quarta-feira, 6 de julho de 2011

Nova lei irá banir conversões no país


   
 
Prédio da Assembléia Constituinte do Nepal  
  Os cristãos têm expressado grande temor com um projeto, para o novo código penal, que foi apresentado ao parlamento recentemente, trazendo de volta a proibição de conversões religiosas no Nepal.

O Ministério de Justiça, consultando os juízes, apresentou os projetos de novo código penal e civil ao parlamento. A nova lei deve passar pelaor revisão de um comitê do governo para renovar e desatualizar os códigos civil e o penal.

No entanto, eles contêm disposições para re voltar a criminalizar a evangelização e conversão religiosa, renunciando efetivamente à laicidade que o país do Himalaia declarou em 2006 e retornando ao seu antigo status como um estado hindu.

O artigo 160 do código criminal pretende proibir qualquer ato que possa converter uma pessoa de uma comunidade tradicional a outra fé, de modo que quem fizer isso sofrerá com duras penas e prisão por até cinco anos.

“Nós expressamos nossa preocupação sobre o motivo de novas leis serem elaboradas,  quando a nova Constituição em si não foi escrita com base em um projeto”, disse o Pastor Kali Rokkya, que é membro executivo da Comissão de Direitos Humanos do Nepal.

“Quando Embora se falea de um novo Nepal, algumas dessas leis refletem um Nepal velho e atrasado”, acrescentou o pastor. Nepal tem atualmente uma Constituição provisória, que prevê uma Assembleia Constituinte para redigir uma nova Constituição.

Várias organizações internacionais expressaram preocupação com o código penal antes mesmo de ele ser apresentado ao parlamento.

Tradução: Lucas Gregório

* Este país não se enquadra entre os 50 mais intolerantes ao cristianismo.

Fonte: Persecution

INAIS DOS FINAIS DOS TEMPOS - Adepto de seitas satânicas mata a mãe por ela acreditar em Jesus S

O acusado tem 17 anos e disse que matou a mãe por ela acreditar em Jesus Cristo, uma “invenção do homem”.

Adolescente de 17 anos, acusado de matar a mãe de 48 anos de idade, em Aparecida do Taboado (MS), na divisa com São Paulo, disse ter cometido o crime por ele ser adepto a seitas satânicas, e a vítima, por acreditar em Jesus Cristo, uma “invenção do homem”, segundo o rapaz.

O adolescente está detido numa cela da delegacia da Polícia Civil, em Aparecida do Taboado, cidade distante 467 km de Campo Grande. Ele foi preso na manhã do último sábado (02) vagando por uma ponte de 3,8 km que separa a cidade sul-mato-grossense do município de Santa Fé do Sul, interior paulista.

O crime ocorreu às 20h20 da sexta-feira passada, no bairro Chácara Boa Vista, mas foi divulgado somente nesta terça-feira pela Polícia Civil. O registro policial diz que o rapaz mora com o pai em Aparecida do Taboado. Já a mãe, em Maringá (PR). A vítima morreu no mesmo dia em que foi visitar o filho.

Mãe e filho, diz o registro policial, discutiram logo após o adolescente ter dito que havia produzido um vídeo que tratava de terrorismo e ao qual todos da família deveriam assistir. A mãe teria retrucado e dito: “Para com isso meu filho, está estragando a sua vida”. O rapaz continuou: “Você não devia acreditar em Jesus, isso é uma invenção dos homens”.

O pai do adolescente, separado da mulher há dez anos, estava na casa e viu a cena, segundo depoimento na polícia. O adolescente insistiu na discussão: “Quando morrer, eu vou ser ele [apontou o dedo em direção ao pai] e ele serei eu”.

Em seguida, o rapaz, que foi repreendido de novo pela mãe, entrou na cozinha, pegou uma faca e golpeou sete vezes no peito da vítima, que caiu no chão, enquanto o ex-marido corria atrás de socorro.

A mulher morreu num posto de saúde, assim que recebia o atendimento médico. O rapaz foi localizado na manhã seguinte.

Após registrar o caso na polícia, investigadores foram à casa do rapaz e lá apreenderam um computador onde eram arquivados livros em formatos digitais com textos que narram “doutrinas satânicas”, afirma o boletim policial.

Na delegacia, o adolescente confirmou o crime e disse ainda que dominava outros idiomas, como italiano, espanhol, inglês e alemão. Ele tentava conversar nessas línguas, mas as palavras eram incompreensíveis.

