sexta-feira, 24 de maio de 2013

AMADOS , DESEJO A TODOS UM FINAL DE SEMANA REPLETO DE BENÇÃOS . Bispo Roberto Torrecilhas

Entrevista com Thalles Roberto

Open in new windowUm dos principais nomes do gospel no Brasil, Thalles Roberto cresceu cantando na igreja onde seu pai pastor Job Roberto, era regente do coral. Com voz potente e afinada, antes da fama atuou como backing vocal de nomes como Jota Quest e Jamil e Uma Noites. Participou de um especial de fim de ano de Roberto Carlos e compôs músicas para artistas como Luciana Mello e Seu Jorge.

Em entrevista ao Virgula Música, o cantor diz que Ana Paula Valadão, do Diante do Trono, foi sua maior inspiração no meio gospel. Ele comenta também sobre o episódio em que Ivete Sangalo cantou uma de suas músicas mais conhecidas: Arde Outra Vez. A mesma música, como Thalles conta, fez com que seu amigo Léo Moura, lateral-direito do Flamengo, tivesse "um encontro com Deus".

"Acredito que a música, o ritmo e o show tem atraído todo tipo de gente. A música é muito boa, a mensagem é positiva, alegre, verdade. Todo mundo gosta, evangélicos ou não", afirma o cantor, sobre o sucesso no meio secular, como o meio cristão trata o que não é gospel. A lista de cantores que incluíram as canções de Thalles ainda inclui Naldo e Claudia Leitte.

O destaque de Thalles como artista solo veio com seu primeiro trabalho, Na Sala do Pai, em 2009, disco autoral produzido por ele mesmo que superou a 200 mil cópias vendidas entre CD e DVD. Suas canções passaram a ser executadas nas emissoras de rádios gospel do Brasil.

Depois vieram o álbum Raízes e os CDs e DVDs Uma História Escrita pelo Dedo de Deus, todos de 2011. Na edição de maio da revista Billboard, o músico e pastor tem três músicas no ranking Gospel Brasil 50 com as músicas Deus da Minha Vida (20º), Escrita pelo Dedo de Deus (25º) e Eu Escolho Deus (48º). Leia a entrevista, concedida por e-mail com o cantor que acaba de lançar o CD Sejam Cheios de Espírito Santo:

Ivete Sangalo cantou Arde Outra Vez durante um show. O que isto significou para você?
Significa que o evangelho do reino tem sido pregado, e que não há limites pra Deus. Todo joelho se dobrará e toda língua confessará que Jesus Cristo é o senhor.

Como encara o sucesso no meio secular?
Acredito que a música, o ritmo e o show tem atraído todo tipo de gente. A música é muito boa, a mensagem é positiva, alegre, verdade. Todo mundo gosta, evangélicos ou não.

Que artistas do meio gospel mais te influenciaram?
A cantora Ana Paula Valadão.

Como descobriu a vocação para música?
Desde criança, em casa, cantávamos. Nossa vida sempre foi cercada de muita música e eu nunca me imaginei fazendo outra coisa a não ser cantar.

A música gospel foi a escola de muitos artistas importantes nos Estados Unidos, na sua opinião seria possível algo semelhante no Brasil?
Acho que não. As realidades dos dois países são muito diferentes.

Na sua opinião, qual é o segredo de uma boa canção gospel?
Verdade. Cantar a verdade, com uma melodia do coração é tudo.

Existe maior diversidade e abertura no segmento gospel hoje?
Sim. Acho isso muito positivo, porque a diversidade nos ritmos e a liberdade nos habilita a falar com o maior número de pessoas possível.

Você é amigo do Léo Moura. Fale um pouco como o conheceu e como a música pode ser um combustível para a motivação das pessoas?
O Léo Moura teve um encontro com Deus ouvindo Arde Outra Vez, uma das minhas músicas mais queridas. A música tem o poder de entrar na alma e é com certeza um instrumento poderoso pra transformar corações.

Eu e o Léo temos uma sintonia muito grande no espírito, o cara é extremamente simples e ama a presença de Deus.

Que outros famosos já se aproximaram da sua música e como vê a influência deles em trazer mais público para o gospel?
Muitos famosos se aproximam e recebem a unção do espirito santo. Muitos mesmo. Não gostaria de falar nomes apenas gostaria de dizer que o evangelho de Jesus é para todo mundo. Famoso ou não famoso, ele nos ama e nos aceita.

Fonte: Vírgula - UOL

Crescimento de jovens evangélicos chega a 70% no estado de São Paulo

Open in new windowO crescimento de jovens evangélicos chega a 70% nos últimos anos em uma região do estado de São Paulo, Brasil. Os dados foram revelados pelo último censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Os números da pesquisa apontam para 338 mil moradores jovens que declararam ter relação com alguma igreja evangélica na região do ABCD - que compreende a região industrial, com os municípios de Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul e Diadema. Com a faixa etária de até 29 anos, o grupo era 236 mil pessoas no ano de 2000.

“Esse crescimento também é atrelado a uma abordagem mais jovem, um público que ficou afastado por muito tempo. No final dos anos 1980, começo dos 1990, começou um movimento gospel que trouxe uma linguagem muito mais voltada para jovens, com músicas, por exemplo”, explicou Magali do Nascimento Cunha, professora do Curso de Teologia da Universidade Metodista de São Paulo, ao jornal ABCD.

