quinta-feira, 16 de julho de 2015

BODE NO APRISCO - Suspeito de estupro, músico evangélico é preso em Belo Horizonte

Pastor Renato Bandeira é suspeito de ter estuprado uma mulher em Belo Horizonte (Foto: Reprodução/TV Globo)Músico Renato Bandeira é suspeito de ter estuprado uma mulher em Belo Horizonte. (Foto: Reprodução/ TV Globo)
A Polícia Militar (PM) prendeu nesta quarta-feira (15) um músico evangélico suspeito de estuprar uma mulher no bairro Castelo, Região da Pampulha, em Belo Horizonte. O crime teria sido cometido pela manhã, por volta das 8h, na Rua Altamiro Avelino Soares. Renato Bandeira, de 29 anos, negou o crime após ser preso.
Segundo a polícia, a vítima contou que estava a caminho do trabalho quando um homem desceu de um veículo preto e a abordou com uma faca. Ele teria a obrigado a entrar no carro e seguido para um lugar afastado. No veículo, a mulher conseguiu pegar um comprovante de depósito deixado no painel, que foi usado pela PM para chegar até o suspeito.
Em depoimento à PM, Bandeira, que é nascido no Maranhão, alegou ter vindo a Belo Horizonte para se apresentar em eventos evangélicos. Ele estaria hospedado desde a última semana na casa de um pastor, que, de acordo com as investigações, seria o proprietário do veículo utilizado no crime. Conforme a polícia, o dono do carro não é suspeito de envolvimento.
Bandeira foi reconhecido pela vítima. Ele disse que vai tomar as providências jurídicas necessárias para esclarecer o caso. “Eu tenho certeza que isso é um mal-entendido”, afirmou o músico.
O suspeito foi encaminhado para a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher de Belo Horizonte, onde a ocorrência deve ser encerrada.


VIA  GRITOS  DE  ALERTA . INF  PASTOR LEONARDO E G1. 

Procuradoria do DF abre investigação formal contra Lula por suposto tráfico de influência

 A Procuradoria da República do Distrito Federal (PR-DF) decidiu converter um procedimento preliminar de investigação, em procedimento investigatório criminal (PIC), para investigar suposto envolvimento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em tráfico de influência no Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para induzir a instituição a financiar obras da Odebrecht no exterior. Com a medida, a procuradoria abre uma investigação formal contra o ex-presidente.
Em abril, o GLOBO revelou que o ex-diretor de Relações Institucionais da Odebrecht Alexandrino Alencar levou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em um périplo por Cuba, República Dominicana e Estados Unidos, em janeiro de 2013. A viagem foi paga pela construtora e, oficialmente, não tinha relação com atividades da empresa nesses países.
A Procuradoria já recebeu informações solicitadas ao Itamaraty e de outros órgãos sobre o caso. Segundo a assessoria, os dados são sigilosos. Está sendo apurado se Lula pode ser responsabilizado por tráfico de influência internacional junto a agentes políticos estrangeiros, com o objetivo de beneficiar a construtora Odebrecht. Além da abertura de uma investigação, foi solicitado o compartilhamento de informações da Operação Lava-Jato.
O prazo para o procedimento preliminar aberto pela procuradora Mirella Aguiar, responsável pelo caso, estava perto do fim e havia duas possibilidades: arquivar o caso ou convertê-lo em PIC. A Procuradoria optou pela segunda opção. Ainda não há ação na Justiça.
Durante o procedimento preliminar, foi investigado se Lula exerceu tráfico de influência no BNDES para induzir a instituição a financiar obras da Odebrecht no exterior. Com a instauração do PIC, é possível recorrer a procedimentos comuns numa investigação, como a quebra de sigilo.
Investigado na Operação Lava-Jato, que apura principalmente irregularidades em contratos da Petrobras, Alexandrino foi preso em 19 de junho, por determinação do juiz federal Sérgio Moro. Ele é acusado por três delatores de ser operador de pagamento de propinas para a empresa no exterior. A relação oficial de passageiros do voo, obtida pelo GLOBO, mostra que ele era o único que não fazia parte do círculo de convivência de Lula.
O documento de solicitação do serviço, da Líder Táxi Aéreo, mostra também que o contratante exigiu discrição. No campo “passageiro principal” do formulário, o funcionário da Líder escreveu: “voo completamente sigiloso”. Para evitar que fosse vinculada ao fretamento, a Odebrecht usou uma de suas parceiras para pagar a despesa: a DAG Construtora, da Bahia.
Na viagem paga pela Odebrecht, Lula foi a um evento da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) sobre o clima, visitou o presidente da República Dominicana e falou no congresso de trabalhadores da indústria nos EUA.


