segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Líderes muçulmanos proíbem jogos que ferem suas doutrinas

Líderes muçulmanos proíbem jogos que ferem suas doutrinas                      
Muitos games foram proibidos em países de maioria muçulmana já que os líderes religiosos encontraram neles alguns aspectos que violam as doutrinas do Islã.
Na Arábia Saudita os produtos dos monstros de bolso da Nintendo estão proibidos desde 2001, para os líderes muçulmanos condenam os cards colecionáveis e dizem que eles promovem jogos de azar, o materialismo e a curiosidade sobre outras religiões.
Religiosos dos Emirados Árabes também já se pronunciaram contra um jogo online que recebeu o nome de “Muslim Massacre”, criado por um jovem da Austrália o game incentivava o jogador a matar muçulmanos, Maomé e até mesmo Alá.
O jogo foi lançado em 2008 e gerou muita revolta entre a população de países muçulmanos. O site onde o game estava registrado precisou se retratar e remover o jogo do ar.
Em 2012 um usuário muçulmano foi quem percebeu um pequeno problema no jogo Call of Duty: Modern Warfare 2, no mapa Favela havia duas inscrições em um banheiro que fazia gozações com Alá e com Maomé.
Ao notar as frases o usuário entrou em contato com Activision para que elas fossem removidas. A decisão da empresa foi de retirar o mapa por completo e ainda emitiu uma nota pedindo desculpas por aqueles que se sentiram ofendidos. As informações são do Tech Tudo.

HOMENS VALOROSOS


 (Primeiro de tudo, obedientes).

“Porquanto Abraão obedeceu à minha voz, e guardou o meu mandado, os meus preceitos, os meus estatutos, e as minhas leis.” Gênesis 26.5 – O mais obediente de todos, exceto Jesus Cristo. Atendeu a voz de seu Senhor em provas e desafios. Por isso foi abençoador de todas as nações da Terra. Tinha intimidade com Deus.

“E, na verdade, Moisés foi fiel e...
m toda a sua casa, como servo, para testemunho das coisas que se haviam de anunciar”, Hebreus 3.5 – O maior exemplo de renúncia de todos os tempos, exceto o de Cristo. Rendeu-se ao plano de Deus de modo completo. Soube preparar seu sucessor.

“E disse o Senhor a Satanás: Observaste tu a meu servo Jó? Porque ninguém há na terra semelhante a ele, homem íntegro e reto, temente a Deus, e que se desvia do mal.” Jó 1.8 – Deus usou a fidelidade de seu servo Jó para mostrar a Satanás que existem filhos que o amam independente de posses, posições e circunstâncias. A glória de Deus é o tesouro de seus filhos.

“E, quando este foi retirado, levantou-lhes como rei a Davi, ao qual também deu testemunho, e disse: Achei a Davi, filho de Jessé, homem conforme o meu coração, que executará toda a minha vontade.” Atos 13.22 – Todos sabem das falhas graves de Davi; mas estão nas Escrituras – suas dores, perdas e humilhações por causa delas. Davi amava Deus.

“Então os presidentes e os príncipes procuravam achar ocasião contra Daniel a respeito do reino; mas não podiam achar ocasião ou culpa alguma; porque ele era fiel, e não se achava nele nenhum erro nem culpa.” Daniel 6.4 – A postura de Daniel ao orar ao seu Deus e ser-lhe temente, ficou anotada nos anais da história da Babilônia. O homem que ora será influente no Senhor.

“Porque para isto sois chamados; pois também Cristo padeceu por nós, deixando-nos o exemplo, para que sigais as suas pisadas. O qual não cometeu pecado, nem na sua boca se achou engano.” I Pedro 2.21-22 – O Eleito de Deus. Ele cumpriu a lei. Foi obediente. Amável e sem rancor até à morte. Ele disse: “E aquele que me enviou está comigo; o Pai não me tem deixado só, porque eu faço sempre o que lhe agrada.” Jo 8.29.

