quarta-feira, 21 de setembro de 2011

MEDITAÇÃO DO DIA

O Poder do Cântico

Por volta da meia-noite, Paulo e Silas estavam orando e cantando hinos a Deus; os outros presos os ouviam. [...] Imediatamente todas as portas se abriram, e as correntes de todos se soltaram. Atos 16:25, 26


Não era o melhor lugar para se cantar. Não era uma concha acústica, nem o Credicard Hall em miniatura. Não havia luzes coloridas, nem caixas de som especiais. Não era um concerto, recital nem cantata. Também não era um festival de quartetos ou grupos vocais. Era um dueto. Gostaria de tê-los escutado pessoalmente. Tenho certeza de que as vozes se harmonizavam. Não sei qual dos dois era barítono ou tenor. E eles cantavam na cela, o palco do recital. Se você já visitou um presídio superlotado, onde vozes clamam e as mãos se estendem enquanto você passa, terá uma leve noção do lugar em que aqueles homens estavam.


Que mensagem eles estavam transmitindo? Deus nos ama; Deus tem um plano para nós. Que motivo havia no coração deles para cantar? Eles tinham sido açoitados, levavam no corpo as marcas dos açoites. As mãos estavam presas a correntes e os pés, colocados no tronco. O lugar era úmido. Como soaria sua voz em circunstâncias como essa?


Qualquer um pode louvar com as portas da prisão abertas. Mas somente a presença de Jesus é que leva você a cantar, mesmo dentro de uma prisão. É nos momentos de escuridão, de incerteza e adversidade, que a música e o canto aparecem como lenitivo.


Pense no que simboliza o cântico, a música na vida de muita gente: abertura de prisão, portas abertas, cadeias abertas, luz, ânimo e consolo.


As palavras de um cântico ou de um hino são como chaves que abrem portas, liberam pessoas que se sentem acorrentadas a prisões sem grades ou portas de ferro, mas muito mais limitadoras e mais humilhantes do que as cadeias reais. As prisões e algemas que mais prendem e limitam são as invisíveis. São mais degradantes e humilhantes do que as prisões reais. Mas os cânticos são como chaves, abrindo novo caminho para as pessoas.


No meio da adversidade, cante. Se está alegre, cante. Se está triste ou com medo, cante.


“Mesmo não florescendo a figueira, e não havendo uvas nas videiras, mesmo falhando a safra de azeitonas, não havendo produção de alimento nas lavouras, nem ovelhas no curral nem bois nos estábulos, ainda assim eu exultarei no Senhor e me alegrarei no Deus da minha salvação” (Hc 3:17, 18).

Bispo Edir Macedo: Orações não resolvem todos os problemas, devemos fazer sacrifícios para acabar com maldições

Bispo Edir Macedo: Orações não resolvem todos os problemas, devemos fazer sacrifícios para acabar com maldiçõesO Bispo Edir Macedo afirmou em artigo publicado em seu blog no site da Igreja Universal que “há situações que nem a oração resolve”. Usando o exemplo em que Davi decidiu fazer um censo de seu exército, Macedo afirmou que “Satanás o incitou a levantar o censo de Israel. Não havia necessidade… Mas movido pela fraqueza da vaidade queria saber dos números de soldados para os próximos embates”.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica GospelMacedo continua seu texto afirmando que “Davi plantou orgulho e colheu maldição. A partir daí, as orações do rei não tinham qualquer efeito diante de Deus. Nem sua confissão e arrependimento moveram o coração de Deus. Os céus se fecharam para Davi porque a maldição já tinha sido determinada”.
No final de seu texto, o Bispo Edir Macedo relata que Deus cobrou de Davi um sacrifício na Eira de Araúna, local que depois foi construído o Templo de Salomão, e convoca os fieis da Igreja Universal a apresentar sacrifícios até Domingo, quando haverá uma visita à construção da réplica do Templo de Salomão: “se o leitor carrega em si uma maldição… entregue seu sacrifício até domingo em qualquer IURD”.
“Deus tenha compaixão dos caídos!”, encerra o Bispo.

G+-*1'1 / VIA GRITOS DE ALERTA

VOCÊ QUER ISSO AQUI NO BRASIL ? - Crianças ganham fuzís e granadas em concurso de declamação do Alcorão

Crianças ganham fuzís e granadas em concurso de declamação do AlcorãoUma estação de rádio na Somália controlada pelo grupo extremista islâmico Al Shabab premiou com armas crianças que participavam de um concurso de declamação do Alcorão, o livro sagrado dos muçulmanos. A competição da rádio Andulus também avaliou conhecimentos gerais.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica GospelO grupo que venceu a competição recebeu um fuzil AK-47 e o equivalente a US$ 700 (cerca de R$ 1.240). O segundo colocado recebeu um AK-47 e US$ 500 e terceiro, duas granadas de mão e US$ 400.
O grupo Al Shabab, que teria ligações com a Al Qaeda, controla grande parte do sul e do centro da Somália. Recentemente o grupo saiu da capital Mogadiscío, onde o fraco governo apoiado pela ONU está no comando.
Granadas
Quatro crianças, de idades entre 10 e 17 anos, foram escolhidas para representar cada distrito na competição realizada durante o Ramadã, o mês sagrado dos muçulmanos, que terminou em agosto.
“Os jovens devem usar uma mão para educação e com a outra segurar uma arma para defender o Islã”, disse o comandante do Al Shabab Mukhtar Robow aos vencedores da competição em Elasha, cerca de 20 km da capital.
Os vencedores também receberam livros religiosos. Mohamed Moalimu, repórter da BBC em Mogadíscio, disse que o concurso vem ocorrendo há três anos. Em edições anteriores, a primeira colocação era premiada com um lançador de granadas.
A Somália atravessa uma severa seca e muitas áreas controladas pelo grupo sofrem com fome.

VIA GRITOS DE ALERTA

Ao invés de coletar, igreja evangélica irá dar dinheiro para fiéis em culto

O Pastor da Liquid Church (Igreja Líquida), Tim Lucas, afirma que essa iniciativa foi motivada pela crise econômica que assola os Estados Unidos.

A Liquid Church (Igreja Líquida) da cidade de New Jersey, nos Estados Unidos, vai distribuir 30.000 dólares (R$ 53 mil no câmbio de hoje) durante o culto no próximo Domingo, 25/09. O dinheiro será colocado em envelopes com a frase “God trust you” (Deus confia em você) e terão notas de 10, 20 e 50 dólares.

O Pastor Tim Lucas, responsável pela igreja, afirma que essa iniciativa foi motivada pela crise econômica que assola os Estados Unidos. Tim afirma que “Washington está quebrada, o povo está quebrado, e as pessoas perderam a fé de que o governo possa prover uma solução duradoura para os problemas econômicos”.

A Igreja possui 2.000 membros e vai incentivar os ganhadores a utilizar o dinheiro de forma significativa, ajudando a comunidade a amenizar as dificuldades de quem sofre com a crise econômica. O Pastor Tim Lucas anuncia ainda que a igreja possui outros “60.000 dólares que serão destinados a projetos comunitários em três bairros próximos à Igreja”.

Essa iniciativa é uma tendência recente das Igrejas norte-americanas, que justificam essas ações baseadas nos princípios da igreja primitiva relatada na Bíblia, onde os fiéis se ajudavam mutuamente nas dificuldades que enfrentavam.

