quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Após pressão de ativistas gays, ausência de livros do pastor Silas Malafaia no catálogo da Avon completa dois meses


Após pressão de ativistas gays, ausência de livros do pastor Silas Malafaia no catálogo da Avon completa dois meses
A ausência de livros do pastor Silas Malafaia e materiais da editora Central Gospel no catálogo da Avon completou dois meses. Por um longo período, os produtos ligados ao líder da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo fizeram parte dos produtos anunciados pela empresa de cosméticos em sua publicação.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
A retirada dos livros do pastor Silas e demais publicações de sua editora aconteceu meses após ativistas gays iniciarem um movimento que ameaçava boicotar a Avon e seus produtos, caso esta não parasse de oferecer os livros da Central Gospel. A edição atual do catálogo traz outras publicações ligadas ao cristianismo.
Inicialmente, a Avon se recusou a retirar a oferta de livros do pastor e de sua editora, porém, na edição do catálogo publicada no dia 13/06 os materiais da editora Central Gospel já não estavam entre os produtos disponíveis para a venda.
Durante a divulgação dos fatos e apuração das informações, o pastor Silas Malafaia negou veementemente que a empresa tivesse retirado seus livros e demais publicações de sua editora do catálogo, e chegou a afirmar que sites cristãos de notícias estariam “comendo na mão de ativistas gays“.
Após a busca de informações  houve confirmação de que os produtos haviam sido retirados por tempo indeterminado. Com a divulgação dessa informação, o pastor Silas Malafaia divulgou nota em seu site afirmando que a medida tomada pela empresa era programada.


g+

Carol Celico, ex-pastora evangélica tira fotos ousadas para revista

Open in new windowCaroline Celico, a esposa do meia brasileiro Kaká, surpreendou a todos depois de fazer fotos ousadas para a revista RG Vogue do mês de setembro que deve chegar às bancas fim desta semana.

Ex-pastora da Igreja Renascer em Cristo, ela posou com orelhas de coelhinha e explicou sobre sua mudança no estilo de vida.

“Fazia as coisas para agradar aos outros, achando que assim estaria agradando a Deus. Sou como sou porque passei por alguns episódios traumáticos e outros muito bons. Mas sou curiosa e continuo superaberta a novas ideias.”

Essa mudança vem depois que ela deixou a denominação e passou supostamente um período longo longe das igrejas, segundo declarações feitas anteriormente.

“Não sinto mais vontade de ir à igreja, não gosto de rótulos. Hoje, sou seguidora de Cristo. O tempo que passamos lá na igreja [Renascer] foi bom, não me arrependo. Aprendi o que devo ou não fazer", disse ela no programa Show Business, no final de 2011.

Carol, desde sua saída proclama que segue a Cristo, mesmo sem pertencer a nenhuma denominação.

"Deus me mostrou que posso caminhar com as minhas próprias pernas”

Segundo outras declarações, Celico acredita que a igreja é a sua casa e mostra uma certa decepção com relação a entrega do dízimo.

“Hoje a nossa igreja é a nossa casa. É isso que eu acredito, acredito que Deus, Ele quer olhar para o nosso coração e ver o quanto a gente quer entregar da nossa vida e do nosso coração e não só em dinheiro”, disse ela em entrevista para o programa TV Fama, que foi ao ar em 21 de julho de 2011.

Carol Celico veio para a igreja de Kaká, ministério fundado por Estevam Hernandes, aos 16 anos, depois que começou a namorar com o jogador. Ela chegou a ser ordenada pastora igreja, mas saiu da denominação em 2009, segundo ela, porque se achava fanática e superior aos outros.

Entretanto, segundo os rumores, sua saída teria sido motivada pelo descontentamento com as práticas administrativas da denominação, depois do episódio em que os líderes da Renascer foram presos nos Estados Unidos por entrarem com uma quantia de US$ 46, 5 mil não declarada camuflados na bagagem e em Bíblias.

“Hoje a minha religião é Jesus, é aquilo que eu quero passar para as pessoas, é aquilo que está na Bíblia, é ter Deus dentro de mim e querer compartilhar isso com as pessoas”.