GLOBO VIA GRITOS DE ALERTA

APOSTASIA - SEITA - “Apóstola” brasileira afirma ser cumprimento de profecia apocalíptica

O Brasil já deu ao mundo Inri Cristo, o codinome adotado por Álvaro Thais que em 1979 afirmou ter recebido uma revelação de sua verdadeira identidade. Com discurso carismático, atraiu dezenas de seguidores que viam nele algum tipo de salvador. Usando uma interpretação própria da Bíblia, estabeleceu-se em Brasília, afirmando ser ali a Nova Jerusalém.
Apóstola SolEm 2007, outra revelação foi recebida, desta vez era uma mulher: Daniela Carvalho, deixou de ser uma adolescente normal de 15 anos e passou a se identificar como Pastora Primaz do Reino dos Céus.
Segundo o site de sua igreja, a jovem hoje com 23 anos “representa o santuário, representa o testemunho e o espelho do santuário. É a noiva do Cordeiro sem mancha, sem mácula, pura”. Por isso, todo ano durante a festa do Primado, ela entra vestida de noiva na Igreja Reino dos Céus, denominação neo-pentecostal com sede em Belo Horizonte.
O tempo passa e ela é alçada à condição de apóstola, estabelecendo seu ministério em São Paulo. Pelas redes sociais ela posta fotos e declarações igualmente curiosas.
Daniela, ou apóstola Sol, nome que adotou para indicar sua nova condição espiritual, afirma ser a encarnação de uma figura bíblica.
Usando uma interpretação própria da Bíblia decreta: “Sou aquela que João viu na ilha de Patmos e escreveu no apocalipse 12. Sou vestida de sol e tenho a coroa de 12 estrelas na minha cabeça – coroa do apostolado – e a lua debaixo dos meus pés. Lua não tem luz. A lua representa as igrejas fracas sem revelação cheias de pessoas doentes e fracassadas pela macumba”.
Entre os muitos adjetivos, afirma ser uma “mulher sobrenatural”. Torna-se ainda mais enfática quando lembra a todos que ela é a “mulher que amaldiçoou o Diabo”, e que Satanás tem medo dela. .
Com isso tem atraído centenas de pessoas para a igreja que lidera. Os elementos são conhecidos. Venda de objetos ungidos, promessas de prosperidade, além das dezenas de testemunhos gravados com pessoas que receberam curas ou milagres. Faz ainda campanhas com nomes chamativos como “escada de Jacó”, “trezena forte do Arcanjo Miguel” e “monte Manaain”.
Suas fotos e vídeos são compartilhados por evangélicos nas redes sociais na maioria das vezes como piada e os comentários quase sempre possuem um tom de crítica. Mas o fato é que ela tem se tornado popular. Depois da mudança de nome, seu perfil no Facebook teve quase 500.000 acessos no primeiro dia.
O portal Gospel Prime tentou entrevistar Daniela, mas o pedido não foi aceito. Mesmo assim, existem muitas informações sobre ela nos veículos oficiais da denominação, como a TV Reino e o Jornal do Reino. A primeira é exclusivamente online, já o periódico possui uma versão impressa além da eletrônica.
Chama atenção as vestes usadas por ela e os demais líderes da igreja para ministrar. Coloridas e recheadas de símbolos judaicos, remetem a uma identidade sacerdotal católica.
Para muitos, pode ser apenas mais uma denominação neopentecostal ou um desvario de alguém que deseja aparecer, mas um olhar mais atento mostra que Daniela apenas deu continuidade ao que seu pai começou.
Ela é filha do pastor e ex-deputado estadual mineiro Adelino de Carvalho. Em 2001, ele enfrentou uma série de acusações e acabou se tornando inelegível após serem comprovadas diversas fraudes cometidas por ele.
Embora afirmasse ser pobre em sua declaração de renda, vivia em uma mansão que ocupa um quarteirão inteiro num bairro nobre da capital mineira. Diversos eleitores – na maioria membros de suas igrejas – o acusavam de ter prometido (e não cumprido) que distribuiria cestas básicas todo o mês depois que ganhasse a eleição. Também distribuiu vários cheques sem fundo e se justificava que só queria ajudar o povo, mas as vezes ultrapassava seus limites.
Adelino abandonou a vida política, mas há quase 40 anos ele lidera igrejas. Afirma que são mais de 700 igrejas, mas as informações em seu site oficial são bastante vagas sobre o assunto. Autor prolífico, tem mais de 50 livros. Como compositor, escreveu mais de 1.000 músicas de louvor. Como cantor já gravou mais de 30 discos. Como pregador, possui mais de 1.500 mensagens gravadas em CDs e DVDs.Afirma que suas pregações já converteram “mais de um milhão de pessoas”.
Assim como fez sua filha, ele também trocou de nome. Passou a se chamar Davi Efraim. Assevera que sua vida é “um grande mistério”. Nada modesto, diz ser “considerado uma liderança respeitada no meio evangélico e um dos pregadores de maior evidência no Brasil, exercendo um ministério de fogo e poder espiritual”.
Porém, no meio evangélico, tanto 
ele quanto a filha são considerados
 LÍDERES DE SEITA .

