domingo, 5 de agosto de 2012

Governo de Israel anuncia revitalização do Rio Jordão, local em que Jesus foi baptizado por João Batista


O governo de Israel anunciou recentemente um projeto de revitalização do leito do Rio Jordão. Importante nos relatos bíblicos, principalmente por ser o local onde Jesus foi baptizado, o rio tem hoje apenas 5% do fluxo de água que tinha na época relatada nas Escrituras.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Desde sua fundação em 1948, o Estado de Israel luta contra a falta de água, tendo no rio uma fonte importante para a sua sobrevivência. Agora, o governo informou pela Companhia de água e energia que hoje tem água em excesso, e pode dar-se ao luxo de parar de “sangrar” o Jordão.
O director da Autoridade de drenagem de South Jordan, Ramon Ben Ari, afirma que o objectivo á fazer com que o rio onde Jesus foi baptizado por João Batista, que tem parte do seu canal poluída ou assoreada, volte à sua antiga glória, relatada nas Sagradas Escrituras.
Explicando a situação actual do rio, Ben Ari, explica que em algumas áreas “pode-se facilmente caminhar até o outro lado” porque quase toda a água que alimenta o rio é desviada pela Síria, Jordânia e Israel, antes de ir para o sul.
A situação actual pode ser mudada porque agora os israelitas reutilizam 75% das águas pelo tratamento, reaproveitando e diminuindo o desperdício e, no próximo ano, 85% da água potável utilizada no país virá de usinas de dessalinização. Com isso, há mais água potável disponível, possibilitando revitalizar novamente os locais dos rios que estão a centenas de metros do seu leito com falta de água.
O ministro da Água e Energia, Uzi Landau, explicou que uma média de 150 milhões de metros cúbicos de água serão transferidos anualmente para o rio, do Mar da Galileia.
- Em dez anos, eliminaremos a nossa dívida com a natureza – afirma.
Além dos benefícios ambientais, a revitalização servirá também para fortalecer o turismo na região, visto que o Jordão é um local procurado por cristãos de todo o mundo, que querem ser baptizados no mesmo rio que Jesus.
Além da transferência de recursos hídricos do Mar da Galileia, o governo planeia gastar dezenas de milhões de dólares para limpar o Vale do Jordão e dar um impulso ao turismo com a instalação de acampamentos e pousadas ao longo de suas margens, e está construindo também uma planta de tratamento de resíduos no extremo sul do Mar da Galileia.
- Estes peregrinos gostam de organizar a sua viagem à Terra Santa para visitar as águas do rio Jordão. Quando o rio Jordão for revitalizado, ele irá influenciar directamente nas agendas de turismo e será incluído definitivamente no itinerário dos turistas – disse o ministro do Turismo, Stas Misezhnikov.
De acordo com o Noticias Cristianas, o esforço inclui também a recuperação de algumas áreas da margem sul do rio, que corre ao longo da fronteira entre a Jordânia e Israel, onde ainda existem minas terrestres remanescentes das duas guerras travadas entre os dois países.
Shalom, Israel!

Igreja Perseguida: Pastor é severamente agredido por levar a Palavra às pessoas, mas avisa que continuará com seu ministério


Igreja Perseguida: Pastor é severamente agredido por levar a Palavra às pessoas, mas avisa que continuará com seu ministérioUm pastor evangélico de uma aldeia na região Central do Vietnã foi severamente agredido no mês passado por um grupo de bandidos, por causa de sua pregação e seu trabalho evangelístico na região. Identificado como Vinh (nome fictício), o líder religioso foi obrigado a se ajoelhar diante de seus agressores, o que em sua cultura significa admissão de culpa e rendição a uma autoridade.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Por se recusar a se ajoelhar, o jovem pastor, de 24 anos, foi colocado de joelhos pelo líder do grupo de agressores, e recebeu um forte golpe. Além de uma série de golpes em seu joelho, o líder da gangue bateu também duas vezes na mandíbula de Vinh, usando o cabo da arma. O Jovem pastor caiu de bruços na sarjeta, e os bandidos fugiram do local.
A mandíbula do religioso foi quebrada em quatro partes, e ele passou várias semanas no hospital, sem sequer conseguir comer alimentos sólidos.
Vinh abriu uma igreja em janeiro de 2012, logo após se formar como pastor e, em seis meses, sua igreja cresceu muito. O crescimento do ministério chamou a atenção das autoridades locais, que consideram qualquer reunião organizada como uma ameaça à segurança nacional.
De acordo com a missão Portas Abertas, as autoridades de aldeias tribais do Vietnã, muitas vezes, contratam bandidos para ameaçar e desencorajar os pastores, como forma de evitar a implantação de novas igrejas.
Dois dias antes do ataque, o pastor havia participado de um programa de treinamento pastoral ministrado pela Portas Abertas Internacional, na capital do Vietnã, Ho Chi Minh, e foi considerado por seu pastor como um dos alunos mais promissores do curso.
Gravemente ferido no hospital, Vinh se recusou a passar por cirurgias, por acreditar que sua fé seria o suficiente para curá-lo. Ele relata que sua fé teve resultados pois, certa noite ele viu Jesus Cristo à sua cabeceira, e quando acordou na manhã seguinte sua mandíbula estava curada.
Um colaborador do Portas Abertas no país afirma que o pastor já está em plena recuperação, e que “ele está se preparando para voltar à igreja que ele abriu para dar continuidade ao ministério pastoral”.