“Todavia, a mim mui pouco se me dá de ser julgado por vós, ou por algum juízo humano; nem eu tampouco a mim mesmo me julgo. Porque em nada me sinto culpado; mas nem por isso me considero justificado, pois quem me julga é o Senhor.” I Coríntios 4.3-4 – Corajoso para assumir suas misérias, mas certo de sua consciência reta, conclamou: “Sede meus imitadores, como também eu sou de Cristo”. I Coríntios 11.1.
 
FONTE .  Pr. Odair Alves de Oliveira /
É membro da CONAMAD - Convenção Nacional das Assembleias de Deus - Ministério de Madureira.
Já proferiu palestras em Benin - Nigéria; em Santiago - Chile; Philadelphia, Boston, Boca Raton, Newark - USA.
É cidadão honorário de Brasília - DF, onde reside com sua esposa.

Reverendo relata brigas entre Marcos e Elize Matsunaga



O reverendo René Henrique Götz Licht, da Igreja Anglicana, que realizou o casamento de Marcos e Elize Matsunaga , contou à Justiça detalhes da crise que o casal vivia antes de o empresário, sócio da Yoki, ser morto. O crime aconteceu em maio de 2012. Elize confessou ter atirado em Marcos e esquartejado o corpo.

No vídeo a que a reportagem do Fantático teve acesso, o religioso, conselheiro dos dois, relatou um encontro que teve com Marcos.
"Ele recebe várias mensagens dela no celular. E num determinado momento ela liga para ele no celular. E aí eles conversam e ele diz que está na capela falando comigo. Aí ela quer falar comigo. Eu pego o celular, só que ela gritava, muito. Tanto que eu precisei afastar o aparelho do ouvido. Mas ela não gritava comigo, ela gritava para mim. E ela me disse duas informações que eu lembro bem:  que ela tinha descoberto tudo, ele tinha outra mulher e que ela voltaria naquele domingo e no dia seguinte, segunda-feira, ela se separaria dele."
Para o religioso, Elize apresentava problemas de saúde e poderia oferecer riscos às pessoas próximas. "Ela estava em um processo de alguma alteração psíquica bastante severa e nesse momento eu temi pela vida da criança, dela e da babá", afirmou o reverendo.
O reverendo contou que aconselhou Marcos a esconder as armas que tinha no  apartamento e a procurar um médico para a mulher.

"Eu sabia que eles colecionavam armas, facas. Aí eu disse para ele então o seguinte: então a primeira coisa que você vai fazer agora quando chegar na sua casa, você vai trancar esse cofre onde ficam as armas. Depois o segundo conselho que eu dei para ele, foi que ele conversasse com os pais, porque eu depreendi que os pais não sabiam de coisa alguma do que estava ocorrendo com eles. E a  terceira sugestão que eu dei para ele foi com relação ao estado psíquico dela. Se ele teria talvez a possibilidade de entrar em contato com um psquiatra ambulatorial que pudesse medicá-la, tranquilizá-la e eventualmente até depois se ver uma possibilidade de internação para ela."

Elize alega que matou o marido após uma discussão sobre a descoberta da infidelidade dele e diz que Marcos a teria agredido com um tapa na cara. A defesa e a acusação tem visões diferentes do significado das declarações do reverendo.
"Muda a história de que o Marcos seria um santo e que a trataria como uma princesa e principalmente aos olhos dos outros, porque ele demonstrava uma relação perfeita para os outros. Então as pessoas não sabiam o que acontecia internamente na vida do casal, a não ser as empregadas que já prestaram esclarecimento contaram a respeito. Mas muda a imagem do Marcos frente a tudo que tem sido montado no processo", disse a advogada de Elize, Flávia Guimarães Leardini.
"Nós conseguimos mostrar que toda essa versão da Elize de que foi agredida, ofendida, da eventual legítima defesa ou violenta emoção, não existiu. É clara a manifestaçao da defesa. Então o reverendo é uma pessoa que vivenciou os problemas da família, participou dos momentos bons e ruins, e vários pontos dele foram determinantes para mostrar a personalidade dela e a conduta dela e claramente, a vingança", disse o promotor José Carlos Cosenzo.

