terça-feira, 4 de setembro de 2012

Anúncio cristão associa pedofilia ao homossexualismo e causa polêmica


Anúncio cristão associa pedofilia ao homossexualismo e causa polêmicaAnúncio cristão associa pedofilia ao homossexualismo e causa polêmica
O Fórum Permanente Pernambuco Pró-Vida (FPP-PV) é ligada ao grupo Javé, Nossa Justiça, uma organização que se denomina cristã, “ aberta a todos que professam a fé em Jesus Cristo”. Sua página na Internet afirma que seu objetivo é lutar contra os abusos do turismo sexual em Pernambuco, praticar e estimular a caridade, divulgar e estimular o conhecimento do evangelho e apoiar as boas causas em comunhão com a doutrina cristã.
Mas sua nova campanha está gerando polêmica no Estado. O motivo é uma propaganda veiculada esta semana que está causando revolta entre os internautas nas redes sociais.
Junto ao slogan ‘Pernambuco não te quer’, a propaganda equivale o homossexualismo a crimes como exploração sexual de menores, pedofilia, turismo sexual e prostituição.
Isso revoltou muitos ativistas LGBT, que usaram o Twitter e Facebook para expressar suas críticas. Na página do perfil Pró-Vida no Facebook, uma postagem pede: “Lute contra a pedofilia, exploração sexual de menores, prostituição, e a proliferação do homossexualismo! Junte-se a nós! Lute pela vida e pelos valores cristãos”. Como o grupo se denomina cristão, logo começou o embate entre os evangélicos e os que os acusam de homofobia.
Há centenas de mensagens com críticas e foi pedido, inclusive, a denúncia do grupo ao Ministério Público com as acusações de crime de homofobia e incitação ao ódio.
Os jornais impressos de Pernambuco que publicaram o anúncio estão sofrendo pressão, com dezenas de pedidos de retratação pela veiculação da mensagem. Por esse motivo, o termo “Recife” ficou entre os temas mais comentados do Twitter nesta terça-feira.
O jornal Folha de Pernambuco já divulgou pelo Twitter e Facebook uma nota em que afirma que essa não é a sua posição: “Com referência ao anúncio publicitário autorizado e pago pelo Instituto Pró-Vida PE, publicado na edição de segunda-feira, dia 3 de setembro, a Folha de Pernambuco afirma que o seu conteúdo de forma alguma reflete a opinião do Jornal. Ao longo dos seus 14 anos, a Folha vem construindo e mantendo uma relação de respeito junto aos seus leitores, focado na promoção dos direitos humanos, inclusive da comunidade LGBT, com quem o jornal mantém diálogo constante”.
Alheio à polêmica, o grupo também lançou uma campanha contra o aborto e emitiu um “alerta” à população para a escolha de seus candidatos. A sugestão é que “cada cidadão procure conhecer o que pensa e como age seu escolhido em relação ao aborto, ao turismo sexual, e outros temas contra os valores cristãos”.

ALERTA CRISTÃOS DO RIO GRANDE DO SUL .Marco Feliciano alerta eleitores de Porto Alegre sobre candidata Manuela


Marco Feliciano alerta eleitores de Porto Alegre sobre candidata ManuelaMarco Feliciano alerta eleitores de Porto Alegre sobre candidata Manuela
Nesta terça-feira (4) o deputado federal, Pastor Marco Feliciano, publicou um texto em seu blog alertando os cristãos de Porto Alegre sobre a postura da candidata a prefeitura, deputada Manuela D’Ávila. No texto o parlamentar diz que a candidata foi uma das principais militantes LGBT na Câmara.
“Sua atuação na Câmara dos Deputados está pautada, principalmente, no que chama de igualdade — questões ligadas a bandalheira dos tais direitos humanos. Que deseja, além do direito ao aborto, os famigerados direitos civis LGBT, da bagaça dos ditadores modernos, que ordenam o silêncio do cristianismo e deseja criminalizar a opinião contra a prática homossexual”, comenta o pastor.
Manuela está concorrendo a prefeitura de Porto Alegre e está em primeiro lugar nas pesquisas. Na Câmara dos deputados a parlamentar foi uma das principais militantes da causa LGBT, ao lado do deputado federal Jean Wyllys.
“No meu primeiro mandato de vereadora em Porto Alegre, apresentei um projeto de cassação do alvará dos estabelecimentos que agredissem civicamente ou verbalmente os casais homossexuais. Desde sempre isso faz parte da minha militância”, diz a parlamentar em entrevista recente.
Manuela foi uma das idealizadoras do Estatuto da Juventude e foi quem inseriu questões sobre a orientação sexual.
“Espero que o povo nobre do Senhor, dessa linda cidade no Sul do meu Brasil, seja sempre um Porto Alegre e não um Porto de desembarque de ativistas que querem desconstruir a família”, concluiu Feliciano.

Exposição que mostra pedofilia e zoofilia provoca bate boca entre deputados

Não foi só nas redes sociais que a mostra “QueerMuseu” gerou debates e bate boca. Na noite desta terça-feira (12) o assunto foi amplam...