VIA GRITOS DE ALERTA

OAB e Marta Suplicy: sonhando com a Constituição totalitária gayzista

Alguns “avanços” propostos pela comissão da OAB: a legitimação, em termos práticos, da pedofilia, apoio legal à preparação de menores com 14 anos para cirurgias de mudança de sexo, cotas para gays em concursos e empresas, uso de banheiros e vestiários de acordo com a opção sexual do dia, e a proibição de ajuda profissional aos gays e lésbicas que desejam abandonar o homossexualismo.
A senadora Marta Suplicy (PT-SP) elogiou a Proposta de Emenda Constitucional (PEC), elaborada pela Comissão Especial de Diversidade Sexual da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), que quer ampliar privilégios a indivíduos viciados em práticas homossexuais.

O texto tem a pretensão de introduzir na Constituição todas as decisões do Supremo Tribunal Federal (STF) que favoreceram a agenda gay, inclusive a garantia de união estável para duplas homossexuais, com direito à conversão em casamento e adoção de crianças.

De acordo com a agência de notícias do Senado, “a PEC tem como um de seus principais ponto a criminalização da homofobia e estabelece a pena de dois a cindo anos de reclusão para aqueles que praticarem atos de discriminação e preconceito em virtude da orientação sexual de alguém. A mesma punição se estende aos que incitarem o ódio ou pregarem [contra a] orientação sexual ou identidade de gênero”.
Com a aprovação da PEC, a própria Constituição do Brasil se transformará num PLC 122. Mas Suplicy reconhece que a tentativa de transformar a Constituição do Brasil numa constituição anti-“homofobia” certamente enfrentará resistência de “setores como o da igreja”.
A senadora acredita que, estrategicamente, será importante aprovar primeiro o PLC 122/2006, pois sua tramitação está mais avançada, tendo já sido aprovado sorrateiramente na Câmara dos Deputados e restando apenas a votação no Senado. O segundo passo, na avaliação de Marta, é apresentar a PEC, que é uma matéria mais ampla e complexa. “A PEC é bem mais difícil de aprovar. Então, vamos começar com a homofobia e avaliar o momento adequado para fazer uma PEC com essa amplitude, que é realmente o sonho que nós gostaríamos para todo o País”, explicou a senadora à agência do Senado.
O Estatuto da Diversidade Sexual conta com 109 artigos, que alteram 132 dispositivos legais. O Estatuto criminaliza a homofobia, reconhece o direito à livre orientação sexual e iguala os direitos fundamentais entre heterossexuais e LGBTs.
Eis algumas dos “avanços” que o Estatuto da Diversidade Sexual propõe:
Legitimação da PEDOFILIA e outras anormalidades sexuais:
Título III, Art. 5º § 1º – É indevida a ingerência estatal, familiar ou social para coibir alguém de viver a plenitude de suas relações afetivas e sexuais.
Sob essa lei, a família nada poderá fazer para inibir um problema sexual nos filhos. A sociedade nada poderá fazer. E autoridades governamentais que ainda restarem com um mínimo de bom senso estarão igualmente impedidas de “interferir”.
Retirar o termo PAI E MÃE dos documentos:
Título VI, Art. 32 – Nos registros de nascimento e em todos os demais documentos identificatórios, tais como carteira de identidade, título de eleitor, passaporte, carteira de habilitação, não haverá menção às expressões “pai” e “mãe”, que devem ser substituídas por “filiação”.
Essa lei visa beneficiar diretamente os ajuntamentos homossexuais desfigurados tratados como família. Para que as crianças se acostumem com “papai e papai” ou “mamãe e mamãe”, é preciso eliminar da mente delas o normal: “papai e mamãe”.
Começar aos 14 anos os preparativos para a cirurgia de mudança de sexo aos 18 anos (pode começar com hormônios sexuais para preparar o corpo):
Título VII, Art. 37 – Havendo indicação terapêutica por equipe médica e multidisciplinar de hormonoterapia e de procedimentos complementares não-cirúrgicos, a adequação à identidade de gênero poderá iniciar-se a partir dos 14 anos de idade.
Título VII, Art. 38 - As cirurgias de redesignação sexual podem ser realizadas somente a partir dos 18 anos de idade.
Cirurgias de mudança de sexo nos hospitais particulares e no SUS:
Título VII, Art. 35 – É assegurado acesso aos procedimentos médicos, cirúrgicos e psicológicos destinados à adequação do sexo morfológico à identidade de gênero.
Parágrafo único – É garantida a realização dos procedimentos de hormonoterapia e transgenitalização particular ou pelo Sistema Único de Saúde – SUS.
Uso de banheiros e vestiários de acordo com a sua opção sexual do dia:
Título VII, Art. 45 – Em todos os espaços públicos e abertos ao público é assegurado o uso das dependências e instalações correspondentes à identidade de gênero.
Não é permitido deixar de ser homossexual com ajuda de profissionais nem por vontade própria:
Título VII, Art. 53 – É proibido o oferecimento de tratamento de reversão da orientação sexual ou identidade de gênero, bem como fazer promessas de cura.
O Kit Gay será desnecessário, pois será dever do professor sempre abordar a diversidade sexual e consequentemente estimular a prática:
Título X, Art. 60 – Os profissionais da educação têm o dever de abordar as questões de gênero e sexualidade sob a ótica da diversidade sexual, visando superar toda forma de discriminação, fazendo uso de material didático e metodologias que proponham a eliminação da homofobia e do preconceito.
Contos infantis que apresentem casais heterossexuais devem ser banidos se também não apresentarem duplas homossexuais travestidas de “casais:
Título X, Art. 61 – Os estabelecimentos de ensino devem adotar materiais didáticos que não reforcem a discriminação com base na orientação sexual ou identidade de gênero.
As escolas não podem incentivar a comemoração do Dia dos Pais e das Mães:
Título X, Art. 62 – Ao programarem atividades escolares referentes a datas comemorativas, as escolas devem atentar à multiplicidade de formações familiares, de modo a evitar qualquer constrangimento dos alunos filhos de famílias homoafetivas.
Cotas nos concursos públicos para homossexuais assim como já existem para negros no RJ, MS e PR e cotas em empresas privadas com já existe para deficientes físicos:
Título XI, Art. 73 – A administração pública assegurará igualdade de oportunidades no mercado de trabalho a travestis e transexuais, transgêneros e intersexuais, atentando ao princípio da proporcionalidade.
Parágrafo único – Serão criados mecanismos de incentivo a à adoção de medidas similares nas empresas e organizações privadas.
Casos de pedofilia homossexual irão correr em segredo de justiça:
Título XIII, Art. 80 – As demandas que tenham por objeto os direitos decorrentes da orientação sexual ou identidade de gênero devem tramitar em segredo de justiça.
Censura a piadas sobre gays:
Título XIV, Art. 93 – Os meios de comunicação não podem fazer qualquer referência de caráter preconceituoso ou discriminatório em face da orientação sexual ou identidade de gênero.
“O Estatuto da Diversidade Sexual é um avanço. Isso nunca havia sido pensado em relação às questões LGBT”, reconheceu Marta Suplicy, classificando-o como de importância “inquestionável”.
O Estatuto defende que o Estado é obrigado a investir dinheiro público para homossexuais que querem caros procedimentos de reprodução assistida por meio do Sistema Único de Saúde (SUS) e também o Estado é obrigado a criar delegacias especializadas para o atendimento de denúncias por preconceito sexual contra homossexuais, atendimento privado para exames durante o alistamento militar e assegura a visita íntima em presídios para homossexuais e lésbicas.