G+

Cortejado por Serra, grupo evangélico decide apoiar Chalita

Ministério de Madureira, um dos principais troncos da Assembleia de Deus, a maior denominação evangélica do país, com 12,3 milhões de fiéis, fecha com peemedebista.

Após ser cortejada por meses pela campanha de José Serra (PSDB) à Prefeitura de São Paulo, a Convenção Nacional das Assembleias de Deus - Ministério de Madureira, um dos maiores grupos evangélicos do país, decidiu declarar apoio ao candidato do PMDB e desafeto do tucano, Gabriel Chalita.

A notícia foi um revés para Serra, que trabalhou pessoalmente para atrair os dois maiores troncos da Assembleia. Em abril, o tucano fechou acordo com a Convenção Geral da Assembleia de Deus no Brasil, organização que disputa com Madureira o protagonismo na representação da igreja no país.

A Assembleia de Deus é a maior denominação evangélica do país, com 12,3 milhões de fiéis, segundo o Censo mais recente, de 2010.

O apoio do Ministério de Madureira a Chalita, formalizado ontem, foi costurado pelo vice-presidente da República, Michel Temer (PMDB), e o deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que é evangélico e detentor de programas religiosos em rádios.

"Falamos com o Temer, e o Eduardo Cunha é meu amigo, já conta com o nosso apoio no Rio. Nessas horas, todas as boas amizades contam", disse o pastor Samuel Ferreira, presidente da Convenção Nacional.

Cunha tentou relativizar seu papel na negociação da aliança. "Sou amigo do Samuel. Ajudei, mas, se ele achasse que o candidato era ruim para o nosso povo, não apoiaria", afirmou.

FORA DA AGENDA
O pastor ligou para o deputado assim que saiu do comitê de Chalita, onde o acordo foi selado. O ato não constou da agenda do candidato.

À Folha Samuel Ferreira disse ter pedido a Chalita um "tratamento diferenciado" na emissão de alvarás de funcionamento para igrejas em São Paulo. Ele afirmou ainda não se incomodar com a ligação forte que o peemedebista mantém com a Renovação Carismática Católica. "O que é bom para mim é bom para a Igreja Católica", disse.

Cunha vem trabalhando para aproximar Chalita dos evangélicos. No início de julho, ele convenceu o candidato a participar da Marcha para Jesus. "A gente opina, e o Chalita avalia. Mas não foi bom para ele estar lá, no meio do nosso povo?", disse.

Dois meses antes, tanto Chalita como Serra comemoraram o aniversário de Samuel Ferreira.

O tucano foi informado por aliados do acordo entre Ferreira e o peemedebista minutos após a adesão -mais um ponto de atrito entre os dois.

O candidato do PSDB já havia manifestado irritação com a atuação do adversário no debate realizado pela Band na noite de anteontem.

Todas as vezes em que falou, Chalita mencionou a "parceria" que tem com o governador Geraldo Alckmin (PSDB). A aliados Serra afirmou que o rival se esforça para tentar mostrar que Alckmin promove uma "campanha B", pró-PMDB.