Em outubro passado, o Corpo de Bombeiros foi acionado para socorrer o rapaz acusado de matar a mãe. À época, ele apresentava um quadro de depressão e esquizofrenia, segundo registro policial.

Fonte: UOL

NOVO CD BENÇÃO SEM MEDIDA - CRIS BARCELOS









DEUS É FIEL...O CD BENÇÃO SEM MEDIDA ESTÁ PRONTO PARA DUPLICAGEM,...

DEUS USOU HOMENS E MULHERES DE DEUS PARA QUE MUITAS VIDAS SEJAM ABENÇOADAS E ALCANÇADAS PELO LOUVOR.

MEUS AGRADECIMENTOS A RENATA BRUM, BRENDA, TOM E MARCÃO PROPRIETÁRIO DO ESTÚDIO MAIS CHIK DO ESPIRITO SANTO.

MEU CARINHO EM ESPECIAL VAI AO MEU PRODUTOR DANIEL ESTEVÃO E SUA ESPOSA SILVANA, ESTE CD TEM SEU TOK DE CORAGEM E ADORAÇÃO A DEUS, POIS ELE É UM VERDADEIRO ADORADOR.

QUERO AGRADECER AS ORAÇÕES DE TODOS OS INTERCESSORES, QUE SE DEDICARAM EM SUPLICAR A DEUS POR ESTE TRABALHO.

AO MEU PASTOR MARINELSHINGTON E SUA ESPOSA CRISTINA, A MINHA IGREJA ASSEMBLEIA DE DEUS PRAIA DA COSTA, MEUS AGRADECIMENTOS.

AO MEU ESPOSO PRESBÍTERO FABRICIO BARCELOS E MINHA FILHA EMANUELLE, A MINHA ALEGRIA EM DIZER QUE NADA ACONTECE SEM A PARTICIPAÇÃO TOTAL DELES NA MINHA VIDA.

AO MEU SENHOR JESUS, QUERO ENCERRAR DIZENDO QUE TU ÉS O PRIMEIRO E ÚNICO DIGNO DE TODA ADORAÇÃO E GLÓRIA...A MINHA VIDA É TUA, E SOU VASO NAS TUAS MÃOS....ALELUIA

SE VOCÊ QUER CONTRATAR ESTÁ BENÇÃO PARA SEU EVENTO...
CRIS BARCELOS (CANTORA E ESCRITORA)
LIGUE PARA (27)30315198--(27)88240222--(27)92534488
TWITTER: @chrisbarcelos
cantoracrisbarcelos@gmail.com

Filho prodígio do ministro dos Transportes ficou rico aos 21 anos de idade

Em seus blogs, os jornalistas Cláudio Humberto e Josias de Souza contam hoje a história de Gustavo - o filho do ministro potiguar Alfredo Nascimento que aos 21 anos de idade se tornou milionário.

O enredo, aliás, cabe como uma luva em duas ou três famílias distintas da política norte-rio-grandense.

Mas essas já são outras histórias, que qualquer dia a gente pode lembrar.

Por enquanto, leiam abaixo o que escreveu Cláudio Humberto e cliquem aqui para ter acesso ao texto de Josias de Souza:

Filho do ministro Alfredo Nascimento (Transportes), Gustavo de Morais Pereira é um assombro ou seu pai é do tipo que faz milagres. O garoto se tornou empresário aos 18 anos de idade e aos 21 já era sócio de uma das mais importantes empreiteiras do Amazonas, a Forma Construções Ltda. Dois anos depois, os ativos da Forma, cujo capital social não passa de R$ 60 mil, já somavam amazônicos R$ 52 milhões.

Aos 21, Gustavo comprou por R$ 300 mil um Centro de Estudos que era dono de um terreno de 51 mil metros avaliado em R$ 30 milhões.

A oposição desconfia que o filho seria uma espécie de “laranja” do ministro dos Transportes, por isso querem investigar o caso em CPI.

Um servidor, José Erasmo Souza, pediu ao Ministério Público Federal em Manaus para investigar a fortuna do filho de Alfredo Nascimento.


Fonte - http://www.nominuto.com

OUÇA A NOSSA WEB RÁDIO www.gritosdealerta.com - DENTRO DE POUCOS DIAS PROGRAMAÇÃO AO VIVO .