A empresária, que hoje é responsável por um site que capta doações para crianças necessitadas, afirmou que tem planos de retornar a São Paulo junto com a família.

Fonte: The Christian Post

http://folhagospel.com/modules/news/article.php?storyid=23198

Filme de Renato Aragão sobre o “segundo filho de Deus” gera polêmica nas redes sociais

Filme de Renato Aragão sobre o “segundo filho de Deus” gera polêmica nas redes sociais
Filme de Renato Aragão sobre o “segundo filho de Deus” gera polêmica nas redes sociais
Nos últimos dias, as redes sociais, em especial o Facebook, mostraram um movimento dos evangélicos contra a nova produção de Renato Aragão. O enredo do 49º filme de sua carreira contará a história de um “segundo filho de Deus” enviado a Terra para concluir a missão que Jesus não terminou.
Orçado em 8,1 milhões de reais, o longa será dirigido por Paulo Aragão, seu filho. Embora se considere católico, Renato já disse acreditar em reencarnação e seu primeiro romance, “Amizade Sem Fim”, tinha temática espírita. Ele conta a história de um jovem milionário que fez voto de pobreza e durante uma regressão hipnótica ele descobre que em uma de suas vidas passadas, teve uma conexão de amizade com Jesus Cristo.
Milhares de posts tem pedido um boicote ao filme, que ainda nem começou a ser filmado. Pede também que os cristãos, em especial os evangélicos, defendam sua fé.
Várias imagens de Renato Aragão, o Didi, foram acompanhadas de pedidos como “Parem esse homem” e “chega de desrespeito aos cristãos”. A campanha que teve mais repercussão até o momento foi a do perfil Na_igreja que escreveu: “O Didi não tem mais graça, agora quer usar a Graça de Deus para fazer graça… Eu sou totalmente contra essa palhaçada, e caso você também seja, COMPARTILHE”.
Confira as imagens:




FONTE . Gospel Prime

Convite para "Quarta Louca por Jesus" traz pastor cheirando a "Bíblia"

Reprodução
Convite da Igreja Missão Evangélica para a "Quarta Louca por Jesus" mostra pastor cheirando a "Bíblia"
Convite da Igreja Missão Evangélica para a "Quarta Louca por Jesus" mostra pastor cheirando a "Bíblia"
O projeto evangélico da Igreja Missão Evangélica, em Vila Velha, no Espírito Santo, chamou a atenção ao expor o pastor Lúcio Barreto, mais conhecido como Lucinho, cheirando a Bíblia no convite para o culto de jovens que reúne 1.500 jovens semanalmente para estudar o livro sagrado dos cristãos.
O culto, realizado todas as quartas-feiras pelo pastor Lucinho, líder nos estudos feitos com os jovens na igreja, é chamado de “Quarta Louca por Jesus”. Para o também pastor e presidente da Igreja Evangélica Missão, Simonton Araújo, o convite tem o objetivo de alcançar a juventude que está sem rumo e sem direção.
“Ele não está cheirando nada, só está mostrando que é melhor viver com a Bíblia. Está mostrando este caminho como algo muito mais valioso e prazeroso”, disse Simonton.
Polêmico, o convite ganhou destaque nas mídias sociais devido à alusão ao consumo de drogas, mas, segundo o pastor, o convite apenas fugiu do padrão comum. De acordo com ele, a Igreja Evangélica Missão luta pela modernidade sem abrir mão do conteúdo evangélico.
Criticada nas redes sociais, a foto foi associada pelos internautas ao consumo de cocaína. Por outro lado, o convite também recebeu elogios na rede de quem considerou a foto moderna e “extremamente evangelista”. O pastor Lucinho está viajando a trabalho e não foi encontrado pelo UOL para comentar a foto do convite.