 Fonte. Renato Tambellini e da agência Senado.
VIA GRITOS DE ALERTA

Expocristã Abre com Participação de Silas Malafaia

expocristã-Silas-MalafaiaNesta terça-feira (20) foi aberta a Expocristã, maior evento de produtos cristãos da América Latina. Na solenidade de abertura, quatro mil pessoas ouviram a palavra do presidente da AD Vitória em Cristo, Silas Malafaia.
(Foto: Fonte Gospel)
Nesta terça-feira (20) foi aberta a Expocristã, maior evento de produtos cristãos da América Latina. Na solenidade de abertura, quatro mil pessoas ouviram a palavra do presidente da AD Vitória em Cristo, Silas Malafaia.
“Líder não é só estar na frente para mandar, e sim ser exemplo dos melhores e ter desempenho com excelência. Líder é aquele que tem habilidade de ver o futuro, um futuro breve e também longo. Líder é aquele que sustenta o que acredita. Líder não faz o que é conveniente para agradar os outros e sim o que é certo, como diria o Agnelli, ex-presidente da Vale do Rio Doce”, declarou Malafaia.
 
O evento foi aberto pelo coro da Cristolândia, projeto da Junta de Missões Nacionais da Igreja Batista que visa resgatar jovens viciados em crack. A apresentação emocionou o público que pode ver o testemunho de transformação de cerca de 200 jovens.
O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, esteve na abertura oficial da feira e mencionou que o evento foi incluído no calendário do município por fomentar o turismo.
“A Expocristã é muito importante para a cidade de São Paulo. Pois é um evento que se consolida e oferece uma oportunidade anual de disseminar a cultura evangélica, que só aumenta a cada ano, por meio da música, dos produtos e autores. Esse é um momento de renovar as nossas orações e pedir oração para as crianças, para o povo paulistano e para a cidade de São Paulo”.
Eduardo Berzin Filho, presidente da EBF Comunicações e responsável pela realização do evento, lembrou que neste ano a feira comemora 10 anos e agradeceu os pastores e líderes pelo apoio desde a primeira edição.
“Temos que olhar para o futuro. Os evangélicos vão crescer e representar 50% da população brasileira. A Expocristã acompanha isto”.
A previsão é de que até o próximo domingo quase 200 mil pessoas passem pelo pavilhão do Anhembi, onde está sendo realizada a feira, que vai até o dia 25 de setembro. Os visitantes poderão conferir os últimos lançamentos de CDs, DVDs, Livros, Mobiliários, entre outros produtos.

CRISTIAN POST
VIA GRITOS DE ALERTA

Igreja Mundial tem cerca de 20 dias para fechar templo sede por não ter acatado ordem judicial e por falta de segurança

Igreja Mundial tem cerca de 20 dias para fechar templo sede por não ter acatado ordem judicial e por falta de segurança
A pedido da prefeitura de São Paulo, a juíza Maria Gabriella Pavlópoulos Spaolonzi, do 13ª Vara da Fazenda Pública, mandou a Igreja Mundial do Poder de Deus fechar em definitivo a sua sede na rua Carneiro Leão, 439, bairro do Brás, zona leste da cidade. Em caso de desobediência haverá multa diária de R$ 20.000,00.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
A juíza tomou a decisão no dia 16 em audiência com a advogada Gláucia Sauin, da prefeitura, e o advogado Flávio César Pinheiro, da igreja.
Por considerar “compreensíveis” as dificuldades da mudança, a juíza deu um prazo de 25 dias, a contar do dia 17 (sábado passado) para que o imóvel seja desocupado. Ela já expediu mandado de interdição do local para o dia 13 de outubro.
Valdemiro Santiago, líder da igreja, tinha pedido um prazo de 120 dias para fechar o imóvel e iniciar uma reforma de modo a adequá-lo às normas de segurança. O prazo venceu no dia 6 deste mês, e a sede continuou aberta.
Vistoria da prefeitura constatou que nada tinha sido feito para acabar com problemas como falta de portas corta-fogo e de proteção acústica e banheiros em estado precário.
Além de estar construindo nova sede em São Paulo, Valdemiro iniciou na TV uma campanha de arrecadação para levantar a Cidade Mundial em Garulhos, na Grande São Paulo.
Juíza deu prazo de 25 dias

Fonte: Paulopes
VIA GRITOS DE ALERTA

DIREITOS GARANTIDOS - Liminar da Justiça garante transmissão religiosa na TV Brasil

A polêmica começou após o conselho curador da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) decidir tirar da sua grade os programas religiosos.

O juiz federal da 15ª Vara Federal do Distrito Federal, João Luiz de Souza, concedeu, nesta terça-feira, liminar garantindo a transmissão pela Empresa Brasil de Comunicação (EBC) — estatal que opera a TV Brasil e oito rádios oficiais — de missas e cultos.

A polêmica começou após o conselho curador da empresa decidir tirar da sua grade os programas religiosos, que são veiculados há 36 anos. A suspensão começaria a valer neste final de semana.

A advogada da Arquidiocese do Rio, Claudine Dutra, que foi quem entrou com o pedido para anular a decisão da EBC, por entender que o ato da empresa era de discriminação religiosa. “São programas antigos e que têm um público cativo”, argumentou. Como fundamento para excluir a programação religiosa, o Conselho Curador alega o caráter republicano laico da EBC.

A Arquidiocese defende que uma empresa pública de telecomunicações deve abrir suas portas a todas as religiões, especialmente àquelas que têm grande representatividade na sociedade.

A decisão do juiz federal vale por tempo indeterminado e se estende à programação das rádios. Aos sábados, é transmitido um culto da Igreja Batista e, no domingo pela manhã, a Santa Missa e o programa ‘Palavras de Vida’, ambos da Igreja Católica.

Fonte: O Dia
VIA GRITOS DE ALERTA

GERAÇÃO NEEMIAS: A RESPOSTA DE DEUS PARA A CRISE

 



6- QUANDO NOS DISPOMOS SER A RESPOSTA DE DEUS PARA NOSSA GERAÇÃO, DEUS TORNA AS PESSOAS E CIRCUNTÂNCIAS FAVORÁVEIS A NÓS.


a)Deus tocou no coração do rei cap. 2 vers. 2

1, Sucedeu, pois, no mês de Nisã, no ano vigésimo do rei Artaxerxes, que estava posto vinho diante dele, e eu peguei o vinho e o dei ao rei; porém eu nunca estivera triste diante dele. 2, E o rei me disse: Por que está triste o teu rosto, pois não estás doente? Não é isto senão tristeza de coração; então temi sobremaneira.

b)Deus fez com que o rei desse liberdade para Neemias realizar a obra cap. 2 vers. 6

5, E disse ao rei: Se é do agrado do rei, e se o teu servo é aceito em tua presença, peço-te que me envies a Judá, à cidade dos sepulcros de meus pais, para que eu a reedifique. 6 Então o rei me disse, estando a rainha assentada junto a ele: Quanto durará a tua viagem, e quando voltarás? E aprouve ao rei enviar-me, apontando-lhe eu um certo tempo.

c)Deus fez com que o rei liberasse cartas para facilitar o caminho de Neemias cap. 2 vers.

7 Disse mais ao rei: Se ao rei parece bem, dêem-se-me cartas para os governadores dalém do rio, para que me permitam passar até que chegue a Judá. 8 Como também uma carta para Asafe, guarda da floresta do rei, para que me dê madeira para cobrir as portas do paço da casa, para o muro da cidade e para a casa em que eu houver de entrar. E o rei mas deu, segundo a boa mão de Deus sobre mim. 9 Então fui aos governadores dalém do rio, e dei-lhes as cartas do rei; e o rei tinha enviado comigo capitães do exército e cavaleiros.

