quarta-feira, 24 de junho de 2015

O BANCO DA IGREJA TAMBÉM É GOSPEL

Certa vez um grupo de jovens da igreja resolveu inovar em tudo .
Alucinados pelo movimento gospel livre , eles resolvem aderir a isso tudo , sem ter pelo meno conversado com seus pastores.
Rave gospel , balada gospel , mma gospel , baile funck gospel , entre outros tantos gospel existente .
Passados alguns meses , algum pais dos jovens  começam a procurar seus pastores para relatarem algum fatos que estavam acontecendo com seus filhos .

Minha filha de apenas 15  anos esta grávida pastor .
Meu filho esta chegando todos os dias em casa somente nas madrugadas .
Pastor , meus filhos não me respeitam mais .
Pastor , o líder dos jovens esta levando nossos filhos para lugares nada amigáveis .

O pastor assustado com tudo aquilo resolve chamar todos eles para uma conversa .

Minha irmanzinha , como você permitiu isso acontecer ?
Sabe , né pastor , eu estava na balada gospel , e de repente ganhei uma cantada gospel , e rsrsrsrs , sabe né pastor rsrsrs.

Meu jovens , como vocês puderam fazer isso .
A pastor , a monotonia dos cultos .
Sabe , né , a gente é jovem e quer coisa novas .

Meu líder de jovens .
Como você pode me trair a confiança fazendo isso e levando eles a lugares que não é bom .

Pastor , eu queria inovar , sabe , dar um up no grupo  , queria que eles se encontrassem , ai resolvi leva los a esses lugares .

O pastor , da uma coçada na cabeça e emenda uma .

Sabe de uma coisa .
Eu tenho preparado um lugarzinho especial para vocês .

Minha filha , sua gravides gospel vai lhe render 12  meses de banco gospel , meus jovens , as suas baladas gospel vai lhe render 10  meses de banco gospel , meu jovem líder , sua falta de postura vai lhe render alguns meses de banco gospel bem como a perda de sua função gospel aqui na igreja .
Bem , como diz o velho ditado .

Em igreja que tem o banco gospel , os gospeis ficam mais a vontade .


Ap Roberto Torrecilhas


PODE COPIAR E POSTAR A VONTADE .
cite apenas a fonte.

LOUCURAS , AGIR DE DEUS , OU FALSOS PROFETAS ?

A cada dia que passa , ficamos anestesiados diante de tantas barbaridades que estamos vendo acontecer  em  diversas igrejas .
Não que eu queira julgar , pois não sou  juiz , mas pelo simples fato de ver tantos escândalos acontecendo  no meio cristão evangélico.

A pouco tempo eu postei uma matéria onde um pastor afirmava que para seu casamento ser feliz era preciso tomar do vinho , O vinho do casamento .

Outro que também tem feito um enorme estrago , é o famoso martelão da justiça.

Mas em que usaremos o martelão da justiça? 
Para dar na cabeça do diabo ? Para tocar pra fora de casa os invasores ?


mergulhoElaineJesusA cantora Eliane de Jesus postou em suas redes sociais sua participação na campanha “Mergulho de Naamã” . Na ocasião, Elaine além de cantar também mergulhou na piscina da igreja . A cena foi postada nas redes sociais da cantora e rapidamente crioureações negativas por parte dos seguidores. Muitos criticavam a liturgia e real motivação para tal ato de mergulhar, outros já satirizavam a cantora pelo mergulho “de cabeça” no tanque batismal.
Pouco tempo depois de postar o vídeo a cantora retirou de seu facebook.

2 Peter 2 P
“No passado surgiram falsos profetas no meio do povo, como também surgirão entre vocês falsos mestres. Estes introduzirão secretamente heresias destruidoras, chegando a negar o Soberano que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina destruição. Muitos seguirão os caminhos vergonhosos desses homens e, por causa deles, será difamado o caminho da verdade. Em sua cobiça, tais mestres os explorarão com histórias que inventaram. Há muito tempo a sua condenação paira sobre eles, e a sua destruição não tarda.” 2 Pedro 2:1-3 
Pedro está nos avisando nestes versos que: 
  • Eles vêm de um meio “cristão.” – “como também surgirão entre vocês falsos mestres.
  • Eles negam de alguma forma a Bíblia e o Senhor Jesus Cristo – “chegando a negar o Soberano que os resgatou.”
  • Eles se tornaram muito populares, especialmente com as pessoas emocionalmente motivados – ” Muitos seguirão os caminhos vergonhosos desses homens.
  • Eles vão degradar doutrinas da Bíblia – “e, por causa deles, será difamado o caminho da verdade. “
  • Eles vão estimular a ganância para atrair seguidores – “Em sua cobiça, tais mestres os explorarão com histórias que inventaram.” 
Especialmente nos últimos dias, muitos seguirão esses falsos mestres: “Pois virá o tempo em que não suportarão a sã doutrina; ao contrário, sentindo coceira nos ouvidos, juntarão mestres para si mesmos, segundo os seus próprios desejos,” (2 Timóteo 4:3). Hoje falsos cultos, igrejas liberais, movimentos ocultistas e falsas doutrinas de toda espécie estão se proliferando rapidamente em todo o mundo, todos falando em nome de “Jesus” ou ” Cristo”, mas nunca de “nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.” 
Estes falsos mestres negam a doutrina da redenção pelo sangue de Cristo (2 Pedro 2:1); torcem as Escrituras para suas próprias crenças: “Antes de mais nada, saibam que nenhuma profecia da Escritura provém de interpretação pessoal, 21 pois jamais a profecia teve origem na vontade humana, mas homens falaram da parte de Deus, impelidos pelo Espírito Santo.” (2 Pedro 1:20-21) 
Eles falam mal ou sarcasticamente da verdadeira doutrina bíblica como vimos em (2 Pedro 2:2) e também em 2 Pedro 2:12: “Mas eles difamam o que desconhecem e são como criaturas irracionais, guiadas pelo instinto, nascidas para serem capturadas e destruídas; serão corrompidos pela sua própria corrupção!” 
Eles cobiçam dinheiro e prestígio (2 Pedro 2:3), e: “Tendo os olhos cheios de adultério, nunca param de pecar, iludem os instáveis e têm o coração exercitado na ganância. Malditos! 15 Eles abandonaram o caminho reto e se desviaram, seguindo o caminho de Balaão, filho de Beor, que amou o salário da injustiça.” (2 Pedro 2:14-15) 
Eles são eloqüentes e atraem o público: “pois eles, com palavras de vaidosa arrogância e provocando os desejos libertinos da carne, seduzem os que estão quase conseguindo fugir daqueles que vivem no erro.” (2 Pedro 2:18) 
Eles são enganosos : “Eles receberão retribuição pela injustiça que causaram. Consideram prazer entregar-se à devassidão em plena luz do dia. São nódoas e manchas, regalando-se em seus prazeres, quando participam das festas de vocês.” (2 Pedro 2:13) 
Eles são sensuais e sedutores, promovendo a carnalidade: “especialmente os que seguem os desejos impuros da carne e desprezam a autoridade.. . . Tendo os olhos cheios de adultério, nunca param de pecar, iludem os instáveis e têm o coração exercitado na ganância. Malditos!” (2 Pedro 2:10, 14)  
Eles negam a segunda vinda corporal de Cristo: “Antes de tudo saibam que, nos últimos dias, surgirão escarnecedores zombando e seguindo suas próprias paixões. Eles dirão: “O que houve com a promessa da sua vinda? Desde que os antepassados morreram, tudo continua como desde o princípio da criação.”(2 Pedro 3:3-4) 
João também nos adverte: “Amados, não creiam em qualquer espírito, mas examinem os espíritos para ver se eles procedem de Deus, porque muitos falsos profetas têm saído pelo mundo.” (1 João 4:1) 
E ele dá o aviso para “provar os espíritos “, porque muitos falsos profetas já estão aqui. E ele afirma mais adiante: “Filhinhos, esta é a última hora e, assim como vocês ouviram que o anticristo está vindo, já agora muitos anticristos têm surgido. Por isso sabemos que esta é a última hora.” (1 João 2:18) 
Jesus disse aos seus discípulos que eles irão realizar grandes maravilhas:“Pois aparecerão falsos cristos e falsos profetas que realizarão grandes sinais e maravilhas para, se possível, enganar até os eleitos.” (Mateus 24:24 , Marcos 13:22) 
Estamos avisados ​​para testar cada um deles, e quando eles não perseveram na doutrina de Cristo, devemos rejeitar seu ensino e não ter qualquer comunhão com eles. “Todo aquele que não permanece no ensino de Cristo, mas vai além dele, não tem Deus; quem permanece no ensino tem o Pai e também o Filho. 10 Se alguém chegar a vocês e não trouxer esse ensino, não o recebam em casa nem o saúdem. 11 Pois quem o saúda torna-se participante das suas obras malignas.” (2 João 1:9-11) 
Porque, eles são perigosos e: “Eles vêm a vocês vestidos de peles de ovelhas, mas por dentro são lobos devoradores.” (Mateus 7:15) 
Precisamos pedir a Deus por discernimento, que é a capacidade de pensar e decidir claramente entre a verdade e o erro, o certo e o errado, usando a Bíblia como o manual do Instrutor para viver. Isso vai nos levar a viver um estilo de vida sem compromissos. Sem ele, os cristãos correm o risco de serem “levados de um lado para outro pelas ondas, nem jogados para cá e para lá por todo vento de doutrina e pela astúcia e esperteza de homens que induzem ao erro.” (Efésios 4:14)

AP ROBERTO TORRECILHAS

DEPOIS DO MARTELÃO DA JUSTIÇA , VINHO DO CASAMENTO ETC , ETC ETC , VEM AI O PREGO DO MILAGRE .