[Entrevista] Ministério Além do Véu fala sobre CD “Existe uma saída” e preparativos para o DVD

   

O Ministério Além do Véu está se preparando para a gravação do primeiro DVD de sua história, além de manter a divulgação do CD “Existe uma saída”, lançado recentemente.
O álbum foi gravado este ano, e segundo informações da gravadora Sony Music, as dez músicas do repertório foram escolhidas pelos integrantes do ministério dentre uma lista com mais de 200.
Dentre as novidades que farão parte do DVD do Além do Véu estão as participações especiais dos cantores PG e Brenda Santos.
Confira abaixo a íntegra da entrevista concedida pelo Ministério Além do Véu à assessoria de imprensa da Sony Music:
O que podemos encontrar neste novo álbum do Além do Véu?
Músicas para serem cantadas nas igrejas, porém com arranjos modernos. Sem dúvida, pra nós é o melhor projeto que já fizemos, estamos muito felizes com o resultado.
Conte-nos sobre a escolha do repertório. Fale-nos mais a respeito de todo o processo de produção deste projeto.
Tudo aconteceu muito rápido, foram 4 talvez 5 meses intensos de trabalho. Recebemos mais de 200 músicas, delas tivemos a difícil tarefa de escolher apenas 10! Tivemos a honra de trabalhar com o músico Ed Oliver(Guitarrista), que enriqueceu muito o projeto. O projeto conta com músicas de Davi Fernandes, Anderson Barros e Cristian Orsi, excelentes compositores!!
Podemos dizer que de toda a discografia de vocês, este é o projeto mais completo e maduro?
Com certeza, acreditamos que a cada projeto adquirimos experiência e crescemos. Sabemos que é difícil, mas nosso desafio é sempre nos superar a cada projeto!
Vocês têm uma agenda intensa de eventos. E agora não somente em São Paulo, mas também em outras regiões do país. Como tem sido a receptividade ao trabalho de vocês em todo o Brasil?
Tem alcançado cada vez mais estados donosso Brasil, chegando a lugares longes e distantes como Redenção do Pará, ficamos surpresos ao ver as pessoas cantando e dando seus testemunhos.
Este é um projeto ao vivo onde as ministrações têm importante participação no contexto. Ter gravado o projeto na igreja onde vocês fazem parte tem um peso especial no resultado final?
Sem dúvida! Literalmente nos sentimos em casa, com a presença dos irmãos que amamos, família, tudo flui mais fácil. O resultado vocês poderão conferir neste novo projeto!
Fale-nos mais sobre as canções. Há um tema mais recorrente nas letras das músicas? Para que tipo de público é dirigido esse projeto?
Sem intenção alguma, o projeto tomou um rumo interessante. As canções falam muito de “tempestades” que enfrentamos e que Deus é a nossa esperança. Acreditamos que esse projeto abrirá um pouco mais o leque para atingirmos o publico jovem/adolescente, mas sem deixar de agradar o publico em geral.
Quais são as principais canções deste álbum que vocês destacariam?
Sem preciosismos todas as canções são maravilhosas, mais se for para destacarmos podemos falar de 4 delas: Vou Sobreviver que é a música inicial de trabalho, Tu és a Cura, Acelerando e Existe uma Saída que é a música tema do CD.
E quais são as expectativas de vocês com o lançamento deste projeto pela SonyMusic?
Já nos sentimos em casa com a Sony, além de serem muito profissionais, hoje existe uma grande parceria e entendimento entre nós. Conversando com nosso diretor(Sony) Mauricio Soares, entendemos que o projeto anterior “Marcado com Sangue” abriu as portas, para que agora este novo projeto possa consolidar o Ministério em todo o Brasil.
Já no mês de outubro vocês estarão gravando o primeiro DVD do Ministério Além do Véu. O que vocês já podem nos adiantar sobre este projeto?
Um repertório incrível, reunindo as melhores músicas que já gravamos nos 5 anos de ministério. Conta com a produção musical de Ruben Morais e direção de vídeo do Hugo Pessoa, além de duas participações especiais: Cantor PG e Brenda Santos. Será um momento único em nossas vidas!
O CD chega às lojas no início de setembro. O Além do Véu terá uma agenda de divulgação intensa para esse projeto na sequência?
Já estamos com o segundo semestre do ano tomado de agendas, será um tempo maravilhoso divulgando mais esse projeto.
Finalize essa entrevista deixando uma mensagem aos nossos leitores.
Amados leitores, que cada canção deste projeto possa abençoar sua vida, trazendo: renovação, alegria, esperança, salvação, saúde e vida. Que Deus vos abençoe!