Embora se utilize de elementos bíblicos e práticas comuns em igrejas neopentecostais, procura apenas tentar legitimar suas sandices. Infelizmente, como atestam as fotos e vídeos postados por eles, tem conseguido atrair um número crescente de seguidores.


VIA  GRITOS  DE  ALERTA .
INFORMAÇÕES GOSPELPRIME.COM.BR

Menino é levado por pipa e cai de uma altura de 20 metros

Segundo a tia do garoto de 5 anos, ele ficou preso nas cordas da pipa e não conseguiu se soltar em tempo, caindo de uma altura de 20 metros (YouTube/Reprodução)
Segundo a tia do garoto de 5 anos, ele ficou preso nas cordas da pipa e não conseguiu se soltar em tempo, caindo de uma altura de 20 metros
Tudo indica que a primeira pipa ou papagaio tenha surgido na China, por volta do ano 120 a.C. Ela teria sido criada pelo general Han Hisin, com o objetivo de medir a distancia de um túnel a ser escavado no castelo do imperador. Posteriormente o objeto se espalhou pela Ásia e chegou ao ocidente. No Brasil, é comum vermos criança soltando pipa em áreas descampadas, especialmente no outono e no inverno, em que a incidência de vento é maior. Mas, essa brincadeira também pode ser perigosa. No Vietnã, um garoto foi levado por um papagaio e despencou de uma altura de 20 metros.

Confira o vídeo do flagrante do acidente:




De acordo com informações do jornal The New York Post, o incidente ocoreu na cidade vietnamita de Ho Chi Minh, na reigão sul do país, na tarde do dia 15 de março. As pernas do jovem Van Minh Dat, de apenas 5 anos, se enrolaram nas cordas do brinquedo, que tinha 18 metros de largura, e trazia o desenho da bandeira do Vietnã. O garoto não conseguiu se desprender a tempo de se salvar e caiu, sendo levado com vida para o hospital, mas não resistiu aos ferimentos e veio a falecer.