fonte globo.com

Começa julgamento inédito de pastor acusado de “crimes contra a humanidade”


Líder evangélico é vítima de grande orquestração esquerdista para fazê-lo exemplo aos pastores que ensinarem que homossexualismo é pecado

Na manhã de segunda-feira, 7 de janeiro de 2013, começa num tribunal federal nos EUA o julgamento mais escandaloso da história dos EUA.
O julgamento é inédito porque nunca antes um cristão foi julgado, com base na lei de crimes contra a humanidade, exclusivamente por pregar que na Bíblia Deus condena o comportamento homossexual.
O perigo do julgamento é que se o pastor for condenado, nenhum cristão que expressar uma opinião contrária aos atos homossexuais estará a salvo de represálias legais injustas.
O Rev. Scott Lively, que está pedindo orações para a comunidade cristã internacional, será julgado a partir de um grande processo legal internacional que alega que ele cometeu “Crime contra a Humanidade”, ao falar contra a homossexualidade em Uganda. Os acusadores dizem que o discurso dele em Uganda é prova suficiente para uma ação conforme o direito internacional. Os acusadores são a organização homossexualista Minorias Sexuais de Uganda (MSU), e o escritório de advocacia que apresentou a ação judicial, o Centro de Direitos Constitucionais, uma organização marxista financiada por George Soros.
O Rev. Lively nunca defendeu violência contra os homossexuais. Mesmo assim, a ação legal faz parecer que a pregação dele contra a homossexualidade em Uganda tem sido a única causa de perseguição aos homossexuais nesse país. De acordo com Lively, “O centro da atenção da prova da MSU de que homossexuais têm sido perseguidos em Uganda é o assassinato de seu líder, David Kato, em 2011. A queixa judicial omite descaradamente o fato (muito bem conhecido para MSU) de que Kato foi morto por um prostituto gay a quem Kato tinha tirado da cadeia, pagando-lhe a fiança, a fim de morar com ele e ser seu amante. Esse homem confessou esmagar a cabeça de Kato com um martelo depois que Kato não lhe pagou conforme havia prometido. O criminoso foi levado a juízo pelo crime”.
Ativistas gays vivem vidas perigosas com seus amantes e prostitutos, e deveriam os pastores cristãos levar a culpa pelas escolhas imorais deles?
Suponho que se Lively fosse um líder muçulmano visitando Uganda e pregasse morte a todos os homossexuais, ele seria deixado em paz pelos grupos homossexualistas, pelas organizações financiadas por George Soros e até pelas leis antipreconceito dos EUA.
A ação judicial contra o Rev. Scott Lively é um precedente muito perigoso para todos os cristãos que estão lutando contra a agenda gay. Uma orquestração poderosa de indivíduos e grupos homossexualistas e socialistas está usando um grupo gay de Uganda para que Lively seja levado a juízo como “Criminoso contra a Humanidade”! Essa orquestração só foi possível porque os EUA aprovaram em 2009 uma lei anti-“homofobia.
Se o julgamento contra o Rev. Scott tiver um resultado negativo no tribunal federal, nenhum cristão pró-família no Ocidente ficará seguro.
Você não estará seguro. Eu não estarei seguro.
No meu caso, tive de sair do meu país, o Brasil, a fim de escapar de pressões, perseguições e ações legais do MPF incitado pela ABGLT, a maior organização homossexual no Brasil que, com a assistência da secretária de Estado dos EUA Hillary Clinton, recebeu oficial credenciamento no sistema da ONU em 2009.
Minha saída do Brasil, com minha esposa grávida e crianças pequenas, deveria ser suficiente para fazer com que a ABGLT me esquecesse, mas esse não é o caso. Mensagens interceptadas da ABGLT mostram que ela instruiu grupos gays do Brasil a descobrir minha localização.
Além disso, AllOut, a mesma organização gay dos EUA que lançou uma campanha internacional para derrotar a lei pró-família em São Petersburgo, teve êxito em sua campanha internacional para fechar minha conta do PayPal. Aliás, AllOut tem mirado Lively também!
Por causa da enorme e poderosa influência do governo americano pró-sodomia, os grupos gays estão com uma “estação de caça” aos cristãos pró-família. Aliás, o governo dos EUA junto com a ONU estão financiando a maior campanha de imposição homossexual do mundo, conforme documenta este vídeo: http://youtu.be/HbjAFUGQ3Xg
Os EUA e a ONU pró-sodomia têm transformado o Ocidente num lugar traiçoeiro, onde os cristãos pró-família têm de viver sob opressivas e enganosas leis antipreconceito. E o Brasil e outras nações latino-americanas estão imitando bovinamente essas leis.
“Crime contra a Humanidade” é uma ameaça legal muito grave. Se tal acusação ridícula e sem fundamento pode ser feita contra Lively como um cristão pró-família americano, o que acontecerá com os cristãos pró-família brasileiros?
A Bíblia será um livro de crimes contra a humanidade?
Os que acreditam e pregam a mensagem da Bíblia serão considerados criminosos de alta periculosidade?