“É uma linguagem que não é apenas jovem, mas uma cultura em que ser cristão não é ser ultrapassado, mas que pode ser algo moderno também”, complementou a pesquisadora.

O Censo Demográfico foi divulgado em 2012. No Brasil, o aumento do número de evangélicos chegou a 61% em 10 anos. A queda percentual de católicos foi considerada histórica pelos pesquisadores. O estudo revelou ainda que os jovens brasileiros são muito religiosos e estão em 3° lugar no mundo.

A maior população evangélica é a do estado de Rondônia, com 33,8%. A região com menos adeptos da religião é a Serra Gaúcha, onde algumas cidades apresentam apenas 1% da população. O estado do Rio Grande do Sul mostra um crescimento de aproximadamente 3% ao ano, menos da metade da média brasileira de 7,4% de evangélicos ao ano.

“Quando os evangélicos eram em torno de 13 milhões tínhamos 880 missionários trabalhando em missões transculturais. Depois de pouco mais de 20 anos somos 45 milhões com apenas 3.200 missionários transculturais. A partir do ano 2000, o crescimento caiu vertiginosamente. Hoje existe apenas um aumento de 3,5 % em números de missionários enviados anualmente”, publicou em artigo sobre o tema a instituição evangélica Servindo Líderes e Pastores (Sepal), ressaltando que o crescimento não chegou ao campo missionário.

O assunto já foi destaque da revista Veja, que apontou o Brasil como um dos países com maior população evangélica do mundo, apesar de ser a segunda religião, ficando atrás apenas do Catolicismo. Segundo a publicação, as igrejas que possuem mais templos são a Igreja Internacional da Graça de Deus, Comunidade Sara Nossa Terra e a Igreja Apostólica Renascer em Cristo.

Fonte: The Christian Post

Campanha na internet critica nova novela da Globo



Campanha na internet critica nova novela da GloboUma campanha criada por uma página do Facebook protesta contra a nova novela da Rede Globo, Amor à Vida, que estreou na faixa das 21h no dia 20 de maio. Escrita por Walcyr Carrasco, a novela vai mostrar um casal homossexual que desejam formar uma família e um vilão homossexual enrustido.
A campanha criada pela fan page “Marcos (SIC) Feliciano me Representa Sim” diz: “Diga Não a Essa Novela que Prega Sodomia, Pessoas Adúlteras, Afeminadas e Fornicadores. Juntos somos mais forte (sic)”.
A imagem com o protesto foi publicada antes mesmo da estreia da novela, que ocupa o lugar de “Salve Jorge” outra produção muito criticada por evangélicos.
Enquanto a trama de Glórias Perez falava sobre devoção a São Jorge, o que gerou as críticas de evangélicos, a novela de Walcyr Carrasco vai falar abertamente sobre a homossexualidade.
O casal homossexual será interpretado pelos atores Marcello Antony e Thiago Fragoso. Eles tentarão ter um filho por meio de barriga de aluguel. Já o ator Mateus Solano interpreta o vilão da história, um gay enrustido que não quer assumir sua orientação sexual para a família.
globo
“Eu nasci assim”
A cena mais comentada por internautas que acompanham a nova novela foi ao ar na noite desta quinta-feira (23) quando o personagem de Mateus Solano, Félix, é pego pela mulher (Edith, Bárbara Paz) tendo um caso com outro homem.
Ao confessar para a mulher que é gay, Félix diz que sempre se sentiu diferente e que sua sexualidade não é opção. “Eu nasci assim”, disse.
Muitos internautas aplaudiram a cena e disseram que o vilão de Amor à Vida representa muitos homens brasileiros que vivem “no armário” com medo das críticas da sociedade.

 
inf. GP

ACABANDO COM A CONCORRÊNCIA - MESA DIRETORA DESLIGA SAMUEL CÂMARA

Mesa Diretora desliga Samuel Câmara da CGADB Mesa Diretora desliga pastor Samuel Câmara da CGADB
A reunião da Mesa Diretora da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB) decidiu nesta quarta-feira (22), com sete votos a três, desligar o pastor Samuel Câmara de seu quadro de associados.
O Conselho de Ética e Disciplina da convenção havia solicitado o desligamento sob a acusação de quebra de decoro, alegando que o pastor teria tumultuado a reunião da AGE que aconteceu em 2012 no estado de Alagoas.
Além de Samuel Câmara, os pastores Sóstenes Apolos, Jônatas Câmara e Ivan Bastos também estavam para ser julgados, porém os dois primeiros não compareceram na reunião por motivos médicos e Bastos, que agora é o 1º Tesoureiro da Mesa, só poderá ser julgado em uma Assembleia Geral Ordinária.
Ao comentar a decisão em sua página no Facebook, o pastor Samuel Câmara afirmou que se trata de uma perseguição política e que irá recorrer.
O julgamento dos pastores estava marcado para o mês de janeiro, mas uma liminar da Justiça impediu que ele acontecesse antes das eleições da CGADB, que aconteceu em 11 de abril durante a AGO de Brasília.
Leia o comentário de Samuel Câmara sobre seu desligamento
Ao arrepio do Estatuto e do Regimento Interno, que não prevê esse tipo de sanção para a acusação de quebra de decoro alegada contra mim e os demais pastores já mencionados, a Mesa Diretora acaba de deliberar pelo meu desligamento da CGADB por sete votos a três. Votaram contra a decisão os pastores Antonio Dionísio, Jonas Francisco de Paula e Ivan Bastos.
Os processos contra  o pastor Sóstenes Apolos e Jônatas Câmara foram temporariamente suspensos porque ambos justificaram a sua ausência por razões de ordem médica. Já o pastor Ivan Bastos só pode ser julgado, neste caso, pela AGO por pertencer à Mesa Diretora da CGADB. 
Infelizmente optaram, mais uma vez, por cometer uma arbitrariedade. Rito sumário como nas piores ditaduras. Fica caracterizada a perseguição política e a determinação de tirar do caminho e atropelar qualquer um que levante a sua voz contra os desmandos da administração que há 25 anos comanda a CGADB.
Diante desta atitude arbitrária, repito o nosso lema: “Porque Deus não nos deu um espírito de temor, mas de fortaleza, e de amor e de moderação”, 1 Timóteo 1.7. 
Vamos recorrer da decisão, com tranquilidade. Eles buscam promover mais uma cisão. Nós buscamos a unidade assembleiana. Insistimos que nos cubram com as suas orações.

