTUPIMENTO . , JAGUARIÚNA , HOLAMBRA , POSSE , PEDREIRA

Imagem

Os Escândalos Dentro das Igrejas à Luz da Bíblia.

Nos últimos anos têm ocorrido dentro das Igrejas Evangélicas, pelo menos em uma boa parte delas, vários escândalos de toda natureza: sexuais, heresias, desvio de verbas, briga pelo poder e tantos outros que todos nós conhecemos, ou pelo menos deveríamos conhecer.Estes escândalos levam os membros e congregados a tomarem no mínimo cinco posições com relação aos fatos: I - Apoiar cegamente quem está envolvido no escândalo. II - Se levantar contra os envolvidos no escândalo, apoiando o outro grupo que “ficou fora”. III - Permanecerem em um estado de “isolamento”, sem se envolver diretamente apoiando qualquer dos lados, porém orando para que tudo possa ser resolvido e para que haja real e verdadeiro arrependimento de pecado. IV – Em função do escândalo muda de congregação ou até de denominação, pois não aceita este tipo de erro da parte dos líderes e V – Se desvia do caminho do Senhor Jesus, pois se “decepcionou com o Evangelho”. Perceba que os cinco posicionamentos são autônomos, por essa…

ONU diz que não examinou admissibilidade do caso Lula

Imagem
Foto: Gabriela Biló| Estadão "Isso não implica uma decisão nem sobre sua admissibilidade e nem sobre mérito. Significa apenas que o Comitê de Direitos Humanos olhará o caso", disse a ONU em nota. GENEBRA – A ONU informa que a sua decisão relativa ao exame do caso do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi uma “formalidade” e que ainda não se pode considerar que a entidade considerou sua admissibilidade. Tal etapa apenas será realizada em 2017 ou mesmo em 2018. O julgamento completo do caso pode levar cinco anos.  Na quarta-feira, os advogados do ex-presidente anunciaram em um comunicado de imprensa que o pedido de abertura de processo para averiguar possível violação de garantias do petista pelo Estado brasileiro foi registrado pelo órgão. No comunicado, os advogados apontam que a ONU informa ainda que o governo Michel Temer tem dois meses para prestar “informações ou observações relevantes à questão da admissibilidade da comunicação". Na manhã de hoje, em um outro …

Existe abuso espiritual?

Ronald M. Enroth, pastor americano, resolveu acompanhar algumas pessoas que se desligaram da Jesus People USA, um grupo religioso dos Estados Unidos, e coletou informações sobre como os pastores faziam pressão psicológica para impedir que o povo deixassem sua congregação. As atitudes usadas por eles foram marcadas como “abuso espiritual” e foram relatadas em um livro assinado por Ronald que também é sociólogo de religião. Apesar de ser uma pesquisa realizada nos Estados Unidos percebem que muitas dessas atitudes são aplicadas nas igrejas brasileiras para impedir que os membros se desliguem e partam para outros ministérios. O pastor Enrolth listou no livro “Churches That Abuse”, lançado em 1991, sete formas de abuso espiritual praticado por igrejas evangélicas. Entre elas a distorção da Palavra, a criação de uma liderança autocrática, o sentimento de superioridade em relação ao outros grupos religiosos e o elitismo espiritual. O pastor Serol, da Igreja Batista da Palavra Viva resumiu As S…