"Uma das cordas [da pipa] derrubou algumas cadeiras e mesas da barraca de bebidas. Dat tinha corrido para pegar algumas garrafas caídas, quando sua perna se enroscou na corda. Depois, a pipa foi atingida por ventos fortes e decolou", explica a tia do menino ao jornal. Segundo ela, o jovem estava ajudando a mãe, que tinha uma barraca de bebidas no local atingido pela pipa
.



VIA  GRITOS  DE  ALERTA  / INF. UAI.COM.BR

Obama tráiu e `quebrou promessa´ feita à família do pastor Saeed Abedini e avança no acordo com Irã


Obama `quebra promessa´ feita à família do pastor Saeed Abedini e avança no acordo com Irã
O Centro Americano para Lei e Justiça (ACLJ) e Naghmeh Abedini, a esposa do pastor norte-americano preso Saeed Abedini já instaram o Congresso dos EUA a rejeitar o acordo nuclear da última terça-feira, entre os Estados Unidos e o Irã, que propõe suspender as sanções econômicas antes lançadas contra República Islâmica.
O ACLJ lembrou que Obama tinha prometido a família Abedini, que ele não iria esquecer o pastor e o 'traria de volta para casa'.
"É inconcebível que o governo Obama venha a assinar um acordo com o Irã sem assegurar a liberdade do pastor Saeed, que está preso há quase três anos, simplesmente por causa de sua fé cristã", disse o conselheiro-chefe do do ACLJ, Jay Sekulow, em uma resposta aoChristian Post.
"O presidente Obama disse pessoalmente à família Abedini que ele considerava a libertação de pastor Saeed uma 'prioridade'. Como isso poderia ser uma 'prioridade', enquanto um acordo como este é firmado e o pastor Saeed é deixado para trás? O que aconteceu hoje significou um mau negócio, algo ainda pior. Vamos agora concentrar a nossa atenção em convencer o Congresso a rejeitar este acordo".
Embora os EUA e os líderes de vários países ocidentais, incluindo o Reino Unido, França, Alemanha, Rússia e China, tenham concordado finalmente em um acordo com o Irã, que suspende algumas sanções em troca de o Irã limitar suas atividades nucleares, o Congresso dos EUA ainda não deu o seu parecer sobre o acordo para torna-lo válido.
O ACLJ e outras organizações de fiscalização têm advertido que a menos que o Irã mostre que ele está disposto a melhorar o seu histórico com relação à preservação dos direitos humanos, o país não deve receber qualquer alívio das sanções.
O grupo que representa a família de Saeed Abedini nos EUA tem feito uma campanha há anos para a libertar o pastor do cativeiro no Irã. Abedini está cumprindo uma pena de oito anos em razão de sua fé cristã e é apenas um dos quatro norte-americanos detidos pelas autoridades iranianas.
A 'promessa'
Em janeiro, Obama se encontrou com a esposa de Abedini, Naghmeh e também com os dois filhos do casal, na cidade de Boise (Idaho). O presidente norte-americano prometeu que a liberdade do pastor seria um tema de altíssima prioridade para ele.
No entanto, Naghmeh disse que ela está profundamente decepcionada com a notícia do acordo celebrado na última terça-feira.