Fonte: Folha de São Paulo

Mineiros chilenos aderem ao Islã

Mineiros chilenos aderem ao IslãMineiros chilenos aderem ao Islã
Este domingo marca o segundo aniversário do acidente ocorrido na antiga mina San José, em pleno deserto do Atacama, no norte do Chile. Dia 5 de agosto de 2010, um deslizamento deixou 32 mineiros chilenos e um boliviano presos embaixo da terra durante 69 dias.
A operação de resgate foi transmitida ao vivo para todo o mundo e demorou cerca de 22 horas. Individualmente, cada um deles foi trazido à superfície por uma “cápsula” em um túnel que descia a mais de 600 metros de profundidade e media apenas 60 centímetros de largura.
Em 2012, os protagonistas dessa tragédia que comoveu o mundo ainda lutam para superar o trauma. A maioria voltou a trabalhar, mas muitos ainda têm seqüelas graves.
“Na última vez em que nos reunimos, 80% de nós estavam reinseridos em alguma coisa”, explica o mineiro Juan Illanes. Trabalhando ainda em uma empresa ligada à mineração, afirma que procura apoio emocional em “um grupo de sufista que tem sede no Chipre”. Os sufistas são uma corrente do islamismo.
“Fazemos terapias em grupo. Nós nos reunimos em Vallenar (sul do Chile), o grupo é liderado por Abdul, que nos aproxima da educação religiosa muçulmana”, contou, acrescentando que também participam os mineiros Omar Reygadas e Darío Segovia. Todos viajaram um ano atrás até o Chipre para visitar Sugita Naqshbandi, líder máximo e mestre da Ordem.
Curiosamente, uma cruz de cinco metros de altura foi erguida no local da tragédia em homenagem à virgem da Candelária, padroeira dos mineiros chilenos, Várias missas foram celebradas ali pedindo pela vida dos 33 homens sobreviveram à escuridão, à umidade e ao calor intenso no fundo daquela velha mina de ouro e cobre.
Mas nem todos os mineiros estão totalmente recuperados. O mineiro Víctor Segovia admite que ainda faz tratamento psicológico e toma remédios. Edisón Peña já esteve internado em um centro de reabilitação, procurando se tratar da dependência de drogas e álcool.
O mineiro Pablo Rojas explica que a fama não “arrumou” a vida deles.”Depois de um ano de viagens e da televisão, todos tivemos que começar a nos virar. Quase todos receberam alta e como não há muitos ganhos, tivemos que voltar à realidade”, resume.
Com informações Band

"LISTA DE SCHINDLER" À VENDA POR 2,2 MILHÕES DE DÓLARES

 

Certamente um dos documentos mais importantes relacionados com os Judeus na Segunda Guerra Mundial - nada menos nada mais que uma das originais cópias da "lista de Schindler", propriedade privada, encontra-se agora à venda por 2,2 milhões de dólares.
Esta é a única cópia da famosa "lista" detida por particulares, datada de 18 de Abril de 1945, e contendo os nomes dos judeus que o empresário alemão Oskar Schindler "comprou" aos nazis, poupando centenas de vidas às câmaras de gás e extermínio nazis.
Segundo o especialista em vendas de documentos históricos, Gary Zimet, "esta é a única lista que se encontra em mãos privadas e é certamente o mais importante documento da 2ª Guerra Mundial".
Esta lista compilada por Schindler e pelo seu contabilista Itzhak Stern - tornada famosa pelo filme de Spielberg "A Lista de Schindler", vencedor de vários óscares - data de 18 de Abril de 1945, e tem 13 páginas.
Estão ali mencionados 801 nomes de homens, com as suas ocupações e datas de nascimento.
Segundo Gary, existiam outras 7 versões da lista, mas só se sabe do paradeiro de 4, estando uma no Museu do Holocausto em Washington, uma outra nos Arquivos federais alemães de Koblenz, estando as outras duas guardadas no Museu do Holocausto de Jerusalém.
Shalom, Israel!

Líder cristão egípcio acusa novo gabinete de ser "injusto"

O novo governo do Egito não representa os cristãos, afirmou o líder da Igreja Cóptica neste sábado, dizendo que apenas um assento no gabinete não é suficiente para representar uma comunidade que equivale a um décimo da população do país islâmico.

O presidente islâmico, Mohamed Mursi, nomeou seu primeiro gabinete na quinta-feira, apoiando-se fortemente em burocratas, e incluiu três políticos islâmicos, um dos quais foi indicado para o cargo politicamente sensível de ministro da Educação.

Cristãos que se juntaram a muçulmanos numa revolta de 18 dias que derrubou o líder político de longa data Hosni Mubarak no ano passado desejavam um governo mais inclusivo para compensar a crescente influência da Irmandade Muçulmana, à qual pertence Mursi.

O primeiro-ministro, Hisham Kandil's, nomeou duas mulheres para seu gabinete, mas desapontou grupos femininos. Muçulmanos salafi, que tiveram forte desempenho nas eleições parlamentares, não foram incluídos entre os ministros.

O bispo Bakhomious, que substituiu o papa Shenouda após sua morte em março após quatro décadas na liderança da Igreja Ortodoxa Cóptica, disse ao jornal egípcio Al-Shorouk que esperava que cristãos fossem melhor representados.

"Não congratularei o novo primeiro-ministro pela formação do novo governo porque ele é injusto (...) Esse gabinete é injusto para os cópticos", disse ele ao jornal.