Fonte: Gospel + 

NANI AZEVEDO E JOTTA A PARTICIPAM DO BRAZILIAN GOSPEL FESTIVAL

   

Esta é a primeira vez que um festival evangélico brasileiro acontece em Orlando. Os cantores da Central Gospel Music embarcam esta semana.
A primeira edição do Brazilian Gospel Festival, em Orlando, terá muitas atrações especiais este ano. Nos próximos dias, os cantores da Central Gospel Music, Nani Azevedo e Jotta A, embarcam para a América para participar de um megaevento que reunirá cristãos do Brasil e dos Estados Unidos em um único objetivo: celebrar com alegria o nome de Cristo. O evento vai do dia 31 de agosto a 9 de setembro.
Serão dez dias de muito louvor e diversão para quem participar da programação, organizada pelo pastor Jabes de Alencar, um dos preletores do festival. Os cultos serão especiais, pois contará com diversos pastores brasileiros de grande nome no cenário cristão. Além dos cantores da gravadora, outros nomes da música gospel nacional e internacional também farão parte do evento.
Para saber mais informações sobre o Brazilian Gospel Festival, acesse o site www.braziliangospelfestival.com.

Fonte: Jornal Gospel Newsw

Governo prorroga IPI menor para carros, linha branca e móveis

 

Benefício para veículos será mantido até outubro, informou Guido Mantega.
Se não fosse renovado, corte no imposto começaria a vencer na sexta (31).

 

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou nesta quarta-feira (29) a prorrogação da redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para vários setores, entre elas a linha branca e os automóveis. O benefício começaria a vencer na próxima sexta (31).
Para os produtos da chamada linha branca – que inclui fogões e geladeiras – o benefício foi prorrogado até dezembro. No caso dos veículos, o IPI menor foi estendido até outubro.
O ministro também anunciou a prorrogação do corte do IPI para móveis, painéis e laminados, para materiais de construção e para bens de capital. Para esses setores, o benefício venceria entre setembro e dezembro. Em alguns casos, a prorrogação vai até o fim de 2013.
De acordo com Mantega, a renúncia fiscal, de setembro de 2012 até dezembro de 2013, será de R$ 5,5 bilhões.
“A economia brasileira já está numa gradual recuperação. Porém, ainda é preciso continuar dando estímulo pra os investimentos e para o consumo”, disse o ministro, que também anunciou linhas de financiamento e redução de juros para aquisição de máquinas, equipamentos e caminhões.

G1

Gordura faz câncer crescer e pode ser alvo de tratamento, dizem estudos

 

Obesidade tem relação direta com expansão de tumor, segundo cientistas.
Tratamento promissor ainda está em fase inicial de testes.

                      
 
As células de gordura podem se tornar o mais novo alvo de tratamentos contra o câncer. Estudos nessa área ainda são experimentais, mas bastante promissores, pois há comprovação científica de que o tecido adiposo – que reúne as células de gordura do corpo – ajuda no crescimento dos tumores.

"Provamos ao longo dos últimos cinco anos que o tecido adiposo promove diretamente o câncer, além do estilo de vida e da dieta já relacionados à obesidade", afirmou o pesquisador russo Mikhail Kolonin, que trabalha com essa linha de pesquisa no Centro de Ciências da Saúde da Universidade do Texas, nos Estados Unidos.