NOTA DO GRITOS DE ALERTA.

Assim fica fácil né ,pois quando nos sentimos ameaçados , arrancamos quem nos ameaça e nos perpetuamos no poder , né senhores ligados aos que levaram essa exclusão ao pé da letra .

Tem um grupo ai feliz com tudo isso ,pois alem de aopoiarem o DILMA em suas peripécias , agora seguem o mesmo exemplo do PT .
De banir os inimigos e todos que são contra , e assim ficam  no poder para sempre.

SUA FALA TE CONDENA PRESIDENTE DA CGADB , POIS QUANDO DEU UMA POSSIBILIDADE DE APOIO A DILMA PERDEU SUA MORAL PARA COMIGO E PARA COM UMA MULTIDÃO DE BRASILEIROS DE TE APOIAVA.

 AS ASSEMBLÁIA DE DEUS BELÉM NÃO MERECE ESSE TIPO DE CONDUTA.
BISPO ROBERTO TORRECILHAS.

VERGONHA O QUE A CGADB FEZ COM O PASTOR SAMUEL CÂMARA .

Isso esta virando moda no meio evangélico .
A pouco tempo a Quadrangular viveu isso nas eleições para presidente .
Acusações . ameaças etc.
Outros ministérios também , e agora e as Assembléias de Deus que passa por isso.
Tudo mostra que essas atitudes é apenas para derrubar possíveis oponentes , pessoas que podem ir contra aos desmandos etc.
Ficamos tristes em ver , que certas denominações estão caminhando para o mundanismo ,onde a lei dos corruptos começam a imperar.


VOLTA LOGO SENHOR JESUS.

MATADORES DE CRISTÃOS - Clérigo exilado que ensinou agressor de Londres elogia "coragem"

Em entrevista em Trípoli, Omar Bakri disse que conhecia o suspeito Michael Adebolajo há uma década
Foto: Reuters
Em entrevista em Trípoli, Omar Bakri disse que conhecia o suspeito Michael Adebolajo há uma década Foto: ReutersUm clérigo islâmico nascido na Síria, que ensinou um dos agressores acusados ​​de matar um soldado britânico em uma rua de Londres, elogiou o ataque por sua "coragem" e disse que os muçulmanos o consideram um ataque contra um alvo militar.

Em entrevista em Trípoli, no norte do Líbano, onde mora desde que foi banido da Grã-Bretanha em 2005, Omar Bakri, fundador do grupo islâmico britânico banido Al Muhajiroun, disse à Reuters que conhecia o suspeito Michael Adebolajo há uma década.

"Quando eu vi as imagens, reconheci o rosto imediatamente", disse Bakri à Reuters. "Eu conhecia ele. Um homem quieto, muito tímido, fazendo um monte de perguntas sobre o islã."

"O que me surpreendeu é que o homem tranquilo, o homem muito tímido, decidiu realizar um ataque contra um soldado britânico no meio do dia, no meio de uma rua no Reino Unido. No leste de Londres. É incrível", disse.

"Quando eu vi, honestamente, fiquei muito surpreso... Firme de pé, corajoso, valente. Sem fugir. Ao contrário, ele disse por que fez (o ataque) e queria que o mundo inteiro ouvisse", acrescentou.

O ataque foi veementemente condenado por organizações muçulmanas na Grã-Bretanha.

Adebolajo, 28 anos, nascido britânico de uma família imigrante nigeriana católica, ganhou o apelido Mujahid - guerreiro - depois de converter-se ao islã na adolescência em um subúrbio na periferia nordeste de Londres.

Ele foi filmado com as mãos ainda cobertas de sangue após matar a facadas o soldado Lee Rigby, 25 anos, que serviu no Afeganistão. Segurando uma faca e um cutelo, ele disse que o assassinato era uma vingança pela participação britânica nas guerras em países estrangeiros.

Ele e um segundo agressor armado com uma faca, o nigeriano naturalizado britânico Michael Adebowale, 22 anos, estão no hospital após terem sido baleados pela polícia durante sua captura. Eles ainda serão formalmente acusados. A polícia também prendeu outro homem e uma mulher sob suspeita de conspiração para o assassinato.