   A cada dia surge uma nova heresia.

Depois de achar ter visto de tudo ou ouvido um bocado de heresias , vem ai a nova onda .

O PREGO MILAGROSO DE JESUS.
 ANTES DE CONTINUAR A POSTAGEM , DEIXE ME FAZER UMA PERGUNTA .

DE ONDE SERÁ QUE VEM TANTA INSPIRAÇÃO PARA ESSES PASTORES?


NESSE LUGAR AI, VOCÊ ADQUIRE O PREGO MILAGROSO , DA UMA OFERTA , E DEPOIS PREGA ELE NA CRUZ , SIMBOLIZANDO QUE VOCÊ ESTA PREGANDO NA CRUZ SEUS PROBLEMAS , DOENÇAS ETC.

E o sacrifício de Jesus na Cruz não valeu nada ?
Precisa ser pregado novamente na cruz ?


AGORA , OUTRA PERGUNTA .
O PORQUE DE TANTOS PONTOS DE CONTATO , SENDO QUE SOMENTE JESUS CRISTO É O ELO DE LIGAÇÃO ENTRE DEUS E OS HOMENS ?




O QUE ESTA FALTANDO É O HOMEM VERDADEIRAMENTE BUSCAR A DEUS


VIA GRITOS DE ALERTA



DEUS CRIOU APENAS MACHO E FÊMEA OU MELHOR DIZENDO , HOMEM E MULHER .


 

   Deus criou HOMEM e MULHER e os dotou de órgãos específicos e especialmente destinados à reprodução da espécie, chamados órgãos sexuais ou genitais. “Assim Deus criou o homem à sua imagem, à imagem de Deus o criou. MACHO e FÊMEA os criou” (Gênesis 1.27).

   Homem e mulher possuem genitália apropriada à reprodução. Notem que Deus não criou meio termo, não criou um ser humano que em determinado momento pudesse assumir funções incompatíveis com a natureza do seu ser. Deus não criou um homem com possibilidades sexuais de desempenhar o papel da mulher no ato sexual, e vice-versa. Ocorre que a natureza pecaminosa em função da queda no Éden coloca o homem em rebeldia contra Deus. Pela influência do diabo, o homem continua se rebelando contra o Criador e Sua palavra. Daí as perversões na área sexual.

   A homossexualidade surgiu em decorrência dessa rebeldia.   Se o homem assume postura própria de mulher; se a mulher assume funções próprias do homem no ato sexual, caracteriza-se um comportamento contrário à vontade do Criador. Deus nos criou para uma relação heterossexual. Dizer que quem nasce gay morre gay; quem nasce lésbica morre lésbica; que se trata de uma opção sexual válida; que o homossexualismo é uma opção dentre outras; que tudo é permitido desde que  satisfaça as partes envolvidas; que não existe pecado; que tudo é válido quando existe amor; que o homossexualismo  é genético e por isso irreversível; que a única saída para os pais é aceitar a opção sexual de seus filhos, e tantos  outros argumentos semelhantes,  são vozes de pessoas que não vivem segundo os preceitos de Deus. São pessoas que estão sob o senhorio do mundo; são servos do mundo; fazem a vontade do deus deste século, que lhes cegou o entendimento.

   Os pais não devem de maneira nenhuma se conformar com o pecado de seus filhos. As famílias cristãs com casos dessa natureza – e não são poucos – precisam saber que tudo é possível àquele que crê (Marcos 9.23).  Conviver com o pecado dos filhos, sem reagir, é pecar por omissão. A luta é difícil, mas não há vitória sem luta. Antes de chegarmos ao topo do monte é imperioso passarmos pelo vale, onde há cobras, lagartos e jacarés. Todavia, não lutamos sozinhos. Temos ao nosso lado um general que nunca perdeu batalha: JESUS. Aleluia!

   Não há respaldo bíblico para o argumento de que Deus é amor e, por isso, compreenderá a situação dos homossexuais, a opção dos homossexuais, o pecado dos homossexuais, e que não deixará um filho ir
 para o inferno. Não nos esqueçamos de que Deus é amor, mas é também justiça.  Deus não tolera o pecado. A única forma de o pecador receber o perdão de Deus e livrar-se do inferno é crer em Jesus (João 3.18; Romanos 10.9), confessar seus pecados e arrepender-se (Atos 2.38), deixar de pecar (Provérbios 28.13), e permanecer na fé (João 15.4-5).

   Se você está diante de tal situação, a melhor preparação para uma batalha desse tipo é, em primeiro lugar, aceitar o convite do Senhor Jesus: “Eis que estou à porta, e bato. Se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa,  e com ele cearei, e ele comigo” (Apocalipse 3.20). Depois que a Luz entrar na sua casa e no seu coração, tudo mudará. Em segundo lugar, clamar com fé ao Senhor, intercedendo por seu filho ou filha, pois “a oração de um justo é poderosa e eficaz” (Tiago 5.16). Em terceiro lugar, falar ao seu filho das maravilhas do Evangelho e das bênçãos prometidas por Deus para os que O buscam com fé e sincero arrependimento.

   Convém dizer que o diabo deseja destruir o homem, física e espiritualmente, porque o homem é a obra-prima de Deus. Os que estão no homossexualismo têm  chance de reverterem o quadro: devem se arrepender e aceitar o senhorio de Jesus, que  veio para destruir as obras do diabo, libertar os cativos, aliviar os oprimidos. “SE O FILHO VOS LIBERTAR VERDADEIRAMENTE SEREIS LIVRES” (João 8.36); livres da prostituição, das impurezas, do pecado. O homossexualismo é reversível e quem reverte essa situação é o Senhor Jesus.  Ouçamos a voz de Deus:

“Com homem não te deitarás, como se fosse mulher; é abominação” (Lv 18.22; 20.13).

"Sabendo que a lei não é feita para o justo, mas para os injustos... para os fornicadores, para os SODOMITAS...” (o realce é meu). (1 Tm 1.10).

"Pelo que Deus os entregou aos desejos de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si...pelo que Deus os abandonou às paixões infames. Até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza. Semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, inflamaram-se em sua sensualidade uns para com os outros, HOMEM COM HOMEM, cometendo torpeza, e recebendo em si mesmos a penalidade devida ao seu erro... estão cheios de toda iniqüidade, prostituição, malícia, avareza, maldade, inveja, homicídio, contenda, engano e malignidade. Embora tenham conhecimento da justiça de Deus (que são dignos de morte os que tais coisas praticam), não somente as fazem, mas também aprovam os que as praticam" (Rm 1.24-32).

"Não erreis: nem impuros... nem adúlteros, nem EFEMINADOS, nem SODOMITAS herdarão o reino de Deus"  (1 Co 6.9-10). Nota: Sodomita, o que pratica a sodomia: cópula anal, entre homem e mulher ou entre homossexuais masculinos. 

“Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm; todas as coisas me são lícitas, mas eu não me deixarei dominar por nenhuma” (1 Co 6.12).

“O corpo não é para prostituição, senão para o Senhor, e o Senhor para o corpo” (1 Co 6.13b).

“Entrega o teu caminho ao Senhor; confia nele, e ele tudo fará”. (Salmos 37.5). 

GRITOS DE ALERTA / SOLA ESCRIPTURA 

ATENÇÃO - MEC QUER SODOMIZAR NOSSOS FILHOS COM CARTILHAS DOS QUINTOS DOS INFERNOS .

DENÚNCIA: Cartilhas apoiadas pelo MEC estimulam crianças a fazerem sexo.
Nossas crianças estão cada vez mais indefesas, e as escolas, que visam formar academicamente nossos filhos, estão se tornando o local onde nossos filhos são compulsoriamente sexualizados precocemente.

O que antes era papel da pornografia e de filmes proibidos para menores (de conteúdo adulto), hoje aparece de forma manipulada em gravuras infantis, apresentadas nas escolas por professores que acreditam que sexo infantil é um direito da criança, e não mais um abuso; um perigo para a estrutura física e emocional das nossas crianças.

Estão matando a inocência de nossas crianças e as tornando em predadores sexuais desde a tenra idade. O que antes era um local de aprendizado de valores de vida, de pertencimento, de ressignificação e valorização do ser humano, hoje se tornou uma escola de sexo, fábrica de crianças sexualizadas, onde crianças pequenas são obrigadas a estudar de forma impositiva sobre sexo quase que explicito, vendo cenas que beiram a pornografia. E tudo isso sob a visão dos relativistas sexuais de que sexo na infância faz bem para as crianças e as tornas mais livres e menos PRECONCEITUOSAS?!

Nossas escolas estão, aos moldes europeus, tronando-se escolas de sexo onde, de forma multidisciplinar, todas as matérias tem conotação sexual, manipulam falas e adaptam figuras. Sempre com conteúdos que visam à banalização sexual e a aceitação pela criança ainda pequena de que fazer sexo na infância é um direito que os pais negam.