"Há alguns anos, essa era uma questão em aberto, e agora sabemos que é um fato", completou o pesquisador, que veio ao Brasil para participar do Simpósio Célula-Tronco na Biologia do Desenvolvimento e no Câncer, realizado pelo Hospital do Câncer A.C. Camargo, em São Paulo.
Pesquisa da USP mostra que trabalho dificulta disciplina com dieta (Foto: Reprodução EPTV)Células de gordura 'alimentam' tumor e fazem com
que ele cresça rápido (Foto: Reprodução EPTV)
Dentro do tecido adiposo, existem células-tronco adiposas. Quando um tumor se forma, essas células vão até ele e contribuem para a formação de vasos sanguíneos no local. Com isso, o câncer cresce mais rapidamente.

A lógica serve para os tumores chamados primários, que se instalam antes do processo de metástase – quando o câncer se espalha para vários órgãos. Isso só acontece nos órgãos que têm contato com o tecido adiposo, como intestino, mamas, próstata, esôfago e pâncreas. Onde não há gordura por perto, como no caso do cérebro e do pulmão, o efeito não é percebido.

Naturalmente, os resultados apontam para mais um aspecto da importância de combater a obesidade para defender a saúde, mas não é só isso. A descoberta também pode levar a um novo tratamento contra o câncer, focado nas células-tronco adiposas.

Kolonin pensa em eliminar essas células-tronco com um medicamento específico para os pacientes com câncer, na tentativa de evitar que elas favoreçam a alimentação dos tumores. No entanto, o tratamento precisaria ser bem dosado, porque a eliminação dessas células deve ser apenas parcial, e não total, porque a gordura tem funções essenciais para a defesa do organismo.

"O tecido adiposo pode fazer mal à saúde, mas também é essencial", afirmou o cientista, que citou estudos em que camundongos com baixa quantidade de gordura apresentaram saúde muito frágil e desenvolveram doenças como diabetes.

A ideia ainda é vista como uma aposta, e somente novas pesquisas é que poderão comprovar se é viável controlar o câncer atacando essas células. "Ninguém fez isso ainda, acabamos de começar os primeiros experimentos nesse sentido", explicou Kolonin.

A perda de peso comum entre pacientes com câncer, porém, não serve para proteger o corpo contra esse processo. O tecido adiposo reduz de tamanho, mas não perde muitas células-tronco. Além disso, o emagrecimento ocorre nos estágios mais avançados da doença, depois que a gordura já desempenhou seu papel no crescimento do tumor.

O pesquisador também considera perigoso fazer dietas para perder peso após o diagnóstico de câncer, pois a falta de nutrientes poderia acelerar o processo de migração das células adiposas para os tumores – uma hipótese que sua equipe ainda não conseguiu comprovar.

Fonte:G1

Dilma sanciona lei que cria cota de 50% nas universidades federais

 

Presidente determinou que a seleção dos estudantes seja pelo Enem.
Cotas são para alunos de públicas; universidades têm 4 anos para adaptação.

                       
A presidente Dilma Rousseff sancionou nesta quarta-feira (29), com apenas um veto, a lei que destina 50% das vagas em universidades federais para estudantes oriundos de escolas públicas.
De acordo com a lei, metade das vagas oferecidas serão de ampla concorrência, já a outra metade será reservada por critério de cor, rede de ensino e renda familiar. As universidades terão quatro anos para se adaptarem à lei. Atualmente, não existe cota social em 27 das 59 universidades federais. Além disso, apenas 25 delas possuem reserva de vagas ou sistema de bonificação para estudantes negros, pardos e indígenas.
Durante a cerimônia de sanção, que foi fechada à imprensa, a presidente Dilma Rousseff afirmou que o Brasil tem um “duplo desafio”: o de democratizar o acesso às universidades e o de manter um alto nível de ensino e a meritocracia.
“O Brasil precisa fazer face frente a esses dois desafios, não apenas um. Nada adianta manter uma universidade fechada e manter a população afastada em nome da meritocracia. De nada adianta abrir a universidade e não preservar a meritocracia”, afirmou a presidente.
A cota racial será diferente em cada universidade ou instituto da rede federal. Estudantes negros, pardos e índios terão o número de vagas reservadas definido de acordo com a proporção dessas populações apontada no censo do IBGE de 2010 na unidade da federação em que está a instituição de ensino superior.
saiba mais
 