Advogado invade evento evangélico e esfaqueia três pessoas na Bahia

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel De acordo com depoimento de Edílson Magalhães, coordenador da 4ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), estava ocorrendo uma palestra no momento em que José Raimundo Eurico de Moraes, de 57 anos, entrou no local.
“O acusado alega que esfaqueou as vítimas porque tinha sido agredido. É possível que como o advogado estava bêbado, as pessoas tenham tentado tirá-lo do evento e ele tenha resolvido ferir os rapazes”, disse o coordenador.
As vítimas foram encaminhadas para o Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus. Os três passam bem e já foram liberados da unidade hospitalar. Os rapazes prestaram depoimento ainda na noite de ontem.
Eles foram identificadas como Wilton Araújo de Carvalho, 31, atingido no abdômen; Uivalle Rui da Silva, 26, recebeu um corte no braço e Vanderson Farias dos Santos, 28, foi atingido no tórax.
Edílson Magalhães informou ainda que o advogado toma remédio controlado e que as demais testemunhas do caso serão ouvidas hoje. José Raimundo está preso e responderá por tentativa de homicídio.
Fonte: Correio

Primeira campanha ateísta do Brasil afirma que Jesus é mito palestino


Jesus é um mito palestino, assim como existem mitos indianos e egípcios, por exemplo. Todos somos  ateus em relação aos deuses nos quais cada um não acredita. A fé não dá resposta e só impede perguntas. 

Essas são mensagens da primeira campanha ateísta do Brasil que começou a ser exposta hoje (5) em outdoors de ruas de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

A campanha promovida pela Atea (Associação Brasileira de Ateus e Agnósticos) exibe ainda mensagens vetadas em 2010 elaboradas para uma campanha que a associação tinha planejado veicular em ônibus. Uma delas diz que Charles Chaplin era ateu e Adolf Hitler, não, e conclui que “religião não define caráter”.

A campanha terá duração de um mês e poderá ser veiculada em outras cidades. A Atea pede que os ateus tirem fotos dos outdoors e as divulguem.
Chaplin foi ateu; Hitler, religioso 

Com informação do Sul21 e Twitter.

NÃO FOI SOMENTE JUDAS QUE TRAIU JESUS - Marta Suplicy afirma que não irá arquivar a PLC 122. Diferente do divulgado, Mordaça Gay continua viva

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel A notícia havia sido amplamente difundida pelo senador capixaba em seu site, sendo publicada logo após o almoço que teve com a petista em seu gabinete. A nota-oficial do político evangélico ainda afirma que a senadora já havia anunciado a comunidade homossexual, durante a Parada Gay, que o projeto não seria aprovado.
Em pronunciamente em seu site e no do PT, Marta Suplicy afirmou que não pretende arquivar ou “sepultar” a PLC 122, lembrando que a proposta ainda continua em tramite no Legislativo: “Nunca falei em arquivar o PLC 122. Disse que, fruto das discussões do PLC 122, um novo projeto é discutido no momento”. Marta também afirma ter diálogo aberto com a bancada religiosa, mas alfineta: “Toda desinformação é um retrocesso à causa por um Brasil que respeite a diversidade”.
Até o fechamento desta reportagem o senador Magno Malta não havia comentado as afirmações de Marta Suplicy.

Nota-oficial da senadora Marta Suplicy sobre a PLC 122

Esclareço que o PLC 122, que criminaliza a homofobia, proposto e aprovado pela deputada Iara Bernardi, na Câmara dos Deputados, e que hoje tramita no Senado, com texto relatado pela ex-senadora Fátima Cleide e com propostas de emendas – uma delas de minha autoria – não foi a arquivo. Continua em trâmite.
Informo que estão em curso discussões para que o Legislativo brasileiro possa, pela primeira vez, votar um projeto que dê direitos à comunidade LGBT.
Nunca falei em arquivar o PLC 122.  Disse que, fruto das discussões do PLC 122, um novo projeto é discutido no momento, com acompanhamento de Toni Reis, presidente da ABGLT, e também tendo eu relatado a mais lideranças do movimento LGBT o andamento de cada conversa feita entre senadores.
Zelo e faço questão que tudo se dê com transparência.
Democracia é assim: fazemos com debates.
Jamais deixaria de reconhecer os esforços e homenagear a luta de Iara Bernardi, Fátima Cleide e tantos ativistas que há anos lutam pela justa criminalização de quem induz, espanca ou mata homossexuais.
Nos debates que tenho travado no Senado, em todas as conversas, tenho observado que os princípios do PLC 122 não se percam. E percebo avanços.
Tenho aberto o diálogo com as bancadas religiosas e com todos os setores que se colocam a favor e contra pontos do projeto.
Ser relatora do PLC 122 exige paciência, coragem e esforço para que uma luta que é razão de tantos cidadãos e cidadãs não se frustre.
Toda desinformação é um retrocesso à causa por um Brasil que respeite a diversidade.
Por isso, minha mensagem a todos os setores LGBT, movimentos civis, grupos partidários e comunidades é para que atentem para os fatos e defendam a verdade.
A construção de direitos é tarefa árdua.
Sigamos no caminho que fortalece a justa luta em prol de direitos que sistematicamente têm sido negados pelo Legislativo. A luta que fortalece a democracia.
Marta Suplicy, senadora (PT-SP)