7- QUANDO NOS DISPOMOS SER A RESPOSTA DE DEUS PARA NOSSA GERAÇÃO, O DIABO TORNA AS PESSOAS E CIRCUNTÂNCIAS CONTRÁRIAS A NÓS.

V.10, O que ouvindo Sambalate, o horonita, e Tobias, o servo amonita, lhes desagradou extremamente que alguém viesse a procurar o bem dos filhos de Israel.

LEMBRE-SE:

-- Deus vai ficar extremamente feliz com meu trabalho de restaurador de cidades, vidas e famílias.

--- O diabo vai ficar extremamente aborrecido e irado com meu trabalho de restaurar cidades, vidas e famílias.

---- A quem você quer agradar¿

O TRANSFORMADOR DE GERAÇÕES:

8- FAZ UM MAPEAMENTO DETALHADO PARA DESENVOLVER AÇÕES.

11 E cheguei a Jerusalém, e estive ali três dias.

12 E de noite me levantei, eu e poucos homens comigo, e não declarei a ninguém o que o meu Deus me pôs no coração para fazer em Jerusalém; e não havia comigo animal algum, senão aquele em que estava montado.

13 E de noite saí pela porta do vale, e para o lado da fonte do dragão, e para a porta do monturo, e contemplei os muros de Jerusalém, que estavam fendidos, e as suas portas, que tinham sido consumidas pelo fogo.

14 E passei à porta da fonte, e ao tanque do rei; e não havia lugar por onde pudesse passar o animal em que estava montado.

15 Ainda, de noite subi pelo ribeiro e contemplei o muro; e, virando entrei pela porta do vale; assim voltei.

16 E não souberam os magistrados aonde eu fora nem o que eu fazia; porque ainda nem aos judeus, nem aos sacerdotes, nem aos nobres, nem aos magistrados, nem aos mais que faziam a obra, até então tinha declarado coisa alguma.

É preciso conhecer de perto os problemas existentes para a partir daí desenvolver estratégias:

1- Para sabermos como e por que orar,

2- Para sabermos como agir.

3- O silêncio é elemento essencial na guerra.

EU FAÇO PARTE DO PROJETO GERAÇÃO NEEMIAS - A GERAÇÃO DOS RESTAURADORES -

TEMPOS DE RESTAURAÇÃO .


Muros derribados, portas queimadas, sepulcros violados, povo humilhado e em grande aflição. Formam estas a palavras que chegaram aos ouvidos de Neemias trazidas por seu irmão Hanani que regressava de Jerusalém e participara do que estava acontecendo com a geração do pós-cativeiro. Ao contrário da maioria das pessoas que ao ouvirem más noticias,apenas lamentam a situação e nada fazem para mudá-la, Neemias é tomado por um forte sentimento de urgência por mudança e reforma. Muitas reformas começam dentro de alguém,para então, transformarem outros tantos que estão na condição de ninguém.

A situação espiritual que se encontrava o povo de Deus no tempos de Neemias era semelhante a situação descrita pelas palavras de seu irmão a cerca da infra-estrutura da cidade de Jerusalém, por isso a iniciativa de reconstruir seus muros, assentar de volta suas portas e consertar os limites de seus sepulcros,era a manifestação visível do que haveria de acontecer com a vida espiritual da nação.

Fico maravilhado com o duplo processo de restauração que se dá ao longo do livro de Neemias e fica bem claro ao leitor que Deus estava usando o mesmo homem para fazer acontecer uma revolução espiritual tendo como sua obra principal a construção de algo natural. Deus em muitas ocasiões se utiliza de situações de grandes calamidades e destruições naturais para lidar com a decadência espiritual de seu povo. Todas as vezes que alguém recebe a visão de restaurar algo destruído, ali está por detrás desta visão, o anseio de Deus de restaurar princípios espirituais do Seu Reino.

Neemias estava bem ocupado, bem “empregado”, bem posicionado dentro do reino da Pérsia, contudo Deus o chamou para estar ocupado com uma Jerusalém destruída e oprimida. Talvez Deus esteja te despertando para um desafio que aparentemente não tenha tanto haver com questões espirituais propriamente ditas, mas fique atento como Deus vai se manifestando e mostrando a importância desta restauração. Foi trabalhando na construção de uma embarcação que o Justo Noé salvou sua família do dilúvio e condenou aquela geração que não creu naquele projeto; foi plantando uma vinha que Nabote perdeu sua vida, mas não abriu mão de sua herança, pois a considerava mais importantes do que os caprichos do rei Acabe em torná-la em uma plantação de cebolas e pepinos ; Foi carregando uma cruz que Cristo restaurou a nossa paz com Deus e aniquilou o pecado que nos condenava diante da santidade do Pai. Alguém fez algo pela fé, e algo foi restaurado e a benção foi restabelecida.

Deus busca neste exato momento pessoas que estão sendo chamadas para serem instrumentos de reedificação. Deus chama você que está bem posicionado para este tempo, para esta geração, para esta hora da história que os muros morais e espirituais da humanidade precisam de reformas já! Ousemos ouvir a Deus, ainda que a sua voz venha através da noticia de que algo que amamos esteja em ruínas. Esteja pronto para orar e pedir a Deus favor para que a obra que a Ele interessa seja também algo de seu interesse. A recompensa já está estipulada, disse Jesus a cerca do que se receberia ao deixar tudo para segui-lo, “ E todo o que tiver deixado casas, ou irmãos, ou irmãs, ou pai, ou mãe, ou filhos, ou terras, por amor do meu nome, receberá cem vezes tanto, e herdará a vida eterna.” MT 19:19

ADQUIRA SUA CAMISETA DO PROJETO GERAÇÃO NEEMIAS , FAÇA PARTE VOCÊ TAMBEM DA GERAÇÃO DOS RESTAURADORES .

UBPES@YAHOO.COM.BR

BISPO ROBERTO TORRECILHAS

EU FAÇO PARTE DO PROJETO GERAÇÃO NEEMIAS , E VOCÊ ? ADQUIRA SUA CAMISETA - UBPES@YAHOO.COM.BR - PROJETO GERAÇÃO NEEMIAS

POCA VERGONHA - STJ acelerou anulação das provas contra filho de Sarney

O julgamento no Superior Tribunal de Justiça (STJ) que anulou as provas da Operação Boi Barrica tramitou em alta velocidade, driblando a complexidade do caso, sem um pedido de vista e aproveitando a ausência de dois ministros titulares da 6ª turma. O percurso e o desfecho do julgamento provocam hoje desconforto e desconfiança entre ministros do STJ. Uma comparação entre a duração dos processos que levaram à anulação de provas de três grandes operações da Polícia Federal - Satiagraha, Castelo de Areia e Boi Barrica - explica por que ministros do tribunal reservadamente levantam dúvidas sobre o julgamento da semana passada que beneficiou diretamente o principal alvo da investigação: Fernando Sarney, filho do senador José Sarney (PMDB-AP). As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.
A mesma 6ª Turma que anulou sem muitas discussões as provas da Operação Boi Barrica levou aproximadamente dois anos para julgar o processo que contestou as provas da Castelo de Areia. A relatora do processo, ministra Maria Thereza de Assis Moura, demorou oito meses para estudar o caso e elaborar seu voto. O processo de anulação da Satiagraha tramitou durante um ano e oito meses no STJ. O relator, Adilson Macabu, estudou o processo por cerca de dois meses e meio até levá-lo a julgamento. Nos dois casos, houve pedidos de vista de ministros interessados em analisar melhor o caso. O relator do processo contra a Operação Boi Barrica, ministro Sebastião Reis Júnior, demorou apenas seis dias para estudar o processo e elaborar um voto de 54 páginas em que julgou serem ilegais as provas obtidas com a quebra de sigilo bancário, fiscal e telefônico dos investigados. E de maneira inusual, dizem ministros do STJ, o processo foi julgado em apenas uma sessão, sem que houvesse nenhuma dúvida ou discordância entre os três ministros que participaram da sessão.