VIA GRITOS DE ALERTA   .
FONTE JULIO SEVERO

II SALÃO INTERNACIONAL GOSPEL REPRESENTA SEGMENTO CRISTÃO NO CALENDÁRIO DAS PRINCIPAIS FEIRAS DE NEGÓCIOS DO BRASIL

 
Em Setembro, no Auditório Elis Regina, no Anhembi, em São Paulo, foi divulgado para jornalistas a edição de 2013 do Calendário “Principais Feiras de Negócios do Brasil”. Durante o encontro, foram mostradas as projeções da entidade para o próximo ano. Os associados da UBRAFE (União Brasileira dos Promotores de Feiras) programaram 201 grandes feiras de negócios para 2013 em todo o Brasil, mesmo número registrado em 2012, recorde desde o início da pesquisa, há 20 anos. As grandes feiras de negócios contemplam mais de 40 macro-segmentos econômicos: do agronegócio à beleza, da indústria de brinquedos à automobilística, do segmento de construção ao turismo, da moda à tecnologia de informação, música e religião.
Previsão de mercado: a UBRAFE estima que as 201 grandes feiras de negócios agendadas para 2013 reunirão 54 mil empresas, sendo 5 mil estrangeiras e 5,5 milhões de visitantes profissionais, dos quais 50 mil serão compradores do exterior. As feiras de negócios deverão ocupar 3,5 milhões de m² de área de exposição nos pavilhões de 23 cidades brasileiras, sendo 75% dos eventos em São Paulo. Serão 100 mil m² a mais em relação a 2012. Para Armando Campos Mello, presidente executivo da UBRAFE, "o calendário aponta o caminho certo para quem quer fazer bons negócios no Brasil". Nesta edição, a UBRAFE homenageia o poeta e diplomata Vinícius de Moraes, que no próximo ano completaria 100 anos.
Nesse calendário seleto dos principais eventos do Brasil, o II Salão Internacional Gospel, em uma página inteira, aparece como único representante da cultura cristã, consolidando-se já nesta segunda edição como a feira que representa o setor internacionalmente. São dos idealizadores do Salão Gospel a declaração: "Somos gratos a Deus por mais esse reconhecimento e conquista! Estamos focados em entregar ao mercado um evento que, além do caráter comercial, prioriza as ações sociais e culturais e enaltece verdadeiramente os valores espirituais cristãos, unindo as igrejas em uma grande celebração do amor de Deus por meio da música, literatura, dança, teatro, palestras, congressos e exposição de produtos e serviços. Quem ganha com isso é o povo evangélico e a sociedade como um todo, que pode ter acesso gratuito a um evento de qualidade internacional, comprometido em resgatar vidas e ser um instrumento de transformação social.". Os interessados em saber mais sobre a feira é só acessar www.salaointernacionalgospel.com.br ,  para  adquirir o calendário podem contatar a UBRAFE pelo telefax (11) 3120-7099 ou e-mail ubrafe@ubrafe.org.br Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Mulher é morta durante culto da Igreja Universal no RJ