Outras formas de aprovar a PLC 122

A Senadora Marta Suplicy, lideranças gays e alguns políticos evangélicos estão buscando outras formas de aprovar a PLC 122. Outros projetos similares estão sendo preparados e devem ser apresentados em Brasília, há também a proposta de apoio ao projeto. A idéia de também levar o caso ao STF ganhou ainda mais força após as recentes decisões pró-gays e o apoio público que um dos ministros do Supremo deu a PLC 122 nos últimos dias.



Fonte: Gospel+

Renascer Jardins é reinaugurada com grande festa

Igreja abriu as portas nesta quinta-feira, 30 de junho, depois de 
três meses de reformaDepois de uma reforma que durou mais de três meses, a Renascer Jardins abriu suas portas nesta quinta-feira, dia 30 de junho, totalmente reformada. Em meio a uma grande festa, o apóstolo Estevam Hernandes e a bispa Sonia Hernandes ministraram para uma igreja completamente lotada.
“É uma grande alegria estar aqui, Deus fez mais do que podíamos sonhar... Eu aprendi a me alegrar com as bênçãos de Deus. Esta é uma grande vitória do Corpo de Jesus Cristo e é para a gente se alegrar muito com isso”, disse a bispa Sonia Hernandes. “Creia na Palavra e Ele vai honrá-la na sua vida! Agradeça a Deus por fazer parte desta conquista e fazer parte deste novo tempo, em nome de Jesus!”, disse ela.
Nós somos gratos a Deus porque este é o local que Deus escolheu com propósitos maiores do que podemos imaginar, afirmou o apóstolo Estevam Hernandes. “Sempre é um desafio muito grande. Mas hoje, com muita alegria, olhamos a beleza deste local, temos o sentimento de entregar a Deus aquilo que era superior a tudo! Obviamente quero agradecer ao Deus de amor! Quero louvar a Deus por cada um dos príncipes, por cada um que se levantou para ajudar, em nome de Jesus!”, disse ele.
Hoje, com muita alegria no meu coração, quero dedicar este novo templo e este novo tempo ao Senhor, continuou o apóstolo. “O Senhor se alegra quando entregamos algo ao Senhor, nós somos a Igreja do Senhor Jesus! Ter esta porta aberta é muito importante! Nós consagramos esta cada ao Senhor”, disse o apóstolo e cortou a faixa inaugural. “Muitas vidas serão restauradas neste lugar... Grande será a obra de Deus neste lugar!”.
Logo depois, o apóstolo ministrou a Palavra em Neemias 2. “Nós vemos o coração de um homem que estava em uma posição de destaque... Mas todo homem, por mais importante que seja, precisa de Deus. Neemias era um homem que servia ao rei... Mas ele não estava feliz, porque sua cidade, Jerusalém, estava destruída. Ele orou e pediu ao rei a oportunidade de voltar para Jerusalém”, afirmou.
Muitas vezes nosso coração está triste por algo que está destruído, mas nós, como Igreja de Cristo, temos que buscar em Jesus a saída, continuou. “E todos vão reconhecer que a obra na sua vida será feita por intermédio do Senhor Jesus!”, disse o apóstolo.
O sentimento de Neemias estava baseado em crer no impossível, continuou. “Fé é crer no impossível... Aquele que crê no poder de Deus está em pé porque nós cremos no impossível”, disse ele.