Bakri disse que sua organização Al Muhajiroun não tem qualquer ligação com o ataque, uma vez que eles não viam Adebolajo desde 2005. No entanto, Anjem Choudary, que assumiu a liderança da Al Muhajiroun quando Bakri foi expulso da Grã-Bretanha, disse à Reuters que Adebolajo participou de eventos do grupo até cerca de dois anos atrás.

"Eu acho que Michael, ou Mujahid, vai ter o que Deus destinou para ele", disse Bakri, falando em inglês. "Deus destinou a ele realizar o ataque e Deus destinou ao soldado britânico morrer pela causa que ele acreditava."



VIA GRITOS DE ALERTA / INF. http://noticias.terra.com.br/mundo/europa/clerigo-exilado-que-ensinou-agressor-de-londres-elogia-coragem,1bc78baa07cce310VgnCLD2000000dc6eb0aRCRD.html

OFICIALMENTE 1 000 000 DE VISITAS , É PARA GLÓRIFICAR A DEUS .

 É um número relevante, em se tratando de páginas de internet , ou até mesmo na região. 1.000.000 00 de acessos. Sem dúvida alguma é o resultado de muito empenho, dedicação e mais ainda força de vontade.

(Desde o inicio das postagens , passamos de um milhão e cem mil visitas , mas estamos comemorando  os números do  contador oficial , que foi colocado bem depois da inauguração do Gritos de Alerta .)

Começamos do nada e criamos uma identidade que tem voz, vez e atitude. Mas tudo isso não seria nada, se não fosse por vocês leitores, que todos os dias acompanham nossas atualizações, postam comentários, dão opiniões. E é por isso que agradecemos a você por estarmos chegando a 1 milhão de acessos. Muito obrigado.


BISPO ROBERTO TORRECILHAS

GOLPE DO PT CONTRA OS TRABALHADORES - NOVO PLANO DO PT PARA FECHAR O ROMBO DA PREVIDÊNCIA .

44.240. Esse foi o número de cidadãos que nos últimos quatro anos entraram em contato com a Coordenação de Participação Popular da Câmara dos Deputados para fazer reclamações a respeito do Fator Previdenciário. Utilizado para definir as quantias das aposentadorias do INSS, o Fator recebe críticas porque, em geral, reduz o valor dos benefícios distribuídos aos contribuintes.

A conta não é simples: a fórmula para fazer o cálculo leva em conta a alíquota de contribuição, a idade do trabalhador, seu tempo de contribuição à Previdência Social e a sua expectativa de sobrevida na data da aposentadoria, conforme tabela divulgada pelo IBGE. De acordo com essa regra, quanto mais cedo uma pessoa pedir seu benefício, menor será a quantia que irá receber: para se aposentar por tempo de contribuição, o segurado deve contribuir durante 35 anos, se for homem, ou 30 anos no caso das mulheres. As alíquotas variam de 8% a 11%, e o teto do salário é de 3.916,20 reais.
“No Brasil, o fator previdenciário funciona como uma espécie de ‘calibrador’, porque nós temos quatro tipos de aposentadorias no regime geral e três delas não têm uma idade mínima para ser concedida”, explica Marcel Cordeiro, especialista em direito previdenciário e professor da Escola Paulista de Direito e da PUC/SP.
Para ele, o índice não está sendo eficiente em atender as necessidades do País. “O fator previdenciário foi criado para o que o governo contornasse a adoção de uma idade mínima para a aposentadoria. Uma coisa que nós ouvimos todos os meses na imprensa é que a Previdência fecha em déficit. Isso quer dizer que essa fórmula atual não está funcionando. Estamos achatando os benefícios das pessoas e mesmo assim não conseguimos equilibrar as contas”, analisa.
Em maio deste ano, o déficit da pasta foi de 2,6 bilhões de reais, valor 1,4% maior que o registrado no mesmo mês em 2011.
Como substituir o Fator Previdenciário?
Desde 2008 tramita na Câmara o Projeto de Lei 3299, que estabelece o fim do Fator Previdenciário. Idealizado pelo então deputado Paulo Paim (PT-RS), o texto está pronto para análise no plenário e, segundo a ministra das Relações Institucionais Ideli Salvatti, a intenção é que a mudança seja votada ainda em agosto deste ano.
A nova proposta está sendo chamada de “85/95” e será baseada na soma do tempo de contribuição ao INSS com a idade do contribuinte. Ao chegar ao total de 85 anos (mulheres) ou 95 anos (homens), o aposentado receberá o salário integral – respeitado o teto da Previdência, sem nenhum desconto. A expectativa é que, com o cálculo 85/95, haja aumento médio de 20% nas aposentadorias.
Outra alternativa também discutida por Ideli, pelo ministro da Fazenda Guido Mantega e por Garibaldi Alves, da Previdência Social, é a adoção de uma idade mínima combinada com o período de trabalho. O Brasil é um dos únicos países do mundo que ainda não estabeleceu esse número – junto dele estão Irã, da Grécia e do Equador.
Cordeiro acredita que a opção pela idade mínima é a mais adequada. Ele argumenta que com esse sistema é mais fácil prever qual será o montante necessário para contemplar todos os beneficiados sem que o setor fique endividado.  “Para um sistema de Previdência, essa ideia é perfeita, melhor do que esse fator 85/95. Com a adoção de uma idade mínima, me parece que o equilíbrio econômico atuarial e financeiro é mais forte porque se sabe desde logo quanto dinheiro será necessário para pagar os valores devidos. Você sabe mais ou menos com base naquela população que vai ser beneficiada”.
O professor arremata com um exemplo: “No fator 85/95, uma mulher de 60 anos poderá se aposentar com apenas 25 anos de trabalho. Esse é pouco tempo de contribuição para um sistema que precisa ter equilíbrio atuarial e financeiro”.
João Batista Inocentini, presidente do Sindicato Nacional dos Aposentados e Pensionistas da Força Sindical (Sindnapi), tem opinião completamente oposta. “Nós somos radicalmente contra a adoção de uma idade mínima. Isso é uma injustiça com os trabalhadores das classes mais baixas, que geralmente começam a trabalhar muito mais cedo”, afirma.
O Sindicato apoia a proposta do 85/95. “Estamos lutando para que o governo decida adotar o fator 85/95. Ele ainda apresenta problemas, mas é menos injusto do que o fator previdenciário”, diz.
Os ministros teriam um encontro na terça-feira 10 para debater o tema, porém a reunião foi adiada e ainda não há uma nova data para acontecer. Especialistas acreditam que os brasileiros não contarão com mudanças no cálculo da aposentadoria ainda este ano, uma vez que, por estarmos em período de eleição, decisões polêmicas por parte do governo acabam sendo desfavorecidas.