Ignoram os riscos à saúde da criança ainda em formação, as doenças sexualmente transmissíveis e a gravidez na infância, pois mesmo que ensinem o uso da camisinha, por esta criança ainda estar com seu sistema nervoso central em formação, ela não tem formada a noção de julgamento tão necessário para sua proteção e convivência em família e sociedade. Ensinam que a mesma pode e devem fazer sexo, basta se cuidar, como se a criança já fosse capaz de discernir o que é bom ou ruim para sua saúde, ou de ter controle completo sobre seu querer.

Estão doutrinando sexualmente nossas crianças, mudando a cultura de uma nação sobre seu corpo tornando-as presas fáceis para a indústria sexual infantil. Sabemos que se ela aprender precocemente o prazer do sexo adulto se tornará presa fácil para predadores sexuais, achando até mesmo que está sendo cuidada. #Monstruosidade.

Essa não é a cultura do nosso povo, estamos sendo violentados em nossa cultura. Estamos repudiando estas “literaturas”, não por sermos uma maioria crente em Deus, mas por sermos uma nação que tem uma história de luta e proteção da criança e do adolescente; e porque sabemos que, embora para os sem fé em nada e para os relativistas sexuais pode ser uma boa, preparar a criança para o abusador pedófilo ao invés o denunciar é ser cumplice dele. Para nós, toda e qualquer ação que vise sexualizar a criança precocemente torna-se um perigo à integridade física e psíquica dessa criança.

Essas cartilhas não seriam tão graves se não fossem exclusivas para crianças pequenas que nem se quer tem interesse nesses assuntos, não te forma tão explicita. Criança deve ser tratada como criança, tudo a seu tempo, e não adiantando etapas como explicita esse material pornográfico infantil, travestido de “boa intenção”.

Os riscos de desenvolver uma compulsão sexual nestas crianças são consideráveis, pois não sabemos suas história de vida. O risco dessas crianças se tornarem presas fáceis para um pedófilo é muito alto.

Me pergunto o que realmente o governo quer com isso: Criar crianças, mulheres e gays que aceitam serem abusados para não dar problema para o governo? Ou oferecer matéria prima para a indústria milionária do aborto? Pois, fatalmente, muitas correrão estes riscos. Ou a intenção é ensinar a criança a transar desde cedo, mas usar camisinha? Prevenção? Redução de danos? O que nossas crianças são? Cobaias?

Então, essas são as politicas públicas contra a violência e o abuso infantil? Fazer a criança gostar do abuso e encarar como um direito dela sentir prazer? Notem a manipulação psíquica desse inocentes.

Seria essa uma maneira sórdida que os apologistas à pedofilia encontraram de militar a favor de sua causa, travestido de direitos sexuais da criança? E os defensores da homossexualidade não percebem esta manipulação, e que estão sendo usados nesta causa? Pois, em todo o mundo, as mais de 12 associações que discutem a aceitação social da pedofilia o fazem a partir da aceitação da homossexualidade, dos direitos dos LGBTTs. Não estou dizendo com isso que os LGBTTs sejam a favor dessa monstruosidade, estou afirmando que, na luta por direitos, estão deixando brechas para a aceitação da pedofilia, quando aceitam essa sexualização precoce de crianças.

Não posso acreditar que o movimento LGBTT e os sexólogos não tenham percebido essa possibilidade. Não posso crer que não tenho percebido como a bestialidade tem entrado nas escolas em forma de perguntas em provas, desenhos, discussões e redações, que tem o intuito apenas de normalizar tudo que se refere a sexo sem juízo de valor; sem censura alguma.

Nossas crianças estão indefesas. Nossa população mais carente está desprotegida e os pais ausentes da vida escolar de seus filhos.

Vejo essas ações do governo como uma tentativa sórdida de incentivar a escravidão sexual infantil e a prostituição infantil, e as escolas serão os celeiro para criação de crianças sexualizadas, amantes não de brinquedos (carrinhos, bonecas, etc.), mas de sexo.

Veja um novo exemplo de livros que estão invadindo as salas de aula com o objetivo de estimular crianças a partir de 9 e 10 anos a fazerem sexo (homo, bi, e hétero). O livro é sugerido pelo MEC a diretores e professores da rede pública e privada de ensino. Vemos aqui uma jogada conjunta do governo com a mídia. Será que o próximo passo será distribuir a “caixa do sexo”, tal como foi feito na Suíça?

Esses livros de pornografia infantil, em minha opinião, vão sendo introduzidos gradualmente no ambiente escolar, atingindo crianças a partir dos seis anos de idade até os adolescentes no Ensino Médio.

São livros que não ensinam apenas como colocar um preservativo no pênis. Eles ensinam que um casal homossexual, bissexual ou heterossexual deve fazer sexo. Ele se chama “Aparelho Sexual & Cia, Um guia inusitado para crianças descoladas”, escrito pela autora francesa Hélène Bruller e editado no Brasil desde 2007 pela Companhia das Letras.

Para esta autora, e para quem publica uma obra dessas, “criança descolada” é uma criança que está pronta para fazer sexo. Vejam abaixo várias imagens do livro e notem que ele ensina as crianças a transarem, exibindo posições sexuais, explicando o orgasmo e o que se pode sentir com a prática sexual.

Em outra página do mesmo livro, as crianças são estimuladas a colocar o dedo num buraco feito no livro onde se pode simular um pênis ou a introdução dele numa vagina.



COISAS DE UM BRASIL ADMINISTRADO POR PETRALHAS  COMUNISTAS .

40 PROFECIAS DO AT QUE SE CUMPRIRAM NA PESSOA DE JESUS.



Uma das mais eficazes maneiras de comprovar a veracidade da Bíblia Sagrada consiste na verificação do cumprimento de suas profecias.
Apresentamos a seguir 40 profecias colhidas de diferentes livros do AT, as quais apontavam para a Pessoa e a vida terrena de nosso maravilhoso Salvador.
1. A ênfase de Seu nascimento seria posta em uma mulher, e não em um homem. Gn 3.15; Gl 4.4; Lc 1.35.
2. Seu nascimento de uma virgem, Is 7.14; Lc 1.26,27,30,31,34,35,37,38.
3. Seria reconhecido como Filho de Deus, Sl 2.7; Mt 3.17; Mc 13.11;
4. Seria da tribo de Judá, Gn 49.10; Mt 1.16.; Hb 7.14.
5. Seu nascimento em Belém, Mq 5.2; Mt 2.1.
6. Seria reconhecido como Senhor, Sl 110.1,5; Mc 12.35-37;
7. Seria chamado de EMANUEL, Is 7.14; Mt 1.23-25.
8. Seria um grande Profeta, Dt 18.18; Mt 21.11.
9. Seria Sacerdote, Sl 110.4; Hb 3.1; 5.7-10.
10. Seria reconhecido como Rei, Is 9.7; Jo 18.37.
11. Seria reconhecido como Juiz, Is 33.22; II Tm 4.1.
12. Seria ungido pelo Espírito Santo, Is 11.2; Mt 3.16,17; At 10.38.
13. Seria profundo zeloso pelas coisas de Deus, Sl 69.9; Jo 2.13-17.
14. Seria precedido por um mensageiro, Is 40.3; Mt 3.1-3.
15. A Galiléia seria uma base de Sua ministração, Is 9.1; Mt 4.12-17.
16. Seu ministério seria confirmado por milagres, Is 35.5,6; Mt 9.35.
17. Seria um proferidor de parábolas, Sl 78.2; Mt 13.34,35; Lc 8.9,10.
18. Entraria em Jerusalém montado em um jumento, Zc 9.9; Mt 21.1-7.
19. Seria uma “pedra de tropeço”para Israel, Sl 118.22; I Pe 2.6-8.
20. Seria a “luz dos gentios”, Is 42.6,7; Mt 4.16; Lc 2.32.
21. Seria vendido por trinta moedas de prata, Zc 11.12; Mt 26.14-16.
22. Seria traído por um amigo chegado, Sl 41.9; Jo 13.18-21.
23. As moedas com que seria vendido seriam lançadas na casa de Deus, Zc 11.13; Mt 27.5.
24. Seus seguidores O abandonariam, Zc 13.7; Mc 14.27-50.
25. Ele permaneceria em silêncio diante de Seus acusadores, Is 53.7; Mt 27.12.
26. Seria rejeitado pelo Seu próprio povo, Is 53.3; Lc 23.13-18,25.
27. Seria duramente golpeado e cuspido, Is 50.6; Mt 26.67.
28. Seria curelmente ferido e açoitado, Is 53.5; Mt 27.26.
29. Muitos escarneceriam Dele, Sl 22.7,8; Mt 27.38-44.
30. Seria transformado em objeto de escárnio e opróbrio, Sl 109.24,25; Mc 15.29,30.
31. Seus pés e Suas mãos seriam feridos, Sl 22.16; Lc 23.33.
32. Morreria entre malfeitores, Is 53.12; Mt 28.37.
33. Intercederia em favor de Seus perseguidores, Is 53.12; Lc 23.34.
34. Seria observado de longe pelos Seus amigos, Sl 38.11; Lc 23.49.
35. Sobre Suas vestes repartidas seriam lançadas sortes, Sl 22.18; Jo 19.23,24;
36. Dar-lhe-iam vinagre para beber, Sl 69.21; Jo 19.28.
37. Bradaria diante do abandono de Deus, o Pai, Sl 22.1; Mt 27.46.
38. Nenhum de Seus ossos seria quebrado, Sl 34.29; 22.14; Jo 19.33.
39. Seria sepultado na tumba de um homem rico, Is 53.9; Mt 27.57-60.
40. Não permaneceria na sepultura, Sl 16.10; Mc 16.6, e depois subiria ao Céu, Sl 68.18; At 1.9; Sl 110.1; Hb 1.3.
Ao Senhor seja dada a glória, a honra, a adoração e o louvor para todo o sempre.