Fonte: Igospel

OUÇA www.gritosdealerta.com

Projeto de Evangelização Promete Mudar o Brasil a Partir de 2012

pais 
recifeO Projeto para a evangelização de jovens e adolescentes “PAIS” fundado na Inglaterra chegará ao Brasil em 2012 e promete grande impacto.
  • Projeto de Evangelização PAIS chega em 2012 no nordeste do Brasil.
  • PAIS
    Projeto de Evangelização PAIS chega em 2012 no nordeste do Brasil.
1 of 2
O projeto PAIS a quase 20 anos trabalha com jovens e adolescentes em diferentes nações, como os EUA, Gana e Alemanha e um dos próximos pais para o projeto agora é o Brasil.
Junior Faisbanchs, natural de Recife, está treinando na Inglaterra para estabelecer o PAIS no Brasil, “Acreditamos que chegou a hora do Brasil”.
Para Junior o projeto iniciado no Brasil pode ter impacto em toda America Latina.
“Eu realmente acredito que quando a Igreja local e PAIS se unirem, milhares de jovens serão impactados em toda a America do Sul, não apenas no Brasil”, disse ele ao The Christian Post.
A estratégia do trabalho no Brasil, diz Faisbanchs, que lidera uma equipe do PAIS, é alcançar esses jovens e adolescentes através de suas atividades corriqueiras com a escola. “Nós acreditamos que as escolas dão uma ótima oportunidade de pregar o Evangelho e de trazer jovens para a Igreja.”
Os membros do projeto vão fazer trabalhos voluntários nas escolas, que podem ser tanto dar aulas de língua estrangeira quanto dar palestras de tudo aquilo que a escola precisar. “Vamos estar lá para servir no que a escola precisar”.
Servindo a escola local eles esperam criar vínculos de afinidades com os alunos para os atrair até uma Igreja parceira do projeto.
“Nós vamos ver algo muito grande acontecer no Brasil , um movimento missionário que gera missionários. é um avivamento e a presença de Deus vai estar em todos os lugares.”
Segundo Junior, o projeto não precisa de muitos para ter grande impacto. Ainda que com poucas pessoas ele acredita que pode mudar uma geração.
“Acredito que isso pode começar através de uma pessoa, de um homem, que é Jesus. Acreditamos que com o poder dele, ele pode transformar a vida dessa nova geração.”
“Essa é a nossa meta: alcançar essa geração para Deus”.
O projeto deve ser iniciado no Brasil só em janeiro de 2012, começando por Natal. Para seu início já existem voluntários da Inglaterra e Alemanha. A meta é de atingir cinco pessoas para iniciar o projeto no Brasil. “Até o momento estamos em busca de pessoas que venham se juntar a nós”.
Essas pessoas serão aprendizes do projeto, será um ano de treinamento, servindo as comunidades e trazendo as pessoas para o Evangelho de Jesus Cristo.
Obtenha maiores informações: www.paisproject.com

Revogada a sentença de morte do pastor Youcef


Revogada a 
sentença de morte do pastor Youcef Ele foi preso em outubro de 2009 e condenado à morte por apostasia
Em entrevista à agência de notícias France Presse, o advogado do pastor iraniano Youcef Nadarkhani, Mohammad Ali Dadkhak, anunciou que a sentença de morte por apostasia de seu cliente foi revogada.

O advogado revelou que o veredito foi lido para ele por telefone. A France Presse conversou com Mohammad Ali Dadkhak, mas os contatos da Portas Abertas ainda não confirmaram a informação.

“O Supremo Tribunal anulou a sentença de morte e enviou o processo ao tribunal de Rasht (sua cidade natal), pedindo que o acusado se arrependa”, disse Mohammad Ali Dadkhak. Isto significa, de acordo com o advogado, que as autoridades ainda mantêm a esperança de que Yousef volte à fé muçulmana e farão de tudo para pressioná-lo.

História

Youcef Nardakhani, agora com 32 anos, se converteu do islamismo ao cristianismo quando tinha 19 anos e tornou-se pastor de uma pequena comunidade evangélica no Irã.

Ele foi preso em outubro de 2009 e condenado à morte por apostasia sob as leis islâmicas do Irã, a Sharia, que permite sentença de morte. Esta sentença só poderia ser revogada se o condenado se arrependesse e renunciasse à sua conversão a outra religião.

Depois que sua condenação foi confirmada pelo tribunal, em setembro de 2010, Nadarkhani tentou ir contra a sentença. A esposa dele, que foi também presa e condenada à prisão perpétua, foi libertada após apelação ao tribunal.