As demais vagas reservadas serão distribuídas entre os alunos que cursaram o ensino médio em escola pública, sendo que no mínimo metade da cota (ou 25% do total de vagas) deverá ser destinada a estudantes que, além de ter estudado em escola pública, sejam oriundos de famílias com renda igual ou inferior a um salário mínimo e meio per capita.
A proposta exige que as instituições ofereçam pelo menos 25% da reserva de vagas prevista na lei a cada ano.
Segundo informou a ministra da Igualdade Racial, Luiza Bairros, Dilma fez apenas uma alteração no texto aprovado pelo Senado no último dia 7 e determinou que a seleção dos estudantes dentro do sistema de cotas seja feita com base no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).
Dilma vetou o artigo 2º do texto, que previa que a seleção dos estudantes pelo sistema de cotas será feita com base no Coeficiente de Rendimento (CR), obtido a partir da média aritmética das notas do aluno no ensino médio.
“Foi um veto que resultou de uma opinião unânime do governo federal na medida que o MEC (Ministério da Educação) tem trabalhado para constituir o Enem como a forma universal de acesso a universidades federais”, afirmou Luiza Bairros.
Esta quarta-feira era o último dia do prazo para sanção. A lei deverá ser publicada no “Diário Oficial da União” desta quinta-feira (30), data a partir da qual começa a contar o prazo de quatro anos para as universidades se adaptarem à lei.
O ministro da Educação afirmou que a lei ainda precisará de uma regulamentação, que definirá o cronograma de implantação das cotas nas universidades. A regulamentação está sendo discutida com conselhos de reitores e que deverá ser divulgada até o final do ano, segundo ministro.
Mercadante esclareceu que a lei entra em vigor a partir da data de sua publicação, mas que as universidades terão até 2016 para implantarem as novas regras de acesso.
“A lei foi aprovada para entrar em vigência imediatamente, o que significa que 2013 será o primeiro ano dos quatro anos em que essas cotas serão implantadas. Elas serão implantadas progressivamente em quatro anos”, afirmou. “Nós teremos que ter uma regulamentação para exatamente estabelecer esse cronograma de implantação”, explicou o ministro.
O ministro afirmou ainda que os cotistas poderão receber auxílio da universidade caso tenham dificuldade em determinadas matérias e que as instituições terão de adotar políticas de inclusão. Mercadante defendeu a manutenção da “excelência do ensino”.
“Nós teremos que ter curso de nivelamento, teremos que ter tutoria. Nós estamos discutindo com o conselho de reitores exatamente a regulamentação desse processo nos próximos quatro anos e as medidas que serão necessárias para que esses alunos tenham bom desempenho quando ingressarem na universidade, porque, se nós queremos a inclusão social, nós queremos manter a excelência da universidade”, declarou.
CerimôniaA presidente assinou a lei durante uma cerimônia fechada em seu gabinete, com presença dos ministros Aloízio Mercadante (Educação), Luiza Bairros (Políticas de Promoção da Igualdade Racial) e Ideli Salvatti (Relações Institucionais). O relator do projeto no Senado, Paulo Paim (PT-RS) também estava presente.

Durante a cerimônia, foi feita uma homenagem à ex-deputada federal, Nice Lobão (PSD-MA), que é autora da proposta original da lei.

Fonte:G1

Grávida é presa tentando vender bebês em hospital da PB, diz polícia

 

Suspeita tentava 'vender' filhos para mulher vinda de São Paulo, diz polícia.
Ocorrência foi registrada na manhã desta quarta-feira (29) em João Pessoa.