CAUSADORES DE DIVISÕES.

Discórdias, Dissensões e Facções: Obras da Carne
Discórdias, dissensões e facções. Aqueles que praticam tais coisas não herdarão o reino do céu. A advertência de Paulo em Gálatas 5:19-21 é clara. Deus não aceita o espírito partidário divisor que domina tantas pessoas religiosas de hoje. Estes pecados correm diretamente contra a oração de Jesus e a verdadeira natureza de Deus (João 17:20-23). Jesus quer que seus seguidores sirvam juntos em harmonia nesta vida e na eternidade.
Para nos ajudar a evitar ou superar estes pecados em nossas vidas, olhemos para algumas coisas que a Bíblia ensina sobre problemas entre irmãos e sobre a paz com Deus e outros cristãos, e então veremos o que separa pessoas religiosas.
Algumas coisas que não devem causar divisão:
1. Diferenças de opinião não destroem a comunhão. Homens bons podem diferir sobre vários pormenores de como fazer a obra de Deus sem perder seu respeito mútuo. Um exemplo claro disto é a discordância entre Paulo e Barnabé em Atos 15:36-41. Dois evangelistas devotos e experientes tinham uma diferença de opinião sobre se levavam João Marcos na sua viagem de pregação. Ambos tinham boas razões para suas posições. Paulo lembrou que Marcos tinha-os abandonado quando o caminho se tornou difícil em sua primeira viagem (Atos 13:13). Barnabé, já conhecido por sua habilidade para encorajar e edificar seus irmãos, ainda tinha esperança de que Marcos viria a ser um companheiro confiável. Este otimismo mostrou-se correto (2 Timóteo 4:11), mas as preocupações imediatas de Paulo também eram compreensíveis. Como estes dois homens maduros lidaram com suas diferenças? Eles permitiram um ao outro a liberdade de fazer sua obra sem sentir a necessidade de ataque pessoal ou denúncia do caráter de seus camaradas soldados.
2. Discussões de diferenças doutrinárias não causam divisão. Algumas pessoas são tão paranóicas sobre a possibilidade de divisão que evitam qualquer sugestão de diferenças, e consideram discussões de assuntos polêmicos como sendo anticristãs. Tal aversão à controvérsia não vem de Deus. Iniciando quando ele tinha somente 12 anos, Jesus freqüentemente teve discussões sobre diferenças doutrinárias com líderes religiosos do seu tempo. Ele tratava os questionadores honestos com bondade e respeito, mas não hesitava em afirmar seus pontos de vista e em mostrar a inconsistência daqueles que se opunham à Verdade (veja Mateus 22:29; 23:13-39; João 5:37-42; etc.) Os cristãos primitivos também discutiam abertamente as diferenças doutrinárias e assim permitiam que a luz da Verdade brilhasse na treva do erro humano. Um excelente exemplo de tal discussão é encontrado em Atos 15:1-35. Alguns irmãos na igreja de Jerusalém estavam ensinando uma doutrina que contradizia o que Deus tinha revelado a Paulo e a outros. Os apóstolos e presbíteros e, mais tarde, toda a congregação, sentaram-se para discutir o problema. Homens de boa fé permitiram que a Verdade prevalecesse, e seus debates conduziram a concordância unânime e a paz mais profunda.
3. Diferenças de níveis de maturidade e de consciência pessoal não causam divisão. Enquanto as pessoas continuarem a nascer na família de Cristo, haverá diferenças de níveis de maturidade. Isto é natural e não deverá causar divisões. Paulo abordou especialmente este assunto em Romanos 14. Quando há diferenças de opinião, aqueles que sentem uma liberdade maior deverão respeitar a consciência do irmão sincero que não reconhece essa mesma liberdade. Assim como os membros maduros de uma família física protegem os mais novos, aqueles discípulos com entendimento mais maduro procurarão proteger as consciências de seus irmãos mais fracos. Aqueles que são mais fracos, se amam verdadeiramente o Senhor, naturalmente buscarão crescer. Tais diferenças são freqüentemente resolvidas com estudo paciente, quando o corpo todo busca edificar-se em amor (Efésios 4:15-16).
Algumas coisas que causam divisão:
1. Falsas doutrinas causam divisão. Doutrinas que contradizem as Escrituras, pregadas freqüentemente por motivos egoístas, criam divisão (Romanos 16:17-18). Aqueles que espalham tais erros são fortemente condenados e devem ser evitados (Tito 1:10-16; 3:10-11). Falsos ensinamentos conduzem à divisão porque não poderá haver comunhão entre a luz e as trevas (2 Coríntios 6:14 - 7:1). Deus espera que os justos se separem dos desobedientes. Esta é uma forma de divisão que tem que ser instigada pelos fiéis para se manterem livres da impureza da falsa doutrina e das práticas pecaminosas. Nem todas as separações ou divisões são erradas porque a palavra de Deus exige que nos separemos daqueles que persistem no erro.
2. Desrespeito pela consciência de um irmão causa divisão. Em Romanos 14:13-17, Paulo falou de coisas que não eram erradas em si, mas disse que é divisor e falta de amor insistir em exercer liberdades se elas farão um irmão tropeçar. Este princípio freqüentemente exige que nos abstenhamos de práticas que poderíamos considerar lícitas de modo a manter paz com nossos irmãos. Determinação egoísta em fazer o que queremos do modo que queremos, sem respeito para com as dúvidas honestas de nossos irmãos, reflete uma arrogância sem amor que inevitavelmente cria discórdia. Paulo ensina que deveremos buscar amorosamente entender nossos irmãos mais fracos e manter a paz com eles.
3. Sectarismo territorial causa divisão. Pessoas religiosas em nossos dias estão demasiadamente preocupadas com "nós" e "eles" e "nosso" e "deles" e pouco preocupadas com as coisas de Deus. Jesus ofereceu uma solução simples e direta para tal atitude arrogante: "Falou João e disse: Mestre, vimos certo homem que, em teu nome, expelia demônios e lho proibimos, porque não segue conosco. Mas Jesus lhe disse: Não proibais; pois quem não é contra vós outros é por vós" ou "... quem não é contra nós é por nós" (Lucas 9:49-50; Marcos 9:40). Essas palavras de Jesus não devem ser esticadas para dizer que devemos aceitar cegamente a todos (veja Mateus 12:30, que mostra que não podemos ficar neutros sobre Jesus; ou somos a favor, ou somos contra ele). Mas estes textos de fato mostram que não devemos rejeitar alguém só porque ele não pertence ao nosso grupo. Muitas pessoas estão ocupadas em julgar as raízes quando devem estar julgando os frutos (Mateus 7:15-16).
Muitas das coisas escritas em nossos dias sobre a herança religiosa de vários grupos deve soar para Deus como tolice sem propósito. Paulo tinha uma linhagem religiosa tão boa como qualquer um à volta dele, mas dizia que considerava isso tudo "perda por causa de Cristo" porque ele punha total confiança em Cristo e sua justiça (Filipenses 3:7-11). Paulo não estava preocupado com a aprovação ou a permissão de qualquer homem ou organização humana (Gálatas 1:10-12,17), somente com a pregação e a prática do puro evangelho de Jesus Cristo. Em vez de agir como políticos que precisam fazer uma pesquisa de opinião para saber de que lado o vento está soprando, precisamos estar firmemente assentados sobre a rocha da verdade de Deus (Efésios 4:11-16,24). Se estamos firmes com Deus, não importa quantos homens estejam contra nós. Certamente os relatos de Gideão e os midianitas, Davi e Golias, e Elias e os falsos profetas são suficientes para nos convencer de que a força não está em nos acharmos alinhados com a facção mais forte da cidade. Deus sempre vence, e a vitória é garantida para aqueles que permanecem com ele (Romanos 8:31-39).
4. Orgulho e inveja causam divisão. Nenhuma carta do Novo Testamento fala mais sobre divisão do que 1 Coríntios. As facções na igreja coríntia eram o resultado de comportamentos carnais de pessoas que estavam mais preocupadas com suas próprias reputações e influências do que estavam com o povo de Deus (leia cuidadosamente 1 Coríntios 3:1-17). Quando os homens são apanhados na carnalidade de tentar mostrar que nossas igrejas são maiores do que as igrejas deles, que nossos projetos são melhores do que os projetos deles e que nossos pregadores são mais eloqüentes do que os pregadores deles, as contendas são inevitáveis. Se pensarmos que somos maiores e melhores, seremos dominados pelo orgulho. Se temermos que outros estejam ganhando a corrida, seremos dominados pela inveja e o ciúme. Não importa quem está na frente; todos que estão na corrida estão errados! Vergonha para aqueles que rebaixarem a obra do Senhor ao nível de uma competição atlética. Deixem as competições e a busca de reconhecimento humano na planície de Sinear e retornem à pregação da mensagem simples da cruz de Cristo (1 Coríntios 2:1-5; veja Gênesis 11:1-9).
A surpreendente chave para a paz real
É interessante que Jesus freqüentemente nos diga para buscarmos as bênçãos que ele promete em lugares inesperados. Àqueles que queriam ser exaltados, ele disse que olhassem para baixo e lavassem os pés de seus irmãos (João 13:14-15). Àqueles preocupados com necessidades físicas, ele disse que buscassem as coisas espirituais (Mateus 6:31-34). E àqueles que querem a paz com os homens, ele diz que busquem a sabedoria pura que vem de cima. Se começarmos a buscar a paz, é bem provável que acabemos com nada mais do que alianças impuras com pessoas infiéis. Mas se partirmos para buscar e seguir a Verdade, receberemos o benefício extra da paz com Deus e seu povo. "A sabedoria, porém, lá do alto é, primeiramente, pura; depois, pacífica..." (Tiago 3:17). Não podemos reverter a ordem. Se pusermos a paz acima da pureza na pregação e na prática, terminaremos em desavença com Deus. Mas se nos devotarmos a proclamar e a seguir a pura mensagem de Jesus Cristo, gozaremos paz eterna com Deus e seu povo (1 Coríntios 1:10; Efésios 2:11-22).