"Esperávamos um aumento na representação dos cópticos, especialmente após o número de ministérios crescer para 35. Mas essa formação ignorou todos os direitos conhecidos e os conceitos de cidadania", disse o bispo, no primeiro comentário oficial da Igreja sobre o novo gabinete.

"Não é justo que os cópticos sejam tratados dessa maneira", adicionou Bakhomious, que está atuando como papa até que um sucessor de Shenouda seja eleito mais tarde neste ano.

Nesse papel, ele é o principal representante político dos cópticos egípcios, a maior minoria cristã no Oriente Médio.

Fonte: Reuters

Inscrição no CPF pode ser feito através da internet

A Receita Federal divulgou, esta semana, que agora é possível fazer a inscrição no Cadastro de Pessoas Físicas através da internet.

O processo é gratuito e pode ser feito a qualquer hora, bastando preencher uma série de dados pessoais. Antes, só era possível fazer em uma agência da Receita, dos Correios ou Banco do Brasil, e era preciso pagar uma taxa (R$ 5,70), para efetuar a inscrição.

Após o cadastro, o sistema faz o cruzamento com informações de outras bases de dados governamentais, e não havendo inconsistências, a pessoa recebe o número de cadastro. Caso haja alguma falha, e o número não for liberado, a Receita recomenda que a pessoa se desloque para uma agência para efetuar a inscrição. Outra situação em que a pessoa será obrigada a comparacer a uma agência é caso dela perder o seu número de cadastro, pois não é possível recuperar este dado através do site.

Desde 2010 a Receita não emite mais documentos de CPF (o cartão azul, se você for mais novo, ou aquela folha bem amarelada, se for mais antigo) pois considera desnecessário, já que vários documentos já trazem o número de cadastro entre os dados, caso do Carteira de Identidade e da Carteira Nacional de Habilitação. Para quem precisa imprimir um comprovante do número, pode fazer isto através deste link.

O serviço é gratuito e está disponível 24 horas por dia, inclusive nos sábados, domingos e feriados. De acordo com a Receita, 500 mil pessoas físicas se cadastram no CPF por mês. Deste total, a Receita estima que 200 mil contribuintes recorram à inscrição pela internet.

A inscrição no Cadastro de Pessoas Físicas pode ser feita através deste link

Fonte: Adrenaline

Pastor evangélico denuncia ameaça de morte em Arapiraca

O pastor evangélico da Igreja Mundial Júlio César Martins Júnior,32, procurou uma guarnição do 3º Batalhão

O pastor evangélico da Igreja Mundial, Júlio César Martins Júnior, de 32 anos, procurou uma guarnição do 3º Batalhão Militar de Arapiraca para denunciar que está sendo ameaçado de morte.

De acordo com o relato do líder religioso, a ameaça teria ocorrido na Rua Paula Magalhães, no centro de Arapiraca.

Júlio César Martins disse que um desconhecido estava batendo na porta de sua residência, afirmando que iria matá-lo.

Os militares foram até o local para averiguar o caso e realizaram rondas sem, contudo, identificar o homem. A vítima foi orientada a procurar a Central de Polícia, para formalizar a denúncia.

Fonte: Tribuna Hoje

Pastor foragido da Justiça é preso em SP

Um pastor que estava foragido do presídio de Tremembé, em São Paulo, foi capturado na noite dessa terça-feira na Vila Alpina, zona leste.

Segundo a polícia, ele cumpria pena por estupro de uma menina de 13 anos, que ocorreu em 1991.

José Leonardo Sardinha havia conseguido, em janeiro deste ano, o direito a cumprir a pena no regime semiaberto, mas acabou fugindo. Pastor Sardinha, como era conhecido pelos fiéis, abriu uma igreja Assembleia de Deus e vivia tranquilamente na Vila Alpina.

Há 30 dias, a polícia vinha monitorando o líder espiritual. Ele foi preso enquanto dirigia um culto na igreja. Depois, foi encaminhado ao 56º Distrito Policial.

Fonte: Sonda Brasil

Criminosos levam R$ 1,6 mil de dízimo de igreja

Não havia sinais de arrombamento nas portas e janelas; caso será investigado pela Polícia Civil.

Uma igreja católica foi alvo de criminosos no final da tarde de ontem (02) em Santa Helena.

De acordo com relatos do tesoureiro da comunidade católica, ele foi até a igreja para fazer a contagem do dinheiro recolhido com o dízimo, mas encontrou os envelopes dentro do baú violados.

Aproximadamente R$ 1.600,00 foram roubados pelos criminosos. Policiais não encontraram sinais de arrombamento nas portas e janelas. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Fonte: CGN

JACO - ISRAEL

De todos os relatos da Torá, este é um dos mais envoltos em mistério. Conta-nos a história da luta entre um ser humano e um anjo e a da ...