VIA GRITOS DE ALERTA - INF/ http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/as-criticas-ao-fator-previdenciario

PT PREPARA NOVO GOLPE - Nova soma para aposentadoria: homem, 95; mulher, 85

Planalto tenta nova fórmula de aposentadoria
O governo começou a negociar com as centrais nova fórmula para calcular as aposentadorias dos trabalhadores do setor privado.
A fórmula une tempo de contribuição e idade do trabalhador. Homens poderão parar sem redução dos benefícios com soma de 95. Mulheres, com 85.

Novo mecanismo teria vantagens para trabalhadores do setor privado que aceitassem adiar aposentadoria.

O governo começou a negociar com as centrais sindicais uma nova fórmula para o cálculo das aposentadorias dos trabalhadores do setor privado, em mais uma tentativa de contornar resistências que elas impõem a mudanças na Previdência Social.
A nova opção do governo é uma fórmula simples, que somaria o tempo de contribuição e a idade do trabalhador na hora da aposentadoria. 



Homens poderiam se aposentar sem sofrer redução dos seus benefícios quando a soma fosse 95. Mulheres poderiam fazer o mesmo quando a soma desse 85.


A fórmula substituiria o fator previdenciário, mecanismo criado em 1999 para incentivar os trabalhadores a adiar a aposentadoria. As centrais sindicais pressionam o governo a extingui-lo. Mas a presidente Dilma Rousseff indicou que só aceita abrir mão dele se puder substitui-lo por outra fórmula que ajude a conter o rombo nas contas da Previdência Social, que atingiu R$ 42 bilhões no ano passado. Por questões políticas, Dilma não quer tomar a iniciativa de propor a mudança, mas seus assessores informaram aos sindicalistas que ela aceitaria a nova fórmula se as centrais a apresentassem. 



Em alguns casos, o fator previdenciário provoca reduções de até 40% no valor dos benefícios para quem decide se aposentar mais cedo. (...) (Valdo Cruz e Ana Flor, de Brasília.)  (Págs. 1 e Poder A4)




http://www.brasilwiki.com.br/noticia.php?id_noticia=40790

Governo do PT tenta golpe contra trabalhadores, que podem perder benefícios garantidos por lei

Covardia explícita – Que o governo do PT transformou o Brasil em um país sem qualquer planejamento todos sabem, mas é difícil imaginar uma legenda que nasceu para defender os trabalhadores agir de forma sorrateira para prejudicar a massa laboral.
Segundo informa o experiente jornalista Oscar Andrades, profundo conhecedor dos escaninhos da política nacional, a alta rotatividade no mercado de trabalho formal poderá “prejudicar ainda mais tanto o trabalhador desempregado quanto o que continua em atividade”. Em seu blog, Andrades explica que o governo da presidente Dilma Vana Rousseff estuda alternativas para reduzir o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), além de medidas para dificultar o saque do seguro-desemprego e o extinguir o pagamento do PIS.
No tocante ao seguro-desemprego, uma das propostas é a de aumentar de seis para oito meses o prazo mínimo que o empregado demitido precisa ter trabalhado nos três anos anteriores à demissão para ter direito ao benefício. Na mesma toada o governo pretende dificultar a liberação do seguro-desemprego para quem solicitar o benefício pela segunda ou terceira vez. Não faz muito tempo, o Ministério do Trabalho determinou que todo trabalhador que solicita o seguro-desemprego pela terceira vez em um período de dez anos é obrigado a frequentar curso profissionalizante.
Em relação à liberação do PIS, lembra Oscar Andrades, a proposta do governo é pagar o abono proporcionalmente ao período trabalhado no ano anterior. Só receberia o valor total quem estivesse empregado o ano inteiro.
Secretário-geral da Força Sindical, João Carlos Juruna afirmou que as centrais sindicais não aceitam em qualquer hipótese o corte dos benefícios dos trabalhadores, todos estabelecidos em lei. Segundo Juruna, trata-se de contrassenso do governo dificultar o acesso ao seguro-desemprego, “pois o benefício contribui para movimentar a economia”. Já Central Única dos Trabalhadores (CUT) informou que estuda medidas a serem apresentadas ao governo para impedir a rotatividade dos trabalhadores nas empresas.
Reféns da própria incompetência, os atuais ocupantes do poder central buscam de forma incessante soluções pontuais para problemas crônicos da economia. E não será com o sacrifício da classe trabalhadora que o crescimento econômico do País será retomado.
A irresponsabilidade que ocupa o Palácio do Planalto é tamanha, que recentemente o governo autorizou o uso de parte do dinheiro do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) para financiar as arenas esportivas que servirão de palco para a Copa do Mundo de 2014. No contraponto, a remuneração desse dinheiro ultrpassa a fronteira do ridículo.
Como já noticiado pelo ucho.info, pelo menos três dos doze estádios que estão em construção serão considerados elefantes brancos após o evento esportivo. Nesse rol de inviabilidade futura estão os estádios de Cuiabá, Manaus e Natal, capitais de estados onde o futebol não é a maior atração local.
Lula, como é de conhecimento da extensa maioria, é um farsante profissional, que embalado pela criatividade dos marqueteiros conseguiu enganar milhões de brasileiros, sempre na esteira de discursos visguentos e ufanistas. Alguém há de afirmar que os planos acima citados estão sobre a escrivaninha de Dilma Rousseff, que foi apresentada ao eleitorado nacional como garantia de continuidade. Para encerrar a ópera bufa em que se transformou a passagem do PT pelo Planalto Central só faltava um golpe contra os trabalhadores. Enfim…