"Assim, pois, seguimos as cousas da paz e também as da edificação de uns para com os outros" (Romanos 14:19).


VIA  GRITOS DE ALERTA / ESTUDOS DA BÍBLIA

4 SINAIS DO VERDADEIRO PENTECOSTES.

Hoje em dia é desesperador as barbaridades que vemos acontecer em inúmeras igrejas em nome de um suposto pentecostes .

Muitos se enveredam por um caminho perigoso , e sem volta .
Pois não caminham sozinho , e por consequência acabam por levar pessoas a entrarem também em uma roubada.
Pois acham que gritaria , falta de respeito ao culto , despreparo emocional , mergulhos em piscinas , carros dentro de igrejas ,  levam os fiéis sem conhecimento a serem escravizados , e somente  procurarem igrejas onde os gritos são mais atraentes do que as palavras  oriundas do altar de DEUS .

Pentecostes era uma das festas de YAVE , registradas em Levítico 23. Anualmente, esta festa apontava para o tempo no qual o Espírito Santo viria ao mundo como Paracleto (Consolador).


Por séculos, a festa havia sido realizada sem nenhum sinal do cumprimento dessa promessa. Mas agora chegara o momento: Pentecostes, que era um tipo, se cumprira. Cinqüenta dias após a ressurreição do Senhor, dez dias após Sua ascensão, os discípulos foram “revestidos de poder” (Lc 24.49).

O Espírito Santo, a terceira Pessoa da Trindade, desceu para estar com eles e habitar neles (João 14.17). Não é nenhuma surpresa o fato de Deus ter predeterminado o exato momento em que tal evento deveria acontecer.

Pentecostes foi também o marco do nascimento da Igreja, o corpo de Cristo sobre a terra. Paulo deixa isso bem claro:“Pois todos nós fomos batizados em um Espírito, formando um corpo”( 1Co. 12.13).

A Igreja começou sob circunstâncias favoráveis. Os discípulos estavam “todos concordemente no mesmo lugar”. Como o fato dessa unidade não ter sido mantida deve afligir o coração do Senhor! “Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela” (Efésios 5:25).

"Pentecostes" é muito importante tanto no Antigo quanto no Novo Testamento. Pentecostes é, na verdade, o nome grego para um festival conhecido no Antigo Testamento como a Festa das Semanas (Levítico 23:15, Deuteronômio 16: 9). A palavra grega significa "cinquenta" e refere-se aos 50 dias que se passaram desde a oferta de Páscoa. A Festa das Semanas comemorava o fim da safra de grãos. Mais interessante, contudo, é a sua utilização em Joel e Atos. Ao olhar para trás à profecia de Joel (Joel 2: 8-32) e para frente à promessa do Espírito Santo nas últimas palavras de Cristo na terra antes da Sua ascensão ao céu (Atos 1:8), Pentecostes marca o início da era da igreja.

A única referência bíblica aos eventos reais de Pentecostes é Atos 2:1-3. Pentecostes é uma reminiscência da Santa Ceia; em ambos os casos, os discípulos estão juntos em uma casa para o que vem a ser um evento importante. Na última ceia, os discípulos testemunham o fim do ministério terreno do Messias quando Ele pede que se lembrem dEle após a Sua morte até o Seu retorno. No dia de Pentecostes, os discípulos testemunham o nascimento da igreja do Novo Testamento com a vinda do Espírito Santo para habitar todos os crentes. Assim, a cena dos discípulos nos aposentos no dia de Pentecostes une o início da obra do Espírito Santo na igreja com a conclusão do ministério terreno de Cristo no Cenáculo, antes da crucificação.

A descrição do fogo e vento mencionados no relato de Pentecostes ressoa por todo o Antigo e o Novo Testamento. O som do vento no dia de Pentecostes foi "impetuoso". Referências bíblicas ao poder do vento (sempre entendido como estando sob o controle de Deus) não faltam. Êxodo 10:13, Salmo 18:42 e Isaías 11:15 no Antigo Testamento e Mateus 14: 23-32 no Novo Testamento são apenas alguns exemplos. Mais significativo do que o vento como poder é o vento como vida no Antigo Testamento (Jó 12:10) e como espírito no Novo (João 3:8). Assim como o primeiro Adão recebeu o sopro da vida física (Gênesis 2:7), do mesmo modo o segundo Adão, Jesus, traz o sopro da vida espiritual. A ideia da vida espiritual gerada pelo Espírito Santo é certamente implícita no vento no dia de Pentecostes.

O fogo é muitas vezes associado no Antigo Testamento com a presença de Deus (Êxodo 3:2; 13:21-22; 24:17, Isaías 10:17) e Sua santidade (Salmo 97:3; Malaquias 3:2). Da mesma forma, no Novo Testamento, o fogo está associado à presença de Deus (Hebreus 12:29) e à purificação que Ele pode trazer à vida humana (Apocalipse 3:18). A presença e santidade de Deus estão implícitas nas línguas de fogo durante Pentecostes. Na verdade, o fogo se identifica com o próprio Cristo (Apocalipse 1:14, 19:12); esta associação é naturalmente subjacente ao presente do Espírito Santo em Pentecostes, o qual iria ensinar aos discípulos as coisas de Cristo (João 16:14).

Um outro aspecto do Dia de Pentecostes é o milagroso falar em línguas estrangeiras que permitiu que pessoas de vários grupos linguísticos compreendessem a mensagem dos apóstolos. Além disso, temos a pregação corajosa e incisiva de Pedro a um público judeu. O efeito do sermão foi poderoso, pois os ouvintes "compungiu-se-lhes o coração" (Atos 2:37) e foram instruídos por Pedro a “Arrependei-vos e seja batizado” (Atos 2:38). A narrativa termina com três mil almas sendo adicionadas à comunhão, com o partir do pão e orações, com sinais apostólicos e maravilhas e com uma comunidade formada na qual as necessidades de todos eram atendidas.


Sinal 1: Todos possuem o mesmo objetivo!

O versículo 1 de Atos 2 nos diz que: “Chegando o dia de Pentecoste, estavam todos reunidos num só lugar”. Isto significa que todos estavam com o mesmo objetivo. Não havia vaidades e nem outras necessidades pois o objetivo era se encherem do Espirito!

Sinal 2: O Pentecoste é a festa do povo!

A festa de pentecoste é comemoração ao festival judaico da colheita. É uma comemoração relacionada aos Dez mandamentos. Por isso é a festa do povo e Atos 2 nos deixa claro isto: não havia avarentos, não havia intelectuais, não havia sacerdotes, não havia conflito de interesses, pois como disse Paulo: ”Deus escolheu as coisas loucas deste mundo para confundir as sábias; e Deus escolheu as coisas fracas deste mundo para confundir as fortes;”. Isto significa que onde ocorre o verdadeiro Pentecoste só a pobres de espírito, pois deles é o Reino dos Céus!
Sinal 3: O verdadeiro Pentecoste é acompanhado de capacitação do espírito!

Onde a o verdadeiro pentecoste a capacitação! Jesus nos disse que não se pode colocar vinhos novos em odres velhos, por isso o Espírito acompanha uma renovação, uma capacitação e uma novidade de vida! Onde se diz que a Pentecoste e não a mudança de vida, fuja pois não é o verdadeiro Pentecoste! Veja Atos 2:4

Sinal 4: O verdadeiro pentecoste é seguido por conversões!

Este é o maior dos sinais. Onde a pentecoste a conversões, a mudança de mente e a renovação. Veja que em Atos 2:41 que naquele dia cerca de 3 mil pessoas foram batizadas, o que nos mostra que de nada adianta o Pentecoste se ele não vier com a conversão de pecadores!