"Com o anúncio de um acordo e ainda silêncio sobre o destino de Saeed e outros americanos mantidos reféns no Irã, seu destino está agora nas mãos do Congresso. Imploro a cada membro do Congresso para rever o acordo com nossa família na vanguarda de seus pensamentos. O Congresso detém a chave para trazer o meu marido de volta para casa, de volta para os meus filhos", disse ela.
Uma nova petição da ACLJ está pedindo ao Congresso que rejeite o acordo e certifique-se que Abedini e os outros três norte-americanos presos no Irã não serão esquecidos.
"Ele prometeu fazer pastor liberação de Saeed uma 'prioridade'. Em vez disso, este cidadão dos EUA [Saeed] é mantido naquela prisão, sofrendo espancamentos, tortura e dores extremas em uma das piores prisões do mundo, simplesmente porque ele é um cristão", afirma o texto da petição.
"O governo cometeu uma imperícia diplomática. Isto é injusto".
Ineficiência
Obama defendeu o acordo, dizendo que a negociação elimina o caminho para a construção de uma arma nuclear pelo Irã.
"Hoje, depois de dois anos de negociações, os Estados Unidos, em conjunto com a comunidade internacional, conseguiu algo que décadas de animosidade não tiveram: um acordo global de longo prazo com o Irã, que vai impedi-lo de obter uma arma nuclear", disse Obama na última terça-feira.
O grupo conservador 'Heritage Foundation' também criticou o acordo, no entanto, com o seu presidente, Jim DeMint afirmando que a construção de uma arma nuclear pelo Irã continua possível.
"Se permitido, o acordo de Viena, anunciado hoje [terça-feira] tornará o mundo um lugar muito mais perigoso. Ele falha completamente em eliminar a possibilidade do Irã em construir seu armamento nuclear. Na verdade, ele move o mundo um passo para mais perto de uma geração regional de armas nucleares e, possivelmente, uma guerra nuclear", alertou.
"Sob este acordo, a vasta infra-estrutura nuclear do Irã permanece em grande parte intacta. Além disso, o 'congelar' no enriquecimento de urânio é temporária e parcial. Isso não é um congelamento de fato;... É um leve 'resfriamento' no melhor dos casos. Também não há muita certeza de que o Irã vá cumprir mesmo estas condições presentes no acordo. Teerã tem uma história longa e contínua de violação das restrições da ONU, que sancionou seus programas nucleares e de mísseis".
DeMint continua a dizer que o negócio também daria ao Irã, bônus econômicos significativos, e poderia coloca-lo em uma corrida armamentista convencional em outros países da região ameaçada pelo poder crescente do Irã.
"Em suma, este acordo deixa de cumprir - mesmo que no papel - os objetivos de segurança nacional fundamentais, identificadas anteriormente pelos negociadores da administração. Em vez de parar o avanço do Irã em se tornar uma potência nuclear, ele coloca o regime em uma ladeira de status e poder nuclear, dando os meios econômicos para garantir que ele chega lá", acrescentou.
"Ao mesmo tempo, ele vai alimentar a proliferação nuclear e maior desestabilização, agravando, em vez de aliviar um ambiente de segurança já tóxico".