 

Uma gestante de gêmeos foi presa na manhã desta quarta-feira (29) após tentar vender seus bebês na Maternidade Frei Damião, no bairro Jaguaribe em João Pessoa. De acordo com a polícia, a gestante de 27 anos estava usando uma identidade falsa para facilitar o repasse das crianças para uma mulher vinda de São Paulo que iria recebê-las. A fraude foi descoberta assim que uma cunhada da suspeita chegou ao hospital buscando informações da gestante pelo seu nome verdadeiro. As funcionários suspeitaram da gestante e acionaram a polícia.
saiba mais
 
Segundo a Polícia Civil, a intenção da gestante era usar o nome da mulher que iria receber as crianças na materinidade para facilitar na emissão dos documentos. "Após o nascimento das crianças, ele iria registrar as crianças e levar para São Paulo. As duas foram presas (gestante e compradora), e serão encaminhadas para o presídio feminino da capital", falou em entrevista à TV Cabo Branco a delegada Magna Maria de Almeida, titular da 1ª Delegacia Distrital, para onde a suspeita foi levada. A mulher suspeita de comprar as crianças foi detida e levada para a Central de Polícia, em João Pessoa, de acordo com a polícia.
A gestante é moradora do bairro dos Funcionários II, em João Pessoa e tem três filhos. Segundo ela, em entrevista à TV Cabo Branco, ela não tinha mais condições de criar os filhos e o pais dos gêmeos havia rejeitado as crianças.  "Quando eu descobri que estava grávida, o pai não aceitou. Aí eu decidir dar as crianças. Todo mundo me aconselhava para dar as crianças porque eu não tinha condição de criar", comentou.

G1

“Decode”: minissérie brasileira sobre o arrebatamento lança episódio de estreia.


 
“Decode”: minissérie brasileira sobre o arrebatamento lança episódio de estreia. Assista
A minissérie brasileira sobre o arrebatamento, “Decode”, lançou no Youtube o primeiro episódio na última segunda-feira, 11/06.
O vídeo é o piloto da série, e apresenta o contexto do mundo pós-arrebatamento. A nota de divulgação afirma que no primeiro capítulo o “mundo está espantado com os estranhos sinais nos céus”.
A trama da minissérie gira em torno do personagem Paulo, que tem sua esposa desaparecida e está no meio da multidão, que assiste perplexa ao rebuliço. Porém, Paulo descobre tratar-se de um pesadelo, muito parecido com o drama de sua vida pessoal. Sua esposa e filhos estão realmente desaparecidos, e Paulo sente a necessidade de voltar à fé que sua esposa deixou como legado.
A minissérie, produzida pelo Ministério Onda Dura, da Comunidade Siloé, contou com baixo orçamento e atores e produtores voluntários.
A direção e edição foi feita por Marcos Vinícius, com atuações de Raphael Cadorin, Susan Santos, Gustavo da Luz, Renata Antonioli, Sidnei Ribeiro. Produção executiva de Guilherme Valles, com roteiro de Ana Maes, Rian Lapa e Marcos Vinícius.
A produção artística foi feita por Guilherme Nascimento e Renata Antonioli, maquiagem por Tayná Vodzinsky e direção de fotografia com Andressa Lima.

A presença de Deus estremeceu o M.Shows no Arraiá do povo de Deus

 
Neste sábado 09/06 aconteceu o “Arraiá do Povo de Deus” um evento evangélico que reuniu grandes nomes da musica gospel como Mylla Carvalho que já foi cantora da companhia do calypso, banda Som e Louvor e o Ministério Candelabro que louvaram em uma grande festa com a presença de mais de quatro mil pessoas.

O evento aconteceu no M.Shows e foi realizado pela Domini Eventos em parceria com as produtoras Cearenses Logos e Elo 3, na ocasião foram anunciadas outras atrações do gênero, como o cantor Thales Roberto que já fez parte do grupo Mineiro Jota Quest e também o cantor Lazaro ex vocalista do Olodum. As datas ainda não foram anunciadas mais existem especulações de que isso venha acontecer no começo do segundo semestre de 2012.

Nossa redação esta preparando uma matéria bem detalhada do evento, com entrevistas, vídeos e muitas outras imagens. ( pedimos desculpas pois tivemos problema em conexão com a internet)

Por: redação gospelnewsbrasil.com

ISRAEL SE PREPARA PARA A GUERRA NA PALESTINA: 'NOSSA RESPOSTA SERÁ DURA'

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, responsabilizará o Hamas em caso de um ataque vindo da Faixa de Gaza. Neste domingo, ...