PERIGO PARA OS CRISTÃOS AMERICANOS - Hillary posta vídeo e defende casamento gay nos EUA

Imagem de vídeo de campanha pelo direito ao casamento LGBT postado pela pré-candidata democrata à presidência dos EUA (Foto: Reprodução/YouTube Hillary Clinton)Imagem de vídeo de campanha pelo direito ao casamento LGBT postado pela pré-candidata democrata à presidência dos EUA (Foto: Reprodução/YouTube Hillary Clinton)
A pré-candidata democrata à presidência dos EUA, Hillary Clinton, divulgou nesta quarta-feira (24) em seu perfil oficial no Twitter um vídeo em que apoia o casamento entre pessoas do mesmo sexo. "Todo amor é igual. É hora da igualdade no casamento", diz o post, com um vídeo que fala sobre direitos humanos e direitos da comunidade LGBT. Veja o vídeo [em inglês].
Hillary oficializou na semana passada a pré-candidatura à presidência do país. Em seu discurso inaugural como candidata, ela se apresentou como a defensora da classe média e prometeu uma série de reformas econômicas, sociais e políticas.

G1.COM

PALAVRA DO DIA - AS MARCAS DE UM VERDADEIRO CRISTÃO

O BRASIL E CRISE . CULPA DOS MAUS ELEITORES.

No Brasil os altos e baixos são quase que uma constância , hora temos ora não temos .
Mas uma coisa que esta arraigada no Brasil desde os tempos da coroa de Portugal , é a  chamada corrupção .
O Brasil , infelizmente , é um dos países onde a corrupção é latente , forte , e quase que imbatível .

Hoje , acusamos o PT por tamanha corrupção , mas a  verdade é que esse sistema corrupto já vem de outros mandatários , e mescla as siglas partidárias como um todo.
Claro que  hoje em dia , o PT e seus políticos estão quase que em todo enlameados , mas não são somente eles.
Se pegarmos a história politica de outros presidentes , veremos as mesmas coisas .

PT , PMDB , PSDB , DEM , ETC  , TUDO A MESMA COISA .

O grande problema é que Brasileiros tem a memória curta e se esquecem rapidamente de todo mal que esses políticos malfeitores fazem .
E por consequência disso , votam nos mesmos as próximas eleições .

Se esquecem que foram roubados , que tiveram seus direitos tirados , que foram enganados , que foram comprados por doações enganosas , etc .

Sabe o que precisamos ?

É criar censo de civismo , aprender a cuidar melhor de nossas cidades , estados e país , pois somente assim ,  vamos nos ver distantes desses políticos bandidos e ladrões que se enriquecem as custas da morte de milhares de brasileiros , que são verdadeiros ignorantes político.


EQUIPE GRITOS DE ALERTA

Portas Abertas Internacional comemora 60 anos


Portas Abertas Internacional comemora 60 anos
"Esteja atento! Fortaleça o que resta e que estava para morrer, pois não achei suas obras perfeitas aos olhos do meu Deus." Apocalipse 3.2 – Esse foi o chamado que o Irmão André recebeu de Deus, em 1955, em uma viagem para a Europa Oriental. Dois anos depois, ele começou a contrabandear Bíblias para trás da Cortina de Ferro, percorrendo mais de 321 mil quilômetros com seu lendário fusca azul.
Nos últimos anos, a Portas Abertas temparticipado ativamente na vida de cristãos perseguidos em mais de 60 países do mundo. Assim, com sede na Holanda, a Portas Abertas chega ao seu 60° aniversário com a mesma missão: servir ao cristão perseguido e fortalecer o que resta e o que está para morrer.
Convidamos você para comemorar conosco esses 60 anos de atuação ao redor do mundo. Seja inspirado pelos testemunhos dos cristãos perseguidos e conheça os desafios para a igreja hoje. Chame seus amigos e irmãos na fé e faça parte dessa história você também.
Confirme sua presença no evento!
Culto de celebração 60 anos da Portas Abertas Internacional com participação especial de Adhemar de Campos e do correspondente internacional da Portas Abertas, George B.
Dia 18 de julho às 19h30
Comunidade da Graça
Rua Eponina, 390 – Vila Carrão – São Paulo

Abortista, Ideli Salvatti é escolhida secretária de direitos humanos da OEA

Ex-ministra da Pesca do governo Dilma, a brasileira Ideli Salvatti foi escolhida titular da recém-criada Secretaria de Direitos Humanos da Organização dos Estados Americanos (OEA). Ideli é conhecida por sua defesa pública da legalização o aborto.
A informação da criação da pasta e da escolha da abortista como titular confirmada durante a 45ª Assembleia Geral da entidade em Washington, EUA. Os grupos pró-vida presentes interpretaram a escolha como uma sinalização do que está por vir.
“A ex-ministra nunca escondeu sua posição em defesa do aborto. Na condição de secretária de Direitos Humanos da OEA, Ideli certamente favorecerá a agenda de grupos abortistas que não representam a população brasileira, majoritariamente pró-vida” observou o professor Felipe Nery, presidente do Observatório Inteamericano de Biopolítica.
O professor Felipe participou do evento em Washington com outros representantes da referida entidade, que se dedica a promover a defesa da vida e da família natural. “É lamentável que os brasileiros e os latino-americanos sejam representados por alguém que fará avançar a agenda do aborto, pois a maioria da população do Brasil e América Latina é pela vida”, completou.

Foro de São Paulo

A Assembleia Geral da OEA contou com várias mesas de discussão, cada qual abordando um eixo temático: democracia, direitos humanos, desenvolvimento, e seguridade.  Em cada uma delas, os grupos pró-vida expuseram questões delicadas do panorama político.
Na mesa que abrigou a discussão sobre democracia, por exemplo, os líderes das organizações pró-família levantaram a questão da corrupção e legitimidade das eleições na América Latina, assim como a ingerência do Foro de São Paulo no processo eleitoral.
A mesa que discutiu os direitos humanos foi marcada por um dissenso: os grupos pró-família entendem qualquer tratado sobre o tema deve ser ratificado, antes, pelas casas legislativas, em respeito ao princípio de soberania nacional; os grupos anti-família, contudo, queriam a aprovação de tratados sem ratificação, ignorando a soberania dos países da OEA.

Abortistas desacatam regulamento

Os grupos pró-vida também testemunharam um líder do movimento abortista em flagrante desrespeito aos regulamentos da OEA durante a Assembleia Geral.
“Foi um ato claramente antidemocrático: ele entregou seu crachá para um terceiro, tomou seu lugar na Assembleia da OEA, sem passar pelo devido processo de creditação e documentação, um processo longo que é exigido da entidade civil que cada um representa”, disse a professora Fernanda Takitani, que também participou do Observatório da Biopolítica.
“É um fato que mostra que os líderes do movimento abortista não se importam com os processos legais, com as normas e regulamentos dentro e fora da OEA e usam de todos os mecanismos para ganhar força”, concluiu.

Gospel Prime

Festival da Esperança com Franklin Graham chega a Fortaleza

A cidade de Fortaleza (CE) vai receber a cruzada Festival da Esperança, evento realizado em diversos países do mundo pelo pastor Franklin Graham. O culto vai acontecer nos dias 23 e 24 de outubro e deve atrair cerca de 50 mil pessoas.
A cruzada faz parte dos eventos promovidos pela Associação Evangelística Billy Graham, AEBG, e nesta edição conta com a parceria da Ordem dos Ministros Evangélicos do Ceará (ORMECE) e Igrejas Evangélicas de Fortaleza.
O objetivo do evento é contribuir para que a palavra de Deus se espalhe pela capital cearense e também para as cidades próximas, já que caravanas de outros municípios poderão participar dos cultos.
A cruzada acontecerá na Arena Castelão, localizada na Av. Alberto Craveiro, 2901. Cerca de 20 mil pessoas serão treinadas através de um curso de capacitação da Associação Billy Graham para trabalharem durante o evento, metade deles serão conselheiros e a outra metade ajudará na logística.
A associação realizará mais de 20 cursos em toda a Fortaleza, encontro de mulheres, encontro de homens, vigílias, eventos para pastores e líderes e ainda ensaios do grande coral. Para mais informações sobre esses cursos entre em contato através dos telefones (85) 3017-1679 / 3021-1755.


GP

A VERDADE SOBRE O ISLAMISMO .

É ESCLARECEDOR ESSE TEXTO QUE  ACABEI DE TER CONHECIMENTO , E COMPARTILHO AGORA . 
  • Neste documento, em 3 partes, veremos que Maomé foi um:
  • Senhor da guerra e terrorista, Ladrão, Assassino, Mandante de assassinatos, Pervertido sexual, Pedófilo, Mercador de escravos e pirata.
  • Veremos também que Maomé forjou uma ideologia, o islamismo, que, se seguida em sua totalidade, leva seus seguidores a se comportarem como ele.



Maomé divide o mundo
  Maomé dividiu o mundo em Dar-al-Islam (a Casa do Islã) e Dar-al-Harb (a Casa da Guerra).
  Todo o território conquistado pela Jihad torna-se Dar-al-Islam, e o Islã (e a lei islâmica Sharia) reina supremo (para o desespero das mulheres e dos não-muçulmanos).
  Em todos os territórios restantes, a  Jihad deve ser promovida.

Como os não-muçulmanos vivem no Dar-al-Islam?