Fonte: Portas Abertas / Persecution

Padres acusados de pedofilia serão julgados em Alagoas

Os três padres do município de Arapiraca, envolvidos no maior escândalo sexual da igreja católica registrado no Brasil, serão julgados na próxima sexta-feira, 08 de julho.

Os religiosos Luiz Marques Barbosa, Raimundo Gomes do Nascimento e Edilson Duarte são acusados de pedofilia, crime supostamente cometido contra ex-coroinhas da paróquia de Arapiraca, capital metropolitana do Agreste.

O julgamento será realizado às 09 horas, na Vara da Infância e da Juventude do Fórum da cidade e devido ao volume do processo, que compreende mais de mil páginas e a oitiva de várias testemunhas, deve se estender pelos próximos dias. Mais de 20 testemunhas foram arroladas apenas pela defesa dos padres. A audiência será comandada pelo juiz João Luiz de Azevedo Lessa.

Os sacerdotes foram oficialmente denunciados pelo Ministério Público Estadual em março de 2010, quando foram formalmente acusados pelo crime de pedofilia cometido contra Anderson Farias Silva, Cícero Flávio Vieira Barbosa e Fabiano Silva Ferreira. As vítimas teriam sido abusadas quando eram coroinhas.

Após as denúncias, os padres foram afastados de suas atividades eclesiásticas pelo bispo Dom Valério Breda, responsável pela Diocese sediada em Penedo, cidade onde os padres Raimundo Gomes e Edílson Duarte atuaram em paróquias diferentes antes de irem trabalhar em Arapiraca. Dom Valério declarou em nota oficial que soube do escândalo pela imprensa.

O processo que envolve os padres de Arapiraca tomou um rumo arrasador após a exibição de uma matéria sobre o caso pelo programa Conexão Repórter, apresentado pelo jornalista Roberto Cabrini, no SBT. A matéria trouxe o depoimento dos coroinhas, dos padres e até um vídeo com cenas de sexo entre o monsenhor Luiz Marques, 82 anos, e o coroinha Fabiano Ferreira que alega sofrer os abusos desde os 12 anos de idade.

Durante os trabalhos da Comissão Parlamentar de Inquérito da Pedofilia, presidida pelo senador Magno Malta, em Arapiraca, o padre Edilson Duarte chegou a confessar que era homossexual e que havia se relacionado com dois ex coroinhas. O monsenhor Luiz Marques chegou a ser preso pelas acusações e hoje vive em prisão domiciliar. Já o monsenhor Raimundo Gomes nega as acusações.

Fonte: Aqui Acontece

Dentro de alguns dias estaremos com nossa programação ao vivo . www.gritosdealerta.com - a Web Rádio do Poder da Fé e Gritos de Alerta

OUÇA www.gritosdealerta.com

Cristãos e muçulmanos entram em confronto

Depois de disputas e desentendimentos sobre a construção de templos no país, eclodiram novos confrontos entre cristãos e muçulmanos no Egito.

De acordo com um funcionário da segurança local, um grupo de muçulmanos da região de Khalaf Awlad se reuniu no local onde estava sendo construída uma nova igreja. A multidão islâmica exigiu que a igreja fosse demolida, alegando que a construção era ilegal. O grupo ainda trouxe ferramentas para tentar destruir o que já estava construído.

Segundo relatórios, durante os confrontos entre os dois grupos, tiros foram disparados. Relatórios iniciais indicaram que três muçulmanos sofreram ferimentos a bala e um cristão foi esfaqueado. Pelo menos um dos feridos está em estado grave no hospital.

Até agora, a construção de novas igrejas tem sido dificultada por um processo complicado, que envolve receber permissão direta do presidente. Alguns cristãos têm esperado por anos a permissão para construir seus templos.

De acordo com fontes, as propostas do governo reduziriam consideravelmente o processo por sanções das autoridades na liberação da construção dos templos. No entanto, as tensões entre cristãos e muçulmanos no Egito têm aumentado nos últimos meses e a intensidade dos conflitos revela a desconfiança e a suspeita dos grupos em relação às medidas tomadas pelo governo.

Ataques contra os cristãos e igrejas no Egito tem sido uma ocorrência comum nos últimos 12 meses.

Apenas no início de junho, o Ministério Público do Egito levou 48 pessoas a julgamento no tribunal criminal, por estarem envolvidas em violência sectária que levou à queima de uma igreja em Imbaba, no Cairo.