VIA GRITOS DE ALERTA
FONTE . TERRA

Silas Malafaia defende IURD das acusações de estelionato contra os fiéis; “Isto é perseguição religiosa”


Para ele o MP está dizendo que a petição de ofertas e dízimos é estelionato para poder acusar outras denominações
Silas Malafaia defende IURD das acusações de estelionato contra os fiéis; “Isto é perseguição religiosa”
O pastor Silas Malafaia usou seu programa, que foi ao ar no sábado, 17, para chamar a atenção em um ponto específico da acusação do Ministério Público de São Paulo contra a Igreja Universal do Reino de Deus.
Em uma parte da acusação apresentada contra Edir Macedo e outros três dirigentes da IURD há um trecho que diz ” O grupo cometia estelionato contra os fiéis, oferecendo falsas promessas e ameaças de que o socorro espiritual e econômico somente alcançaria aqueles que se sacrificassem economicamente pela igreja”.
De acordo com o pastor assembleiano o MP pode usar esse mesmo texto para acusar outras denominações, dizendo que o ato de pedir dízimos e ofertas se trata de estelionato. “Não vem querer tocar em igreja evangélica com isso não, porque isso aqui é perseguição religiosa”, disse Malafaia.
Ele diz que não vai contestar sobre a parte do processo que fala sobre o envio de remeças de dinheiro e evasão de divisas, mas sobre o caso sobre a petição de dízimos e ofertas. “Isso aqui é um perigo, vão mexer na Igreja Católica? Vão tocar? Porque lá também tem campanha, lá também tem medalinha de benção. Nós temos que ficar atentos, querem tocar em uma para tocar nas outras, daí vai chamar todo mundo pra briga”, disse ele.
Malafaia falou sobre isso no final do programa onde ele respondeu sobre as polêmicas causadas pelos bispos da IURD sobre a manifestação pentecostal e sobre os cantores evangélicos.
Assista:
Fonte: Gospel Prime
VIA GRITOS DE ALERTA

Site de transações financeiras cancela conta de doações de Julio Severo a pedido de ativistas gays


O dinheiro das doações era a principal fonte de renda desse ativista cristão que foi forçado a deixar o Brasil
Site de transações financeiras cancela conta de doações de Julio Severo a pedido de ativistas gays
O blogueiro Júlio Severo teve sua conta no PayPal cancelada a pedido de ativistas homossexuais que alegaram que o brasileiro e outros nove usuários do sistema de pagamento eram fomentadores de ódio e fundamentalistas que pregam contra gays.
Era através do PayPal que Júlio recebia doações dos leitores de seus blogs para conseguir se sustentar sua família longe do Brasil. Além de atualizar o blog que leva seu nome, ele também escreve no blog Notícias Pró-Família, ambos os blogs possuem uma versão em inglês.
O grupo homossexual “All Out” (Todos Fora do Armário), são os responsáveis pela criação de uma petição online para pressionar a empresa de pagamento a cancelar a conta de Júlio Severo. Depois do lançamento da campanha, Severo e vários outros na lista foram contatados pelo PayPal, que pediu informações sobre as organizações deles e insinuou que eles não estão em conformidade com as políticas do PayPal.
O texto contendo o cancelamento da conta diz: “Apreciamos seu interesse no PayPal. Contudo, devido às restrições legais e regulatórias, a empresa PayPal Private Limited não pode processar pagamentos de doações para entidades de caridades e organizações sem fins lucrativos que não foram registradas; organizações/partidos políticos; instituições religiosas; levantadores de fundos para pessoas ou organizações, etc., em países sob sua jurisdição”.
De acordo com o site, essa é a terceira tentativa que grupos homossexuais conseguem êxito para pedir com que o blogueiro cristão desista de escrever contra a prática homoafetiva.
Em 2009, Severo foi forçado a fugir do Brasil com sua família depois que o Ministério Público Federal começou a investigá-lo por criticar a conduta dos homossexuais durante a Parada Gay. No Brasil, há restrições para se criticar a conduta homossexual.
Os homossexuais também deram um jeito de remover o blog de Severo por um curto período de tempo em 2008, depois de se queixaram de seu conteúdo. No entanto, depois de uma indignação em massa de cristãos do Brasil, o blog dele foi restaurado.
“Estou muito preocupado, pois o PayPal se prostrou aos militantes gays e sua campanha de ódio para que eu fosse excluído do PayPal”, disse Severo para LifeSiteNews.
“Uso o PayPal para pagar serviços essenciais para mim e minha família. E estamos numa situação muito limitada, pois estamos longe do Brasil por causa de perseguição gay e governamental. Nossos recursos são limitados”, acrescentou ele.
Já há uma petição online que será encaminha à PayPal pedindo que a conta de Júlio Severo seja reativada. Se você quiser ajudá-lo nessa campanha, acesse a petição em protesto contra a perseguição aos cristãos pró-família.

VIA BISPO ROBERTO TORRECILGAS E GRITOS DE ALERTA

Jovem cria primeira rede social missionária


Jovem cria primeira rede social missionáriaJovem cria primeira rede social missionária
Objetivo é compartilhar experiências com missionários em todo o mundo

Imagine se com apenas um clique pudéssemos unir todas as igrejas e missionários do Brasil em um único ambiente? Pois, isso já é possível! Em dezembro de 2009, um jovem morador do bairro de Colégio, na Zona Norte do Rio de Janeiro, membro da Assembleia de Deus Ministério Vida, teve a ideia e deu início ao projeto pioneiro na rede mundial.

Felipe Pinheiro criou um site onde os missionários de diversas partes do mundo podem enviar mensagens diretamente para o celular dos amigos e ainda dar notícias sobre tudo o que acontece nos campos missionários.

O jovem de 33 anos sempre esteve envolvido com o trabalho de Missões e viu a necessidade de compartilhar experiências com outros irmãos. “Eu era líder do ministério de missões da igreja na qual congregava e senti a necessidade de criar uma ferramenta exclusiva para a Igreja, onde os evangélicos pudessem alcançar outros evangélicos, para que pudéssemos orar uns pelos outros, auxiliar uns aos outros”.

Ele conta que a primeira mensagem enviada pelo site foi em 03 dezembro de 2009, pela missionária Renata Santos, que está em São Tomé e Príncipe, um pequeno arquipélago de ilhas próximas das costas do Gabão, Guiné Equatorial, Camarões e Nigéria. A missionária pedia oração pelas crianças que estavam em um hospital onde ela atuava.

Hoje, quase dois anos após o lançamento da primeira versão, seguindo as tecnologias que estão em vigor no mundo, o RM Messenger se transformou em uma rede social com a possibilidade de conversar através de vídeo-chat com os usuários do site, convidar amigos, publicar mensagens com fotos e vídeos entre os membros da sua igreja e denominação.