Alem do que , em seu mandato como presidente , o Senhor enganador LULA DA SILVA tentou mudar a aposentadoria das mulheres para 90  anos e a dos homena para 95  anos de trabalho.
Provavelmente a Dilma  vai tentar colocar isso em prática.

VIA GRITOS DE ALERTA / INF. http://ucho.info/governo-do-pt-tenta-golpe-contra-trabalhadores-que-podem-perder-beneficios-garantidos-por-lei

Indicado para o STF terá poder de rever mensalão


Indicado, na quinta-feira, 23, pela presidente Dilma Rousseff para o Supremo Tribunal Federal, o advogado Luís Roberto Barroso, de 55 anos, poderá mudar os rumos do julgamento do mensalão petista e será o responsável por relatar a ação penal do mensalão mineiro.
Especialista em Direito Constitucional, Barroso terá de julgar os recursos dos 25 condenados do mensalão. Os votos de Barroso e de Teori Zavascki, que também não participou do julgamento, podem acarretar redução de penas, absolvição de parte das acusações ou permissão para que 11 dos condenados sejam julgados novamente.
Na disputa pela vaga, Barroso contou com o apoio do secretário executivo da Casa Civil, Beto Vasconcelos, e do advogado Sigmaringa Seixas, amigo íntimo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que participou do processo de indicação.
Advogados que defenderam réus do mensalão demonstraram confiança no ministro. Um deles disse confiar que o perfil técnico de Barroso servirá para corrigir "erros" do STF na condenação de parte dos réus por crimes de lavagem de dinheiro e formação de quadrilha.
Festa em Salvador - Na noite de quinta-feira, 23, Luís Roberto Barroso foi recebido com entusiasmo no hotel em que ficará hospedado até o sábado, 25, em Salvador, onde participa do 13.º Congresso Brasileiro de Direito do Estado. No lobby do hotel, recebeu vários cumprimentos de colegas. "Não acho próprio fazer comentários ou dar declarações antes da submissão do meu nome ao Senado. Esta é a próxima etapa - e vou me preparar para ela", disse a jornalistas.
Barroso contou que recebeu a indicação na quinta-feira, 23, pela manhã, em reunião com a presidente Dilma e o ministro da Justiça. "Fiquei muito feliz e muito honrado com a indicação, naturalmente, e com a perspectiva de servir ao País. Coisas assim sempre surpreendem a gente."
Futuro - Se o voto do futuro ministro eventualmente beneficiar réus do mensalão petista, a posição dele pode servir de padrão no caso mineiro. O ex-governador de Minas e ex-presidente do PSDB Eduardo Azeredo, assim como os réus petistas, foi denunciado pelos crimes de peculato e lavagem de dinheiro.
Mesmo reservadamente, Barroso não fazia comentários sobre o julgamento do mensalão, até porque era cotado para a vaga e sabia que, se indicado, teria de julgar os recursos dos réus.
Concedeu entrevistas defendendo o STF das acusações de que teria condenado os réus do mensalão em razão de pressão da sociedade. Mas disse que o tribunal contrariou precedentes e endureceu sua postura no julgamento sobre processos penais no caso do mensalão. Avaliava ainda que a condenação dos réus significava também a condenação do modelo político brasileiro em que, de acordo com ele, a sociedade não se sente representada por partidos.
Progressista - Barroso participou de grandes julgamentos do STF nos últimos anos. Defendeu as pesquisas com células-tronco embrionárias, a união estável entre pessoas do mesmo sexo e a interrupção da gravidez no caso de anencefalia. Atuou a favor da permanência, no Brasil, do ex-ativista italiano Cesare Battisti, condenado à prisão perpétua por quatro assassinatos.
Luta contra o câncer - No ano passado, Luís Roberto Barroso passou pelos momentos mais delicados de sua vida. Ouviu de um médico que teria poucas semanas de vida em razão de um câncer no esôfago. Aos 55 anos, submeteu-se a um tratamento médico intenso em São Paulo. Consultou-se com o médium João de Deus, em Goiás. Hoje está curado.
O nome de Barroso era cotado para o Supremo desde a gestão Fernando Henrique Cardoso. No governo Lula, foi preterido. Na gestão Dilma, tinha um forte cabo eleitoral, o secretário executivo da Casa Civil, Beto Vasconcelos. Dizia que nunca pediria para ser indicado, mas deixava claro que, se fosse convidado, aceitaria, sem sombra de dúvidas. Recentemente, foi convidado pelo ministro José Eduardo Cardozo para integrar uma comissão da Secretaria de Reforma do Judiciário do Ministério da Justiça, pavimentando o caminho de sua indicação.
Mudou-se do Rio para Brasília com a família - a mulher e dois filhos - depois de um assalto à sua casa há oito anos. Na internet, mantém um blog em que expõe opiniões sobre assuntos jurídicos, poesia e música. Agora mudará da advocacia para a magistratura. No Supremo, terá um dos maiores estoques de processo da Corte - serão 7.841 processos, incluindo o do mensalão mineiro. *Colaborou Tiago Décimo. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