Fonte: Missão Portas Abertas

O MASSACRE NÃO PARA - Grupo islâmico é acusado de violência em larga escala

Pelo menos 25 nigerianos foram mortos na noite de domingo, quando motociclistas lançaram bombas na cidade de Maiduiguri. Nenhum grupo assumiu a autoria ainda, mas a polícia local vê indício de que tenha sido o grupo islâmico Boko Haram.

O ataque mostra que existe uma deterioração da segurança no norte da Nigéria, de população predominantemente muçulmana, sobretudo desde que o presidente Goodluck Jonathan, que é do sul do país, de maioria cristã, assumiu o poder, em 29 de maio.

O Boko Haram está lutando para que seja aplicada no país a sharia (lei islâmica), incluindo uma proibição do consumo de álcool e também exigindo um Estado islâmico. O grupo islâmico ganhou destaque e é agora considerado a maior ameaça à segurança da Nigéria, por coordenar atentados em três cidades, após a posse do presidente Jonathan. Eles também assumiram a autoria de um atentado praticado em 16 de junho, na sede da polícia federal nigeriana em Abuja, a capital do país, em que atacaram líderes religiosos, políticos e soldados, segundo relatórios.

De acordo com a agência Reuters, os ataques ocorrem quase que diariamente em Maiduiguri, a capital do Estado de Borno.

O estado de Borno já está sendo governado pela lei da sharia, como outros 11 estados do norte da Nigéria. O governo da Nigéria deseja um diálogo com o Boko Haram, mas o grupo islâmico ainda não tem um líder que fale em seu nome. Seu ex-líder, Muhammed Yusuf, foi morto em 2009, quando estava sob custódia policial.

O Presidente Jonathan também endossou um esforço para que haja um cessar-fogo no Estado de Borno. Ele ofereceu anistia aos membros do grupo, para optarem por desistir da luta armada. O grupo decidiu iniciar a conversa com o governo impondo algumas condições, incluindo a continuação da sharia nos estados do norte do país, mas desistiu quando o chefe da polícia nacional disse que o grupo estava com os dias contados.

Os ataques de domingo coincidiram com o envio de tropas do governo para a cidade de Maiduguri para enfrentar a violência diária da região. Um relatório sobre a crescente violência no norte do país diz que o grupo tem milhares de adeptos e, por esse motivo, a segurança foi aumentada em Maiduguri, pois tem população polarizada.

O Boko Haram, que significa “cultura ocidental pecaminosa”, costumava existir à margem da sociedade muçulmana da Nigéria, mas a pobreza e a educação ruim tem têm aumentado a influência do grupo no norte do país, que possui ideologia islâmica extremista.

Fonte: Missão Portas Abertas

ATENÇÃO POVO DE DEUS - Marta Suplicy e grupos gays preparam novo Projeto de Lei

O projeto de lei 122/06 que visa criminalizar a homofobia foi “sepultado” pela senadora Marta Suplicy (foto) mas já tem “outro na manga” com as “mesmas diretrizes”.

Em conversa com o senador Magno Malta (PR-ES), a senadora Marta Suplicy (PT/SP), relatora do PLC 122, teria reconhecido que o projeto não seria aprovado. Marta Suplicy propôs modificar a proposta “no conceito e no contexto”. Entretanto, o plano da senadora é criar um novo projeto que tenha o mesmo foco do PLC 122, como ela informou em seu site.

“Em proposta minha, e já acordada há algumas semanas, com Toni Reis, presidente da Associação Brasileira de Gays, Lésbicas, Bissexuais, Travestis e Transexuais (ABGLT), e os senadores Marcelo Crivella (PRB-RJ) e Demóstenes Torres (DEM-GO), chegamos à conclusão que devido à demonização do PLC 122, ocorrida ao longo da última década, deveríamos apresentar um novo projeto de lei, mantendo as principais diretrizes no combate à homofobia”, explicou a senadora.

Os membros da bancada religiosa e grupos pró-família justificaram que o PLC 122, não pode ser aprovado porque é inconstitucional, mostrando que o preconceito não existe somente contra os homossexuais, não podendo assim apenas contemplar um segmento na lei.

O novo projeto segundo a publicação de noíticias aos homossexuais Revista Lado A o novo projeto será apresentado esta semana no Senado com um número próprio.