Um homem foi morto por policiais após matar uma mulher a facadas dentro de uma igreja evangélica na Vila Isabel, zona norte do Rio de Janeiro, na noite deste domingo.

 As informações são da Rádio CBN.

O agressor, que não teve o nome divulgado, já teria discutido com a mulher do lado de fora de uma unidade da Igreja Universal.
Ela entrou no local para se proteger, mas foi seguida pelo homem, que a matou a facadas, durante um culto.
 Ele tentou fugir, porém foi abordado por policiais militares que patrulhavam a região.
 De acordo com os militares, ele tentou usar a faca para confrontá-los e foi morto a tiros. 
O caso será investigado pela Divisão de Homicídios.

Igreja evangélicas recebem desabrigados de Xerém

                      
Igreja evangélicas recebem desabrigados de XerémIgrejas evangélicas do distrito de Xerém, em Duque de Caxias (RJ), estão se unindo para ajudar as vítimas das fortes chuvas que devastaram vilas inteiras na última semana.
Mais de 5 mil pessoas ficaram desabrigadas em Xerém, já que muitas casas foram destruídas pelas águas. Para ajudar estas pessoas alguns ministérios estão aceitando doações de roupas, alimentos, produtos de higiene, remédios,colchonetes e água para poder doar aos desabrigados.
Além de receber doações e fazer a entrega desses donativos, algumas igrejas evangélicas se tornaram abrigos, recebendo dezenas de famílias que precisaram deixar suas casas diante da situação de risco.
A Igreja Metodista Wesleyana é uma das igrejas que está recebendo doações, interessados em colaborar com este trabalho solidário podem enviar donativos para a própria igreja que fica na Estrada Rio do Ouro, 51, em Xerém.
Outros lugares que estão recebendo doações são as delegacias e a Secretaria de Assistência Social de Duque de Caxias. As informações Terra e Globo.

Evangélicos pedem boicote de “O Canto da Sereia”

Evangélicos pedem boicote de “O Canto da Sereia”           
“O Canto da Sereia” é um dos projetos especiais da rede Globo para o verão. A microssérie de quatro capítulos é baseada em um texto de Nelson Motta. Sua estreia ocorrerá nesta terça (8) depois do primeiro dia do BBB 13, o que deve garantir uma boa audiência.
Mas a temática anunciada, que trataria de temas como bissexualidade e o culto a Iemanjá, despertou a ira de segmentos da igreja evangélica. Semelhantemente ao que foi feito contra a novela “Salva Jorge”, vários cristãos estão usando as redes sociais pedindo o boicote do programa. Curiosamente, isso ocorre ao mesmo tempo em que pastores pedem que a Globo dê mais espaço aos evangélicos e mostre uma “heroína gospel” em suas novelas.
O perfil do Facebook do pastor Divino Aleixo Marinho, da Igreja Pentecostal Betel Palavra De Fogo, aparentemente foi o primeiro mencionar uma campanha contra a minissérie. Ele compara a temática africana com “Salve Jorge” e critica a atriz Isis Valverde por interpretar uma cantora de axé bissexual, que seria uma personificação de Iemanjá ou Oxum, como é conhecida a entidade no meio afro.
Segundo o portal R7, a atriz declarou que interpretar essa personagem é uma experiência que envolve uma “energia” diferente. ”É um tesão anormal. Quando acaba a gravação e tomo um banho, viro a Isis de novo. A energia vai embora e fico podre”, explicou.
A imagem foi reproduzida por várias pessoas e chegou ao conhecimento da autora Glória Perez, que supervisionou o texto da microssérie. Ela se mostrou indignada ao ver os evangélicos tentarem associar a temática espiritual com entidades afro-brasileiras.  Recentemente a escritora criticou publicamente a Rede Record e o bispo Macedo.
“Fizeram a mesma coisa com #SalveJorge! Q medo desse modo talibã de ser!” postou ela no Twitter na noite deste domingo (6).
Sua referência é ao texto do pastor que acompanha a imagem, e diz:
“Eta globo que n desiste … Mas estamos aq pra isso pra sermos profetas e denunciar o pecado… medite neste estudo mas leia com atenção 
Personagem de Isis Valverde em ‘O Canto da Sereia’ será Bissexual
LEIAM E PARTILHEM É UMA CAMPANHA EM MASSA IGUAL A DA NOVELA OK?
A minissérie ‘O Canto da Sereia’ agora é Oxum (Iemanjá) estreará em Janeiro na Rede Globo.
A trama trará em seu enredo um assunto pouco visto pelos telespectadores: O BISSEXUALISMO. Quem estará à frente do tema será Sereia, uma cantora de axé, protagonista da série, que será interpretada pela atriz Isis Valderde.