DILMA ESCOLHE UM NOVO MINISTRO PRO GAY PARA O STF . .

A PresidentE Dilma Roussef indicou para Ministro do STF o advogado Luis Roberto Barroso ... E aí? Bem, senhores esse advogado é a favor do 'casamento' gay, defende o aborto e ..... e ...... foi o advogado do ex-terrorista italiano Cesare Batisti ... Este novo Ministro vai votar a fase final do julgamento do Mensalão ..... Bem, o Zé Dirceu no passado era o quê? Sem mais comentaŕios .... CALA-TE BOCA !!!!

Convenções do sul divulgam manifesto pela unidade das ADs no Brasil


Convenções do sul divulgam manifesto pela unidade das ADs no Brasil
Convenções do sul divulgam manifesto pela unidade das ADs no BrasilAs Convenções regionais das Assembleias de Deus do Sul do Brasil se uniram para criar uma manifesto em favor da unidade da igreja Assembleia de Deus que diante da expulsão do pastor Samuel Câmara pode ser dividida.
No texto os pastores dos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul pedem para que os pastores permaneçam unidos como uma só família e alertam para as circunstâncias políticas e sociais que vão exigir uma postura mais firme da igreja.
“A unidade da Igreja deve ser defendida pelo fato de que ela é uma arma espiritual em favor do Reino de Deus, principalmente, no momento histórico que vive nossa nação de laciamento dos valores morais e de ataque sistemático à família e comprometimento da liberdade de expressão da igreja contra o pecado”, diz trecho do manifesto.
O texto pede para que os pastores de todas as ADs que fazem parte da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB) entrem em oração para que a Mesa Diretora não venha a convocar uma Assembleia Geral Ordinária para oficializar o desligamento de membros da comissão.
A manifestação das Convenções do Sul está ligada ao julgamento que aconteceu nesta quarta-feira (22) onde quatro pastores seriam julgados por quebra de decoro durante a AGE de Maceió. A Mesa Diretora se reuniu e definiu apenas a expulsão do pastor Samuel Câmara.  Os pastores Sóstenes Apolos, Jônatas Câmara não foram julgados por motivos de saúde que os impediram de comparecer. Já o pastor Ivan Bastos, que hoje ocupa o cargo de 1º Tesoureiro, só poderá ser julgado em uma AGO.


Leia o manifesto:

Manifesto pela unidade da mesa diretora da CGADB

1) Desejamos que a CGADB continue se mantendo no espírito com o qual os pioneiros da Assembleia de Deus no Brasil fundaram-na. Todavia, há o perigo eminente de não sabermos conviver com as diferentes formas de pensar a obra do Senhor, dadas pela liberdade do Espírito Santo e mantidas pela multiforme graça do Senhor, elementos que marcam o movimento pentecostal no Brasil.

2) Conclamamos que os membros da CGADB em todo o território nacional e no exterior para orarem em favor da Mesa Diretora para que os membros da mesma não se precipitem em tomar medida disciplinar ou propor à AGO da CGADB o desligamento de membros seus, principalmente, no período pós-eleição para os cargos de composição da Mesa e do Conselho Fiscal.

Há o perigo iminente de que sejam desligados compulsória e injustamente membros da CGADB, que são pastores com uma história relevante de trabalho na obra do Senhor, somente pelo fato de os mesmos terem interpretado a vontade de Deus com um pensamento diferente daqueles esposados pela Mesa Diretora.

Lembramos-vos que isto configuraria retaliação, que é uma atitude anti-cristã e extremamente prejudicial à unidade da Assembleia de Deus no Brasil.

3) Anelamos que cada membro da CGADB respeite a doutrina apostólica acerca da unidade da Igreja do Senhor Jesus e neste sentido, trabalhe, promova e cultive-a, “assim também em Cristo nós, que somos muitos, formamos um corpo, e cada membro está ligado a todos os outros” (Rm 12.5), pois “assim como o corpo é uma unidade, embora tenha muitos membros, e todos os membros, mesmo sendo muitos, formam um só corpo, assim também com respeito a Cristo. Pois em um só corpo todos nós fomos batizados em um único Espírito” (1Co 12.12-13).