De acordo com Felipe Pinheiro, o objetivo não é o de concorrer com as outras redes sociais, como Orkut e Facebook. “Quero deixar claro que não estamos concorrendo com as outras redes sociais. Cada uma delas tem o seu papel. Apenas estamos dispostos a mostrar que temos condições de produzir algo que vai muito além de uma rede social: temos uma ferramenta capaz de alterar a ordem natural desse mundo!”, explica.

“Se em qualquer lugar do mundo, onde quer que esteja um missionário, tenha a certeza que a sua mensagem de pedido de auxílio, de oração, uma benção recebida chegará aos membros da sua igreja, ou da sua denominação ou, se preciso for, aos demais membros de todas as igrejas do Brasil”.

Faça parte você também http://www.rmmessenger.com

Redação CPAD News

VOCÊ QUER ISSO AQUI NO BRASIL ? Somália: muçulmanos decapitam Cristão por este ter abandonado o islão


No dia 18 de Setembro a pequena e esfaimada minoria Cristã da Somália enfrentou outra luta depois de assassinos muçulmanos terem decapitado um Cristão que havia abandonado a religião do pedófilo Maomé - e depois de se saber que os portadores internacionais de ajuda humanitária foram proibidos de chegar à população.
Os Cristãos somalis e os activistas humanitários confirmaram que o corpo de Juma Nuradin Kamil, um convertido ao Cristianismo proveniente do islão, havia sido encontrado na aldeia a sul de Hudur no dia 2 de Setembro.
Segundo uma testemunha, ele havia sido morto depois de 3 membros do grupo islâmico al-Shabab o terem empurrado para dentro dum carro.
Jonathan Racho, o gestor local do grupo International Christian Concern (ICC) disse:
Radicais islâmicos raptaram o irmão Cristão e depois decapitaram-no. ...
Membros do grupo islâmico radical al-Shabaab revelaram as suas intenções de forma clara ao declararem que querem expulsar todos os Cristãos da Somália.
O seu corpo decapitado foi descoberto por residentes locais.

Coisas como esta não se podem tornar estatísticas e "normais". Não podemos perder a sensibilidade do que está a ser feito: Cristãos estão a ser assassinados por abandonarem o satanismo islâmico.
Uma vez que os muçulmanos querem livrar a Somália de não-muçulmanos, que tal se os europeus respondessem com igual "consideração" e expulsassem todos os somalis muçulmanos a residir na Europa? Sem dúvida que os índices de criminalidade diminuiriam de forma abrupta.
Juma Nuradin Kamil
Recebido na glória eterna pelo Senhor Jesus depois de ter sido assassinado por muçulmanos.
Paz à sua alma
 
VIA GRITOS DE ALERTA

Reprimir o Desejo Sexual faz Mal? Evangélicos Ficam Perturbados? Nicodemus Responde

depressão-Nicodemus
Passar a adolescência e a mocidade sem ter relações sexuais faz com que os evangélicos fiquem traumatizados, perturbados metal e espiritualmente, reprimidos e recalcados?
(Foto: Blog O Tempora! O Moraes!)
Passar a adolescência e a mocidade sem ter relações sexuais faz com que os evangélicos fiquem traumatizados, perturbados metal e espiritualmente, reprimidos e recalcados? Rev. Augustus Nicodemus discute a questão em um artigo em seu blog.
Respondendo a este raciocínio o Rev. Augustus Nicodemus debate em seu blog sobre como o sexo é visto como um fator dominante na etiologia das neuroses.
 
Segundo ele, este tipo de raciocínio tem sua origem nas idéias de Sigmund Freud, em que o desejo sexual era a motivação quase que exclusiva para o comportamento das pessoas. Freud, diz Nicodemus, falava que o ser humano viveria sua existência na tensão entre dois princípios: o princípio do prazer e o princípio da realidade.
O princípio do prazer era para Freud, princípio instintivo, ligado à preservação da vida e da espécie, e sempre conectado ao apetite sexual.
O modelo de Freud popularizou a idéia de que a repressão sexual é a causa de todas as neuroses e distúrbios, diz ele, e é repetida por muitos que não exploraram o assunto a fundo. Nicodemus considera, portanto, que o argumento dos evangélicos sobre repressão sexual, uma desculpa para se justificar diante de Deus.
“Considero esse argumento apenas como mais uma desculpa dos que procuram se justificar diante de Deus, da igreja e de si mesmos pelo fato de terem relações sexuais antes e fora do casamento”, responde ele.
O pastor da Igreja Presbiteriana de Santo Amaro, explica que esse argumento parte do princípio de que os evangélicos conservadores são contra o sexo e que essa é uma falsa visão cristã conservadora do assunto.
“Nós não somos contra o sexo em si. Somos contra o sexo fora do casamento, pois entendemos que as relações sexuais devem ser desfrutadas somente por pessoas legitimamente casadas”, explicou.
Deus não criou o sexo somente para a procriação, afirma Augustus Nicodemus, mas como meio de comunhão, comunicação e prazer entre marido e mulher.
“Seja bendito o teu manancial, e alegra-te com a mulher da tua mocidade, corça de amores e gazela graciosa. Saciem-te os seus seios em todo o tempo; e embriaga-te sempre com as suas carícias (Pv 5.18-19)”, cita ele o versículo da Bíblia.
“Sim, o sexo é uma bênção, desde que usado dentro dos limites colocados pelo Criador”, acrescenta.
Em uma “Carta a Um Jovem Evangélico que Faz Sexo com a Namorada”, o Chanceler da Faculdade Presbiteriana Mackenzie, afirma que a Bíblia ensina claramente a abstinência, a pureza sexual e a virgindade para os que não são casados.
Nicodemus desafia ainda que se comprove a relação direta de causa e efeito entre a abstinência antes do casamento e distúrbios mentais, neuroses e coisas afins. Segundo ele, nenhuma pesquisa vai mostrar que os jovens que praticam sexo livre antes do casamento são equilibrados, sensatos, sábios e inteligentes.
“Pode ser que até se prove o contrário. Os tarados, estupradores e maníacos sexuais não serão encontrados no grupo dos virgens e abstinentes”.
Nicodemus fala sobre os libertinos, que tendem a considerar todo distúrbio que encontram como resultado de repressão dos desejos sexuais. Entretanto, ele defende que eles não fazem isso porque têm estatísticas, experiências que provam tal teoria, mas porque Freud explica.
Finalmente, o famoso teólogo urge que o cristão verdadeiro enfrente os conflitos para viver uma vida reta e santa diante de Deus, “mortificando o pecado e se revestindo diariamente de Cristo”.
“Essa luta contra a nossa natureza carnal não provoca traumas, neuroses, recalques e distúrbios. Ao contrário, nos ensina paciência, perseverança, a amar a pureza, a apreciar as virtudes e o que significa tomar diariamente a cruz, como Jesus nos mandou”.

CRISTIAN POST
VIA GRITOS DE ALERTA

Com mais de 100 anos, brasileira dá a receita para a longevidade: “Ajoelhar e falar com Deus”

Com mais de 100 anos, brasileira dá a receita para a longevidade: “Ajoelhar e falar com Deus”
Muitas pessoas gostariam de viver mais, manter o corpo e a saúde em dia para ter uma vida melhor e mais saudável. Para a centenária india Maria Lucimar Pereira (na foto de vermelho), da tribo Kaxinawá, uma dieta vitalícia sem sal e açúcar e com carne de macaco assado pode te ajudar a chegar aos seus 121 anos.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Mas para quem prefere ter um estilo de vida diferente da indigena, uma outra brasileira centenária deu uma dica importante, “Ajoelhar e falar com Deus é muito importante” acredita a “jovem” Maria Francisca Rojas que hoje tem “apenas” 104 de vida. A informação é da agência de notícias cristã ALC.
Maria mora em Ponta Porã no estado do Mato Grosso do Sul e lá é fiel a cerca de 16 anos na Igreja Metodista do bairro Jardim Ivone, segundo sua Pastora.