Na trama, Sereia se relacionará com homens e mulheres e viverá momentos intensos de paixão. “Ela é livre sexualmente”: diz Isis Valverde. O primeiro amor de Sereia será o produtor musical Paulinho de Jesus, interpretado por Gabriel Braga Nunes. Paulinho será o responsável por descobrir o talento oculto da cantora. Pouco tempo depois, ela passa a namorar sua empresária Mara, vivida por Camila Morgado.
Curioso o fato de a atriz Isis ter o mesmo nome da deusa Isis que é personificada pelas deusas romanas, gregas, Olímpio, Atenas, que são todas na verdade:
Semíramis;
Astarote;
Diana;
Afrodite;
Iemanjá e Oxum.
Todas elas são uma só: Eva endeusada pela serpente no Jardim do Éden”


VIA  GRITOS DE ALERTA / INF. GOSPEL PRIME

Rabinos de Israel fazem campanha contra aborto

Rabinos de Israel fazem campanha contra aborto           
Através de cartas, dois grandes rabinos de Israel pediram apoio para a organização Efrat que atua contra a realização do aborto. Shlomo Amar e Yona Metzger disseram que o procedimento de interrupção da gravidez é um “assassinato” e que oferecendo ajuda financeira às mulheres podem desistir de cometê-lo.
“É preciso apoiar as organizações que oferecem ajuda financeira às mulheres que não querem abortar, já que se trata de um assassinato que não merece nenhuma contemplação”, disse o rabino Metzger em entrevista a uma rádio militar.
Na carta, os dois líderes afirmam que a Efrat conseguiu “salvar em um ano 4 mil vidas” e que por isto merece o apoio de todos os judeus que são contra o aborto. “Neste ano desejamos conscientizar mais pessoas do caráter extremamente grave da decisão de matar um feto”, continua o texto.
Em Israel o aborto é permitido para mulheres com menos de 17 anos, para mulheres com mais de 40 anos e para vítimas de estupro ou relações incestuosas. Quando há malformação do feto ou se a gravidez colocar a saúde da mãe em risco uma comissão médica também pode entrar com o pedido para realizar o aborto.
O jornal Haaretz afirma que está não é a primeira vez que os religiosos se pronunciam contra o aborto, mas que a nova carta tem um conteúdo mais duro para tentar impedir que os procedimentos continuem sendo realizados. As informações são do Terra.

ISRAEL SE PREPARA PARA A GUERRA NA PALESTINA: 'NOSSA RESPOSTA SERÁ DURA'

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, responsabilizará o Hamas em caso de um ataque vindo da Faixa de Gaza. Neste domingo, ...