4) Alertamos a todos os membros da CGADB e colegiadamente a todos as Convenções Estaduais e/ou Regionais que a unidade da Igreja deve ser defendida pelo fato de que ela é uma arma espiritual em favor do Reino de Deus, principalmente, no momento histórico que vive nossa nação de laciamento dos valores morais e de ataque sistemático à família e comprometimento da liberdade de expressão da igreja contra o pecado.

Nesse sentido, a unidade é um elemento de proclamação tácita do Evangelho, visto que o nosso Senhor orou pela nossa unidade: “para que todos sejam um, Pai, como tu estás em mim e eu em ti. Que eles também estejam em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste. Dei-lhes a glória que me deste, para que eles sejam um, assim como nós somos um, eu neles e tu em mim. Que eles sejam levados à plena unidade, para que o mundo saiba que tu me enviaste, e os amaste como igualmente me amaste”.

5) Rogamos, respeitosamente, a Mesa Diretora e o próprio presidente da CGADB, sua reverendíssima, pastor José Wellington Bezerra da Costa, como líder maior de nossa Assembleia de Deus no Brasil, que não se permita ser considerado incoerente com suas próprias palavras, pois o mesmo pediu a unidade de nossa denominação no país. Como a uma só família rogou aos ministros da Assembleia de Deus no Brasil, poucas horas depois de divulgados os números finais da votação que o reconduziu a Presidente da CGADB para o período de 2013/2017, quando questionado pelo site CPADNEWS: “Que mensagem o senhor deixa para os assembleianos de todo o país?” Respondeu enfaticamente: “Em primeiro lugar, dirijo-me aos obreiros da Assembleia de Deus: somos uma só família e recebemos uma só doutrina, um só Espírito Santo e cremos em um mesmo Deus, por isso mesmo devemos manter esta bênção que Deus tem derramado sobre o coração de todos os assembleianos…” (conforme acesso ao site cpadnews.com.br em 15 de maio de 2013, às 10h30min).

Assinam adiante os líderes da União dos Ministros das Assembleias de Deus da Região Sul (Umadersul) e os demais convencionais, membros da CGADB signatários deste manifesto, que participaram do 17º Encontro dos Lideres das Assembleias de Deus dos Estados do Sul (Elads), também o firmam em folhas apensas ao mesmo.

Presidente: Pr. Ival Teodoro da Silva (PR)

1º Vice-presidente: Pr. João Ceno Ohlweiler (SC)

2º Vice-presidente: Pr. Ubiratan Batista Job (RS)

Forte terremoto atinge mar da costa leste da Rússia


Um potente terremoto de magnitude 8,2 sacudiu o mar de Okhotsk, na costa leste da Rússia, informou nesta sexta-feira (24), o Serviço Geológico dos Estados Unidos.
O forte tremor levou o Ministério de Situações de Emergência a emitir alerta de tsunami para as ilhas de Sacalina e Curilas e orientou moradores dos arquipélagos a procurarem terras altas. O alerta, no entanto, foi cancelado 10 minutos depois.
Na cidade de Kamchatka, na ilha de Sacalina, estão localizados uma base de submarinos nucleares e o maior complexo de gás natural da Rússia.


G1

HOJE TEM PALHAÇADA? - MP pede punição a Dilma por propaganda antecipada

O Ministério Público pediu nesta quinta-feira à Justiça que puna a presidente Dilma Rousseff e o PT por realização de propaganda eleitoral antecipada com o objetivo de promover a campanha à reeleição da petista.
Numa representação encaminhada ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a vice-procuradora-geral, Sandra Cureau, requereu que Dilma e o PT sejam multados e que o partido perca o direito de veicular propaganda no próximo semestre.
Para Sandra Cureau, o espaço destinado para que o PT fizesse neste semestre sua propaganda partidária foi ocupado por um programa que tinha o objetivo de divulgar a imagem da presidente que deve se candidatar a um novo mandato no próximo ano.
Conforme Sandra Cureau, a propaganda partidária deveria divulgar posições da legenda em relação a temas político-comunitários e promover a participação política. A vice-procuradora observou que a propaganda eleitoral somente será permitida a partir de 5 de julho de 2014.
No final de abril e início de maio, o PT transmitiu peças publicitárias protagonizadas por Dilma e pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nas quais eles falavam sobre as realizações dos governos petistas. "Tais inserções consistem, na verdade, em mensagem de cunho eleitoral, em verdadeira propaganda eleitoral antecipada - ainda que não haja pedido explícito de votos em favor de Dilma Rousseff", sustenta a vice-procuradora.
"Como é do conhecimento público, a presidente Dilma Rousseff é notória pré-candidata à reeleição", disse Sandra Cureau. Segundo ela, também é notório que Lula é um dos principais incentivadores dessa candidatura.
Para a vice-procuradora, algumas passagens do programa constituem "verdadeiro discurso de campanha". Por esses motivos, ela pediu ao TSE que aplique multa ao PT e a Dilma "em seu grau máximo". 

VIA GRITOS DE ALERTA / INF. YAHOO

JACO - ISRAEL

De todos os relatos da Torá, este é um dos mais envoltos em mistério. Conta-nos a história da luta entre um ser humano e um anjo e a da ...