MUDANÇA DE VIDA - Convertida, mulher se entrega e confessa assassinato


Convertida, mulher se entrega e confessa assassinato
Depois de se converter ao Evangelho, a vendedora Daiana Ketelen Rego Gama, de 24 anos, recebeu o perdão de Deus pelo crime cometido por ela no passado, mas entendeu que o ato deveria ser justamente pago.
Foragida desde janeiro de 2014 por ser suspeita da morte do marido de sua avó, ela se entregou à polícia na manhã desta terça-feira (14), em Manaus (AM). Arrependida do crime, Daiana decidiu parar de fugir após ser 'tocada por Deus' e começar a frequentar uma igreja evangélica.
“A decisão, primeiramente, veio do Senhor que fez uma grande mudança na minha vida. Eu creio que nós cometemos pecados e devemos pagar porque há consequências. Eu creio que essa decisão vai ser uma oportunidade para minha felicidade e a da minha família”, disse Daiana em entrevista ao D24AM.
A apresentação de Daiana na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) aconteceu na presença de familiares e irmãos da igreja, entre eles, a vereadora pastora Luciana. Segundo a advogada da suspeita, Fabiana Florêncio, a vendedora já tinha uma mandado de prisão em aberto solicitado pela Polícia Civil pelo crime de homicídio, e também havia sido condenada há mais de cinco anos de prisão por roubo majorado. 
Daiana confessou que não foi fácil ter coragem para se entregar, mas disse que após pagar pelos crimes que praticou, vai voltar à sociedade para ter uma vida digna e com respeito. “Assim que cumprir minha pena, quero poder entrar e sair de um local em paz. Será uma oportunidade de recomeço", declarou.
Crime
Elson da Silva Lopes, marido de sua avó, foi baleado por Daiana com um tiro no dia 13 janeiro de 2014, no Coroado, zona leste de Manaus. O crime foi praticado na presença da avó, Maria Janete dos Santos e de um tio. Ele morreu no Pronto-Socorro Dr. João Lúcio, três dias depois. 
“Eu cometi isso e acredito que Deus já me perdoou. Mas, hoje, estou aqui para pagar pelo que eu fiz diante da Justiça dos homens para eu voltar à sociedade. Eu peço perdão àquelas pessoas que eu ofendi e machuquei. Perdoo aquelas que me ofenderam”, frisou ela.
A mãe de Daiana, Rocijane Matos, disse que logo depois do crime pediu a filha para se entregar à polícia, mas ela não quis. “Ela tomou a decisão e hoje está aqui”, disse ela.


CPAD VIA GRITOS DE ALERTA

TROCANDO DEUS PELO DIABO - Adolescente sai de culto, vai a festa rave e desaparece, em Niterói

Pamella Dominique, de 17 anos, está desaparecida desde sexta-feira.Pamella Dominique Silva de Abreu, de 17 anos, disse que ia comprar chicletes e não voltou. Ela saía, com a família, de um culto evangélico, na sexta-feira, no Jardim Catarina, em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio, e fugiu para ir a uma festa. Mas a história não acabou aí: a jovem pode estar a dezenas de quilômetros dos parentes, acompanhada de uma suposta estranha, com ficha na polícia. O drama inclui ainda uma passagem de ônibus financiada pela Prefeitura de Niterói, também na Região Metropolitana, onde a jovem mora.
Familiares da menor buscam informações na porta da DH.— Sabemos que ela sumiu após o culto porque quis. Mas o que aconteceu depois é estranho. Ela foi vista no Centro, visivelmente dopada e acompanhada de uma mulher que nunca vimos — desabafa o avô da jovem, que acompanha a investigação da Divisão de Homicídios de Niterói e São Gonçalo: — Ela queria ir a uma festa, como toda adolescente, mas acreditamos que possa estar em risco agora.
O Disque-Denúncia (2253-1177) divulgou um cartaz com a foto dela em busca de informações.
Familiares da menor buscam informações na porta da DH. Foto: Jorge Casagrande / Agência O Globo
Depois que sumiu na sexta-feira, Pamella foi vista numa festa de música eletrônica na Concha Acústica de Niterói, no sábado. A família acredita que esse evento tenha motivado a fuga.
— Mas ela ia voltar depois, saiu apenas com a roupa do corpo — supõe uma prima.
A adolescente deixou a festa com um rapaz que conheceu num grupo de WhatsApp. O jovem foi ouvido pela polícia e revelou que se despediu de Pamella na plataforma do terminal de ônibus. Lá, ela deveria pegar o carro para o Fonseca, onde mora com os pais.
Uma hora depois de ser deixada na plataforma, Pamella foi vista na Praça do Rink (no Centro de Niterói) acompanhada de uma desconhecida. Identificamos a mulher, que tem passagens pela polícia típicas de moradores de rua e usuários de drogas, como agressão e furtos — diz um dos policiais que investiga o caso.
Passagem dada pela prefeitura
Ao invés de pegar um ônibus para casa, como iria fazer, segundo o amigo, Pamella continuou na Praça do Rink e, provavelmente, pernoitou na rua, de acordo com a polícia. Na segunda-feira, ela e a mulher desconhecida foram até o Centro de Referência Especializado para População de Rua (Crepop), na Rua Coronel Gomes Machado, e conseguiram uma passagem de ônibus para outra cidade, a mais de cem quilômetros de Niterói.
— Os pais foram até o Crepop saber como eles deram passagem para uma adolescente. Não pediram documentos. A mulher disse que era mãe dela e conseguiu o benefício — lamenta o avô.
A prefeitura diz que a equipe do Crepop entregou à mulher solicitação de gratuidade de passagem, mas frisou que ela deveria ir ao Conselho Tutelar pedir autorização para viajar com a menor, já que a garota não tinha documentos.