  Como cidadãoes de segunda classe, os Dihmmi.
  Os “direitos” dos Dhimmi:
  Não podem mostrar vinho ou porco.
  Não podem tocar sinos ou mostrar cruzes.
  Não podem recitar a Torá ou o evangelho em voz alta.
  Não podem fazer menifestação pública nos seus enterros e nem em dias de festa.
  Não podem reconstruir suas casas de louvor.
  Devem se vestir diferente dos muçulmanos.
  Devem aceitar o seu estado de inferioridade.
  Devem pagar a taxa de proteção, chamada de Jizyiah.

20.000 Muçulmanos atacam igreja no Cairo (Nov. 2008)

  
Mil cristãos foram encurralados no interior da Igreja Ortodoxa Copta da Virgem Maria em West Ain Shams, no Cairo, após mais de vinte mil muçulmanos atacarem com pedras e garrafas de gás butano.
  Os muçulmanos não concordam que o galpão onde funciona a igreja se torne em um templo.


Como não-muçulmanos vivem em Dar-al-Islam?
  Em um estado islâmico, os não-muçulmanos usarão um sinal para mostrar o que eles são – no sinal vai estar escrito Kaffir. Nós não iremos discriminar baseado em altura, raça aparência, mas nós vamos discriminar baseado na crença religiosa.” (Anjem Choudary, Líder Muçulmano Britânico)
  “Voces saberão quando os muçulmanos terão começado a insurreição quando houver sangue nas ruas de Londres e Nova Iorque do mesmo jeito que existe sangue nas ruas de Fallujah e Mumbai.”

Esconda o Alcorão dos infiéis!

  
Maomé sabia que seus ensinamentos eram uma farça:
N  O Mensageiro disse: ‘Não leve o Alcorão em uma jornada com você, pois eu temo que ele caia na mão dos inimigos'
N  O inimigo pode retê-lo e começar a discutir sobre ele com você. [Hadith by Muslim C24B20N4609]

Esconda o verdadeiro Maomé antes que alguém se converta ao Islamismo!
  O livro Metodologia da Dawah1,de Shamim A. Siddiqi, diz como os muçulmanos devem se aproximar dos não-muçulmanos de modo a converte-los para o Islã. Esse livro foi escrito por um muçulmano para muçulmanos.
  Ele específicamente diz para os muçulmanos não contarem aos novos convertidos toda a verdade sobre o Islã.
  Porque não mentir? Afinal, Alá é descrito no Alcorão como maior dos enganadores. [Alcorão 8:30]
1Dawah = tentativa de converter outros ao Islã

Esconda a realidade do Islã antes que alguém se converta!  O livro Metodologia da Dawah1,de Shamim A. Siddiqi, páginas 48 e 49, diz:
N  Explicar o conceito de Tawheed (deus único) sem dizer o que este Kalimah [declaração de fé] exige de um muçulmano.
N  Apresentar o Aqidah [Credo Islamico] sem explicar o impacto do Iman Billah [fé em Alá].
N  Explicar o Iman Bil-Akhirah [fé na vida depois da morte] sem dizer qual a revolução isto deve causar na vida do indivíduo e da sociedade que ele vive.
  Isto é Takiyah !

O que éTakiyah?
  É ok para muçulmanos mentir se a mentira ajuda na propagação do islamismo.
  Este princípio teológico é chamado de Takiyah, o que significa esconder a “crença verdadeira” para confundir os adversários.
  Ativistas muçulmanos empregam estas táticas de decepção na tentativa de polir a imagem do islamismo. Eles cuidadosamente evitam, obscurecem, e omitem a menção a qualquer aspecto negativo dos textos e ensinamentos islâmicos.

Alá, o enganador
  Alá é um mentiroso:
N  Alá é melhor dos enganadores [Alcorão 3:54]
  Outras referências sobre os esquemas de conspiração e enganação de Alá são: Alcorão 7:99; 27:50; 13:42; 14:46; 43:79; 86:15f.; 7:100; 4:14.
  (interessante, a Bíblia chama o demônio de o pai da mentira)
  PS. O passatempo favorito de Alá é torturar os infiéis no Inferno [Alcorão 104:4], onde ele vive [68:44].

Maomé e suas mulheres

  
Para controlar as (entre 11 e 24) esposas, concubinas e escravas (sexuais), Maomé teve um número de “revelações” específicas de Alá.

  
Essas “revelações” resolveram os problemas domésticos de Maomé.
  Mas condenaram as mulheres muçulmanas para sempre…
  … pois elas estão consolidadas na Lei Islâmica (Sharia).
  O homem tem autoridade sobre suas mulheres pois Alá fez um superior ao outro [Alcorão 4:34].
  Maomé bateu no peito da sua esposa favorita, Aisha, porque ela saiu de casa sem permissão [Muslim, 4:2127].
  Apesar de contas, Alá permite aos muçulmanos baterem nas suas esposas [Alcorão, 4:34].
     Declarações de clérigos islamicos:
N  Nós sabemos que bater na mulher é uma punição islâmica.
N  Isto não pode ser negado pois é prescrito pelo criador do homem.
N  Bater é sem dúvidas um dos métodos para reformar as esposas.


Mulheres sob o Islã
  Eu ouví o Profeta dizer: “Mal pressentimento existe em três coisas: o cavalo, a mulher e a casa.” [Bukhari 4:56:2858]  
  Direito a herança: A parte do homem deve ser duas vezes a parte da mulher [Alcorão 4:176]
  O testemunho da mulher vale a metade do testemunho do homem [Alcorão 2:282] … devido a deficiência da mente da mulher [Ishaq 584].
  Em casos de adultério ou estupro, a mulher precisa do testemunho de quatro homens [Alcorão 24:11-20]. Se ela não provar sua inocência (mesmo do estupro), ela é apedrejada.

Mulheres: objeto sexual
  Não existe sexo consensual:
  Suas esposas são como um campo a ser arado; então, aproxime-se e faça como desejar [Alcorão 2:223].

Mulheres devem sentir vergonha
  Código de vestimenta para as mulheres:
  A vestimenta deve cobrir todo o corpo exceto a face, mãos e pés.
  Vestimento deve ser modesto e não muito justo ou que atraia a atenção dos olhos.
  hijab ou véu é obrigatório.

  
A burqua cobre toda a cabeça e face e é específica para certas culturas, por exemplo, a burqua azul usada pelas  mulheres no Afghanistão.

Direito das Mulheres
A lista abaixo complementa o dito nos slides anteriores:
  Mulheres devem ser circuncizadas (ter o clítoris cortado fora).
  Não podem deixar a casa sem autorização do pai, marido ou guardião. Ao sair, preci-sam da companhia de um homem (parente).
  Só podem se casar com um muçulmano (homens podem se casar com infiéis).
  Só podem se casar uma vez (homens, até 4)
  Podem ser divorciadas por qualquer motivo, bastando ao homem dizer 3 vezes: “eu me divorcio.” (elas não tem o mesmo direito.)
Crimes de Honra
  “Crimes de Honra” são uma consequência das  mulheres serem propriedade dos homens.
  Um manual de Lei islâmica certificado pela Universidade Al-Azhar como um guia da ortodoxia Sunnita diz que:
   "retaliação é obrigatória contra qualquer um que mate um ser humano intencionalmente e sem direito."
  Entretanto,
  "não estão sujeitos a retaliação um pai ou uma mãe (ou seus pais ou suas mães) que mate seus filhos ou netos." ['Umdat al-Salik o1.1-2].
  Em outras palavras, quem matar seus filhos não sofre punição segundo a lei islâmica.
  (e isso se extende às esposas também …)

Crimes de Honra
  •       Amina e Sarah, mortas com um tiro por seu pai no dia de ano novo (2008) no Texas, por namorarem não-muçulmanos.
  •          Journalista, feminista, e defensora dos direitos humanos, Rana Husseini, escreveu uma série de reportagens sobre os crimes de honra na Jordânia. Resultado: ela é acusada de ser anti-família, anti-Islã e anti-Jordânia. 
  •        Riyadh: Um Saudita da  Commissão para Promoção da  Virtude e Prevenção do Vício matou sua filha por ela ter se convertido ao cristianismo. (Agosto, 2008)   
  •        Dez 2007: Aqsa Parvez, 16, de Toronto, morta por seu pai e tio após discussão sobre o uso da hijab. Ela queria ser mais ocidental.
  •       Na Turquia, um total de 1.985 mulheres morreram de violência doméstica nos dois últimos anos, o que faz 3 mulhers assassinadas por dia. Na Europa duas mulheres morrem por semana devido a violência do marido ou namorado.
Mais exemplos existem, faça um Google com “Honour killings”.

Recompensa para os muçulmanos vivos: sexo e pilhagem
  Existem recompensas, nesta vida e na outra, para os envolvidos com Jihad.
  Para quem vive, o prêmio é sexo (com as mulheres não-muçulmanas, tomadas ou não como escravas) e pilhagem (tomar propriedade de não-muçulmanos ou vendendo-os como escravos).
  (Foi isso que atraiu tantos homens para a “verdadeira religião”: sexo livre, tomar a propriedade dos outros e tráfico de escravos, tudo sancionado por Alá!) 
  Pilhagem é legal e boa [Alcorão 8:69].
  Alá permite aos muçulmanos fazerem sexo com as mulheres que a sua mão-direita possuir [Alcorão 33:52].
  E não existe limite no número de mulheres que pode-se ter (esposas podem ser divorciadas a qualquer momento).
  Este preceito tornou legal o estupro ou emprisionamento de mulheres depois das batalhas.
  É por isso que estupro é endêmico nos países islâmicos;
  E vem crescendo na Europa com o crescimento das comunidades islâmicas.