G+ / VIA GRITOS DE ALERTA
Com sua fé, a irmã centenária pretende continuar frequentando fielmente a igreja e se ajoelhando para falar com Deus até quando Ele deixar.

Crescimento evangélico estimula mercado que une consumo e religião

O crescimento dos evangélicos no Brasil fortalece o mercado econômico, chamando a atenção tanto de igrejas como da iniciativa privada.

É um grupo cada vez mais numeroso e com sede de prosperar e consumir. O crescimento dos evangélicos no Brasil, em especial no ramo pentecostal, provocou mais do que mudanças religiosas: fortaleceu um mercado econômico, que chama a atenção tanto de igrejas como da iniciativa privada.

De seu lado, as igrejas criaram estratégias de negócios. Algumas desenvolveram estruturas empresariais e planos de carreira; outras lançaram até cartões de crédito. E diversas montaram grupos e reuniões em que estimulam os fiéis a abrir negócios próprios e sanar suas finanças, com base na Teologia da Prosperidade - movimento que prega o bem-estar material do homem.

"Passava uma vida de miséria, comendo carcaça de frango", conta uma frequentadora da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), acrescentando que, depois que começou a assistir às "reuniões da prosperidade" semanais da igreja, "as portas começaram a se abrir". O depoimento é exibido pela própria IURD no YouTube.

Em outro vídeo, um fiel diz que seus negócios não deram certo até ele entrar para o culto. Depois de "sair das trevas", ele comprou "quatro, cinco casas", onde cabem "sete ou oito carros".

"A igreja é um local de ritos, mas hoje também um espaço de trocas e bens simbólicos", diz Leonildo Silveira Campos, do departamento de Ciências Sociais e Religião da Universidade Metodista.

"É voltada a pessoas cada vez menos preocupadas com questões transcendentais, e sim com o aqui e o agora. Para o novo pentecostal, o dinheiro não é para ser acumulado como previa a ética protestante, mas para comprar o carro e o apartamento novo. Para se inserir no mercado de consumo."

Igrejas e empresas respondem a isso com produtos, que incluem cartões de crédito - emitidos pelas igrejas Internacional da Graça de Deus e Assembleia de Deus - e lançamentos constantes.

A rua Conde de Sarzedas, no Centro de São Paulo, se especializou em atender consumidores cristãos. Ali, é possível comprar de bíblias segmentadas a CDs, jogos de tabuleiro com temas bíblicos e pacotes de turismo para Egito e Israel.

Público fiel
"É um lugar onde as pessoas sabem o que querem consumir. É um público fiel", diz à BBC Brasil a cantora e apresentadora Mara Maravilha, que, há 15 anos convertida à fé evangélica, tem uma loja onde vende seus CDs e DVDs gospel na Conde de Sarzedas.

Daniel dos Reis Berteli, 29, da igreja Nazareno do Brasil, comprava livros, roupas e CDs evangélicos em uma loja ao lado. "Antes, não tínhamos essa variedade de livros", diz. "Há uns 15 anos, minha mãe fazia lembrancinhas religiosas com cartolina. Hoje, está tudo mais profissional."

A percepção de que o setor caminhava rumo à profissionalização levou Eduardo Berzin Filho a promover a feira ExpoCristã, realizada há dez anos em São Paulo. Ele diz que a edição de 2010 atraiu 160 mil visitantes e expositores como editoras, gravadoras gospel, empresas de mobiliário para igrejas e até consultorias de gestão de templos.

O mais claro exemplo pentecostal de estratégia de negócios vem da Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd), que diz ter presença em mais de cem países - mais do que qualquer multinacional brasileira.

A IURD montou uma estrutura empresarial que faz de seus pastores "profissionais da religião, com metas de atração e conversão de fiéis, de arrecadação (de dízimo) e de ampliação de recursos", afirma Ricardo Mariano, professor da PUC-RS e autor de um livro sobre a Universal.

Para os pastores, diz Mariano, "existe quase um plano de carreira, que permite que eles passem para congregações maiores, vão para outros países e participem de programas de TV" se baterem as metas.

A IURD e outras seguem "os principais preceitos do marketing: preço, publicidade, praça (localização de templos) e produto", opina Mario René, professor de Ciências do Consumo na ESPM e doutor em teologia prática.

Os especialistas ressaltam que há traços de profissionalização e mercantilização também em outras religiões - só que eles estão mais evidentes nas pentecostais e neopentecostais por conta de sua exposição midiática e do próprio crescimento dos evangélicos no Brasil.

Segundo o estudo Novo Mapa das Religiões, da FGV, os evangélicos representavam 20,2% da população brasileira em 2009, contra 9% em 1991. Boa parte se concentra na emergente classe C.

Os pentecostais são por volta de 12% da população, mas, segundo estudo prévio da FGV, respondem por 44% das doações feitas às igrejas.

Doações

Agora, além de solicitar "ofertas" para continuar a "obra de Deus", a Igreja Universal pede contribuições para financiar o Templo de Salomão - versão brasileira de um histórico templo em Israel.

Em um culto recente da igreja em São Paulo, o pastor exibia aos fiéis um vídeo sobre o templo, que está sendo erguido na Zona Leste da cidade e custará R$ 350 milhões.

"Os (doadores) terão seus nomes colocados nas 640 colunas do templo", diz o pastor, pouco antes de serem entregues envelopes para doações. "O bispo disse que um homem doou R$ 200 mil. Se você não pode 200 mil, pode mil, pode 500. Doe de acordo com a sua fé."

Alguns fiéis apoiam o pagamento do dízimo e doações desse tipo como forma de dar continuidade ao trabalho religioso.

Mara Maravilha, fiel da Universal, é uma delas. Para a cantora, quem não paga a contribuição está "roubando de Deus" e "se o pastor vai fazer certo ou errado (com o dinheiro), isso não cabe mais" ao fiel.

"Graças a Deus que se abrem muitas igrejas. É melhor do que abrir botequim", afirma Mara. "A gente, por mais que dê, nunca vai conseguir dar mais do que Deus nos dá."

Ela também rejeita as críticas de mercantilismo. "Os produtos têm efeito que não tem dinheiro que pague para uma pessoa sem esperança. Antes, eu vendia até revista masculina. Hoje, vendo a palavra de Deus. Estou errada hoje ou estava antes?"

Perigo

A executiva Márcia Félix, 37, fiel da Igreja Quadrangular, tem opinião semelhante. Afirma que sua igreja incentiva seu crescimento e a realização de seus sonhos e que o eventual enriquecimento de pastores não a incomoda.

"Busco primeiro o Reino de Deus e sua justiça", argumenta a fiel evangélica. "Se tem quem rouba, é cada um com Deus."

Já Daniel Berteli, frequentador da Conde de Sarzedas, diz que considera a visão empresarial da religião "perigosa". "(Algumas igrejas) têm deixado o princípio de servir e viraram indústria."

O limite para a atuação das igrejas é difícil de definir, levando-se em conta que é tênue a linha que separa consumo e religião.