VIA   GRITOS DE  ALERTA 

INFORMAÇÕES.
Leia mais: http://extra.globo.com/casos-de-policia/adolescente-sai-de-culto-vai-festa-rave-desaparece-em-niteroi-16777340.html#ixzz3g468MXtP

Livro da Turma da Mônica prega o espiritismo

Doutrinação nos quadrinhos
A Turma da Mônica, grupo de personagens de histórias em quadrinhos criado pelo cartunista Maurício de Sousa, será usada para difundir as crenças espíritas sobre Jesus e o Evangelho.  O livro Meu Pequeno Evangelho traz histórias do grupo de personagens infantis escritas em parceria com o espírita Luis Hu Rivas, um designer peruano, e Alã Michell, que desde os 15 anos de idade é adepto da religião. De acordo com o jornalista Felipe Patury, essa não é a primeira vez que Sousa publica histórias religiosas da Turma da Monica. “O que nunca tinha feito é um livro que juntasse Monica, Cebolinha, Cascão, Magali, Anjinho e Penadinho em histórias de cunho espírita”, pondera Patury. Em pré-venda, o livro Meu Pequeno Evangelho é descrito na sinopse da Boa Nova Editora – especializada em publicações espíritas – como uma obra de mensagens positivas a respeito do Evangelho.

“Neste livro, a Turma da Mônica recebe a visita de André, um primo do Cascão que vai apresentar para as crianças conceitos do Evangelho que todos podemos usar no dia a dia, independentemente da religião que praticam. Meu Pequeno Evangelho traz lindas mensagens de amor, caridade e humildade, contadas de forma divertida com os personagens mais queridos do Brasil”, diz o resumo.

O espiritismo é uma doutrina derivada do cristianismo [sic] criada pelo pedagogo francês Hippolyte Léon Denizard Rivail, sob o pseudônimo Allan Kardec, que mistura ciência, filosofia e fé na busca por uma “melhor compreensão não apenas do universo tangível (científico), mas também do universo a esse transcendente (religião)”, de acordo com o resumo do Wikipédia.

No Brasil, uma das principais difusoras das mensagens do espiritismo são as novelas da TV Globo que tratam sobre vida após a morte, reencarnação, almas gêmeas e outros assuntos pertinentes a essa doutrina.


Nota: Na verdade, como se pode perceber nas ilustrações abaixo, a pregação espírita não é novidade nas produções de Mauricio. A apologia dessa filosofia (que não deriva do cristianismo, como diz a Wikipédia, pois ensina a reencarnação e não a ressurreição, e afirma que Jesus é um “espírito iluminado” e não Deus) vem sendo cada vez mais forte nas mídias populares, como novelas, filmes, seriados e quadrinhos. Praticamente todas as pessoas hoje em dia creem na imortalidade da alma, mesmo aqueles que creem também na Bíblia Sagrada. Mas isso não surpreende. Já estava profetizado. [MB]


A PALAVRA DO DIA - PRONTO PARA IR AO DESERTO ?

JACO - ISRAEL

De todos os relatos da Torá, este é um dos mais envoltos em mistério. Conta-nos a história da luta entre um ser humano e um anjo e a da ...