Recompensa para os muçulmanos mortos: sexo
  A recompensa para aqueles que morrem matando em nome de Alá é sexo.
  O paraíso islâmico é um bordel.
  No paraíso, o fiél terá virilidade eterna para saborear suas virgens e seus meninos (sim, meninos!).
  Mas, e as mulheres muçulmanas?
  Maomé disse que viu o fogo do inferno que a maioria nele eram mulheres!


O Paraíso Islâmico
·         Maomé adaptou todas as recompensas e sanções de sua religião para a gratificação da paixão sexual.

Origens do ódio contra os judeus
  Maomé tentou converter para o islamismo os (30 mil) judeus de Medina.
  Os judeus recusaram: as histórias bíblicas contadas por Maomé estavam erradas.
  Por terem recusado o convite para o Islã, Maomé exterminou os judeus:
  Eles foram imediatamente mortos, ou jogados no deserto para morrerem, ou vendidos como escravos.  E, claro, ele roubou os judeus no processo.
  Lembrem-se, Maomé é o modelo de conduta.

Maomé e os judeus
  Além disso, Maomé deixou uma séries de “revelações” que definem o tom do comportamento do islamismo frente ao Judaismo (por exempo):
  Alá fez os judeus deixarem as suas casas aterrorizando-os de modo que vocês mataram uma parte deles e escravizaram os demais. E ele (Alá) fez vocês herdarem as suas terras, suas casas e suas riquezas. [Alcorão 33:26].
  Judeus são porcos, macacos [Alcorão 2:62-65; 5:59-60; 7:166]
  Os nossos maiores inimigos são os judeus e os pagãos [Alcorão 5:82]
(Lembre-se, tudo isso aconteceu 1.400 anos antes da criação do Estado de Israel.)


O Alcorão não permite o reconhecimento de Israel
  Autoridade Palestina, ministro do exterior Mahmoud A-Zahar do Hamas, disse na sexta-feira (Abril de 2007) que …
  Reconhecer Israel contradiz o Alcorão.

Maomé e os cristãos
  Ao final da sua vida, Maomé iniciou a Jihad contra os cristãos, atacando a (não tão) próxima cidade bizantina de Tabuk (500 anos antes das crusadas; 12 séculos antes da independência dos EUA).
  Ele precisava de ‘revelações’ para justificar o seu ataque (por exemplo):
  Quão perversos são os cristãos [Alcorão 9:30]
  Muçulmanos, não tomem os cristãos e nem os judeus como seus amigos [Alcorão 5:51]
  Cristãos e judeus tem uma doença nos seus corações [Alcorão 74:31]
  O propósito de Alá é o de aniquilá-los por seu crime [Alcorão 5:49]
  Os cristãos espalham falsidades contra Alá e o seu profeta:
  É uma blasfêmia dizer que Jesus Cristo é Deus [Alcorão 5:72] ou Filho de Deus [Alcorão 23:91]
  Jesus era (nada mais do que) um mensageiro de Alá [Alcorão 4:171]
  Jesus não foi crucificado e nem morreu [Alcorão 4:157]
  Cristãos adoram 3 deuses (a trindade): Pai, Filho e Maria [Alcorão 5:73]

Isa: o Jesus islâmico
  Isa era um muçulmano que chamou a humanidade para obedecer a leis de Alá (Sharia).
  Ele teria sido um terrorista islâmico, pronto para derrubar os governos ‘feitos pelo homem’ e estabelecer zelosamente cortes islâmicas ao redor do mundo.
  O Jesus dos evangelhos nunca existiu:
  Dê a César o que é de César [mundo físico] e a Deus o que é de Deus [mundo espiritual], e vire a sua outra face são mentiras.

  
São distorções que os cristãos introduziram na bíblia para negar Alá – diz a tradição islâmica.
  Por isso, a necessidade do Alcorão, “a palavra de Alá, sem corrupção.”

  O Alcorão ensina que Alá levou Jesus (Isa) para o paraíso até o dia do julgamento.
  Jesus (Isa) irá retornar à Terra para liderar os muçulmanos numa guerra contra os judeus e os cristãos, quando a terra será limpada dos infiéis.
  O filho de Maria irá em breve descer para o vosso meio. Ele irá quebrar a cruz [acabar com o cristianismo] e matar os porcos [os judeus][Hadith escrito por Al-Bukhari]

Supremacismo islâmico
N  O islamismo é a única “religião” com uma doutrina prescrevendo:
  A conquista militar dos não-muçulmanos
  A subjugação contínua dos não-muçulmanos como inferiores dentro da lei islâmica (Sharia)
  Alá enviou Maomé para fazer o Islã superior sobre todas as religiões [Alcorão 9:33]
  Então lute contra os não-muçulmanos até que toda a oposição termine e o Islã seja a única religião [Alcorão 8:39] (através da  Sharia)
  … até que os não-muçulmanos paguem a Jizya de modo subserviente, e sintam-se subjugados [Alcorão 9:29]

Supremacismo islâmico
  Irmandade Islâmica “Um Memorando Explanativo sobre o Objetivo Estratégico Geral da Irmandade na América do Norte”:
   o trabalho na América é como uma grande Jihad
   para eliminar e destruir a Civilização Ocidental por dentro
  E ‘sabotar’ esta casa miserável por suas mãos e pelas mãos dos fiéis
  De modo que a religião de Alá seja feita vitoriosa sobre todas as outras religiões.

Maududi (Islamic Scholar) escreveu:
  O Islã deseja destruir todos os estados e governos em qualquer lugar na face da Terra que se oponha à ideologia e programa do Islã independente do país ou nação que a governe.
  O propósito do Islã é o de estabelecer um estado baseado em sua própria ideologia e programa, independente de que país assuma o papel de líder, ou que governo seja derrubado no processo de estabelecimento da ideologia.
  O Islã não pretende confinar esta revolução a apenas um estado ou alguns países; o propósito final é o de promover uma revolução universal.


Definicões sob a ótica islâmica

Paz - Quando não existe mais resistência ao Islã. Paz apenas existe quando o Islã governa, tanto políticamente quanto religiosamente, e todos os princípios islâmicos regem a lei.
Liberdade – Liberdade existem apenas quando o Islã e seus princípios obtém dominio completo, contitutindo a totalidade da crença religiosa e das regras políticas.
Justica – O estado no qual a Lei Islâmica Sharia é a única lei da terra, e todas as decisões judiciais são baseadas apenas sobre ela. Justiça existe quando os não-muçulmanos não têm direitos perante um tribunal, e quando o testemuno de duas muçulmanas é igual ao de um muçulmano.
Igualdade – Igualdade é alcançada quando os muçulmanos forem os únicos líderes da sociedade, e ocuparem os seus lugares como os “melhores dos homens”, liderando todas as instituições políticas e religiosas. O mesmo não se extende aos não-muçulmanos e nem aos apóstatas.
Tolerância – O estado no qual os não-muçulmanos são devidamente subservientes ao governo muçulmano, concordam com seu estado de segunda-classe (Dhimmi), e pagam a taxa Jizya para os seus senhores muçulmanos.
Verdade – Consiste em aceitar a versão islâmica dos eventos, como estabelecido no Alcorão e na Sunna. Tudo além disso é boato ou blasfêmia (veja Mentira).
Democracia – O estado no qual o Islã é a lei e religião absoluta, e todas as pessoas se conformam com as leis e costumes islâmicos (veja Liberdade).
Liberdade de Expressão – É alcançada quando os muçulmanos, e apenas eles, são livres para expalhar as suas crenças, e os não-muçulmanos são proibidos de comentar ou criticar qualquer preceito islâmico.
Justiça Social – Uma sociedade governada por muçulmanos sob a lei islâmica.
Alcorão – A palavra final de Alá, perfeito e inalterado, superior a todos os outros “livros” e o único e verdadeiro guia para a humanidade no tocante a religião, lei e política.
Opressão – Quando um país não é governado pela lei islâmica, ou quando existem  ações de resitência à implementação da lei islâmica.
Racismo – Quando qualquer preceito islâmico, ou quando algum muçulmano, é criticado ou rejeitado.
Infiél – Todo e qualquer não-muçulmano. Segundo a lei islâmica eles são sujeitos a conversão, subjugação ou condenados à morte.
Escravidão – O estado legal de qualquer infiél capturado em uma batalha contra o Islã.
Tratado – Acordo temporário entre muçulmanos e não-muçulmanos, válido apenas até quando os muçulmanos recuperarem o poder para alcançar por outros meios, violentos ou não, aquilo que eles momentaneamente não conseguiram.
Mentira – Ato de esconder a verdade. Permitido pela lei islâmica para um muçulmano para se proteger ou para avançar a causa do Islã.


FONTE . A VERDADE 

FINAL DOS TEMPOS - Pastor e mulher são presos suspeitos de estuprar menina para tirar 'maldição do sexo', em Edeia

Pastor e mulher são presos suspeitos de estuprar menina para tirar 'maldição do sexo', em Edeia Segundo relato da vítima à políc...