"Não temos um compartimento mental para a religião", diz Mário René, da ESPM. "Todos buscamos sentido, que pode ser atingido por espiritualidade, responsabilidade social, esoterismo e até pelo consumo."

René avalia ainda que, hoje, a prática comercial é praticamente inerente ao processo de angariar fiéis para uma determinada crença.

"Posso abrir uma igreja com praticamente nada. E daí, o que eu faço? Preciso de uma estratégia de marketing para ter sucesso, então vou procurar um pastor carismático e assim por diante", diz o pesquisador.

Conheça alguns dos principais negócios ligados ao mercado evangélico

Mercado bilionário crescente, mas ainda pouco estudado, o segmento de produtos cristãos movimenta estimados R$ 12 bilhões por ano no Brasil, segundo cálculos de Mário René, professor de Ciências do Consumo Aplicadas na ESPM e doutor em teologia prática.

Grande parte desses negócios é destinada principalmente aos evangélicos, que crescem em número e em importância econômica no país.

Em paralelo, algumas igrejas evangélicas adquirem espaços milionários na grade de TV aberta brasileira e tomam parte em empreitadas que vão desde a construção de grandes templos até participação em empresas de engenharia e de telecomunicações.

Conheça abaixo alguns dos elementos que compõem esse mercado:

Templo de Salomão
Um terreno de 28 mil metros quadrados - área superior à do Parque Buenos Aires, em São Paulo - vai abrigar o Templo de Salomão, a maior construção da Igreja Universal do Reino de Deus.

Trata-se de uma reprodução de um histórico templo israelense, que está em fase inicial de construção na avenida Celso Garcia, no Brás (Zona Leste de São Paulo). Terá, segundo material de divulgação da própria Iurd, altura equivalente a um prédio de 18 andares, poderá abrigar até 10 mil pessoas sentadas e custará entre R$ 300 milhões e R$ 350 milhões.

O recurso virá de fiéis e "admiradores" do projeto, também de acordo com a Igreja Universal.

Telecomunicações e mídia
Igrejas e pastores evangélicos detêm dezenas de concessões de emissoras e rádios de TV, além de participação na mídia impressa - um exemplo é a Folha Universal, jornal semanal da Iurd com tiragem declarada de 2,3 milhões de exemplares.

Mas o mais proeminente negócio midiático relacionado aos evangélicos é a Rede Record, controlada desde 1989 por Edir Macedo, fundador da Universal.

Embora tanto a igreja como o grupo midiático sejam do mesmo dono, a Record diz que não sofre interferências da igreja, que é considerada apenas "um cliente" pela emissora.

As evangélicas também adquirem cerca de 130 horas semanais nas grades de algumas das principais emissoras de TV abertas do país - RedeTV!, Record, Band e Gazeta.

Relatos na imprensa dão conta de que o SBT negocia a venda de seu horário da madrugada para a Igreja Mundial; a assessoria da emissora diz que não há nada confirmado.

Produtos de consumo
A Assembleia de Deus oferece dois tipos de cartão de crédito, o Missionário e o Gold, este último dono de um perfil próprio no Twitter. A Igreja Internacional da Graça de Deus lançou o seu cartão de crédito Igreja da Graça. São exemplos de produtos destinados especialmente para o público evangélico.

A empresa Z3, do interior de São Paulo, se especializou em atender esse público, com livros e jogos infantis com histórias religiosas. "Nossa rede tem crescido, então acredito na expansão desse mercado", diz Kátia Vieira, funcionária da Z3. "Todos os dias recebemos clientes novos, quase exclusivamente do público evangélico. Estão sempre à procura de coisas novas."

Rua especializada
Uma pequena ladeira no Centro de São Paulo se tornou um ponto de encontro de consumidores e fornecedores de produtos cristãos. A rua Conde de Sarzedas tem dezenas de lojas especializadas, que oferecem de bíblias e CDs a jogos infantis, óleos de unção, produtos com frases que remetem a Deus e pacotes de viagem.

É ali que a cantora Mara Maravilha mantém uma loja, que vende seus CDs e DVDs de música gospel. No andar de cima da mesma galeria, funciona a Terra Santa Viagens, que fecha cerca de uma caravana por mês (com cerca de 50 pessoas) para turismo em cidades como Jerusalém, em Israel, e Belém, na Cisjordânia.

"A procura tem sido constante", diz Fernanda, uma das funcionárias. O principal público, ela acrescenta, é o evangélico.

Feiras setoriais
O empresário Eduardo Berzin Filho trabalha há 15 anos para o público evangélico, com a produção de revistas, sites e programas de TV. Há dez anos, lançou a ExpoCristã, que levou, segundo ele, 160 mil visitantes em 2010 ao centro de eventos do Anhembi, em São Paulo.

O evento reuniu atrações da música gospel, exposição de arte cristã e a venda de livros, produtos especializados e mobiliário para templos. A edição de 2011 da ExpoCristã está marcada para setembro.

Evento semelhante é realizado há sete anos em Curitiba por Jôfran Alves, que com sua esposa criou a ExpoCristo. A edição mais recente ocorreu em julho, também com atrações musicais, editoras, gravadoras, e até empresas que prestam serviço de segurança para templos. A ideia é atender bem a um "público que consome de tudo", como o cristão, segundo Alves.

Mercados fonográfico e editorial
Há poucos dados disponíveis sobre os segmentos de livros evangélicos e de música gospel, mas há indícios de crescimento e alta no consumo.

A Câmara Brasileira do Livro (CBL) diz que a produção de livros religiosos cresceu 39,2% em 2010 em comparação com número anterior, dado que inclui livros católicos - o crescimento, inclusive, foi puxado por um livro do padre Marcelo Rossi.

A CBL não tem dados específicos sobre o mercado editorial evangélico, mas percebe crescimento.

"Nossa percepção é de que o público evangélico tem grande participação, e é crescente", diz à BBC Karine Pansa, presidente da Câmara. "Isso se dá pela cultura de ter uma bíblia para cada pessoa, de ter bíblias específicas, e pela vontade que esse público tem de aprender."

Sobre o mercado fonográfico gospel, a Associação Brasileira de Produtores de Discos diz não ter dados específicos, mas alguns dados confirmam a força do segmento.

Aline Barros (foto acima), uma das mais conhecidas cantoras gospel, contabiliza 3,6 milhões de acessos em seu canal no YouTube. Damares, outro nome famoso desse mercado, vendeu 170 mil cópias de seu último CD e recebeu discos de ouro e platina. André Valadão tem nove CDs e cinco DVDs gravados em sete anos de carreira solo.

Serviços de apoio
Para amparar a construção de templos e sua gestão, foram criadas empresas e entidades que prestam serviços especializados.

Algumas têm elos com as próprias igrejas - caso do Engiurd, o Departamento de Engenharia da Igreja Universal do Reino de Deus, criado para "otimizar recursos em nossos processos de construção, reforma e manutenção de templos", segundo o site da empresa.

Outras entidades prestam serviços para diferentes congregações. É o caso da Sepal (Servindo aos Pastores e Líderes), que ensina técnicas de liderança e gestão de negócios para pastores e líderes religiosos e comunitários, além de realizar pesquisas para identificar regiões "com necessidades missionárias e sociais" que podem ser atendidas por congregações.

Fonte: BBC Brasil

Exposição que mostra pedofilia e zoofilia provoca bate boca entre deputados

Não foi só nas redes sociais que a mostra “QueerMuseu” gerou debates e bate boca. Na noite desta terça-feira (12) o assunto foi amplam...