Segundo a publicação, que disse ter tido acesso ao texto do novo projeto, ele não criminaliza a agressão verbal aos homossexuais, mas cria dentro da legislação existente “agravantes” e a “tipificação de crimes por preconceito”.

O novo projeto, ainda segundo a mesma revista, altera o artigo 61 do Código penal incluindo “orientação sexual” dentro dos agravantes de crimes. A tipificação entra nos artigos de lesão corporal e Injúria.

Além de tipificar a homofobia em crimes já existentes, diz a matéria, o projeto criminaliza ainda a discriminação no mercado de trabalho por não contratação ou dificultar a contratação por preconceito de sexo, orientação sexual ou identidade de gênero.

Segundo os ativistas LGBT e a senadora Marta Suplicy o PLC 122 foi “demonizado” e que por isso eles deveriam criar um novo projeto. Apesar do pronunciamento de “sepultamento” do PL 122, ele ainda não foi oficialmente arquivado pela senadora.

Fonte: The Christian Post

VOCÊ QUER ISSO AQUI NO BRASIL ?

Os matadores de Cristãos

Os matadores de Cristãos
Estes são os matadores de Cristãos - Mais de 100 cristãos mortos, entre eles cerca de 30 pastores, foram mortos de forma brutal ou queimados vivos. Ninguém sabe quantos estão desaparecidos. Os corpos dos mortos estão espalhados nas florestas, montes e vilarejos distantes. Não há ninguém lá para enterrar os mortos. Pessoas são mortas na frente de seus familiares, esposas e filhos. Meninas são raptadas por gangues e queimadas vivas. Não tenho palavras para expressar a agonia e a dor das pessoas. Muitos livros poderiam ser escritos sobre a tristeza de seus corações partidos. Quase todas as igrejas foram arruinadas, demolidas e queimadas.

O Islamismo diz ser amigo e amar ao próximo .
Mas veja o que tem escrito no livro sagrado deles.
Basta ser contra as mentiras pregadas por eles para ser uma possivel vitima de seus rádicais.





Alcorão 5:51: "Ó fiéis, não tomem os Judeus e os Cristãos como vossos amigos."
Alcorão 8:1: "Vou aterrorizar os infiéis. Portanto, fere os seus corpos e incapacita-os porque eles opõem-se a Alá e o seu apóstolo".

Por Bispo Roberto Torrecilhas

A infiltração islâmica no exército francês




Há em França cada vez mais tensão entre indígenas e muçulmanos - incluindo no seio das Forças Armadas.Exactamente - porque afinal a ideia de que a solução para a criminalidade «juvenil» dos imigrantes, bem como a tendência para o terrorismo, a ideia de que a solução para isto é a «integração» - i.e., emprego, habitação, inserção social, salário, quotidiano comum aos indígenas - não vale efectivamente nada no que toca a garantir a «harmonia das civilizações» dentro das fronteiras europeias, sequer dentro das fronteiras de um país europeu...
Na maior parte dos Estados ocidentais, o grosso de quem tem as armas na mão ainda é de sangue europeu. Mas, em França, a elite que fomentou a iminvasão foi já mais longe do que a elite do resto da Europa - a França sempre na crista da onda do progresso... - e vai daí há toneladas de alógenos hostis a viver dentro da instituição militar francesa.
Alguns dos sinais e/ou resultados são os seguintes:
  • os jovens norte-africanos [muçulmanos] no seio da Forças Armadas Francesas são responsáveis por 3,5 vezes mais deserções, seis vezes mais desobediências, seis vezes mais insultos a oficiais superiores e oito vezes mais actos de insubordinação
  • uma jovem militar de origem norte-africana, [muçulmana] Aïcha, diz, quando lhe perguntam o que faria em caso de conflito entre a Argélia e a França, diz então o seguinte: «Na minha cabeça sou argelina, não me sinto francesa. Para mim, o exército não é uma questão de lutar por uma Nação, mas sim de encontrar emprego.»
  • um relatório do Ministério da Defesa datado de Janeiro de 2007 refere «a atitude intransigente e exigente a tornar-se provocação» dos JFOM (Jovens Franceses de Origem Magrebina) e a «super-delinquência mesmo no coração do seu regimento».
Super quê, delinquência??? Então mas afinal os soldados magrebinos são mais pobrezinhos-logo-necessitados-de-roubar do que os soldados de origem verdadeiramente francesa???? Ai tanto racismo... ou então é porque cresceram num meio pobre-logo-violento e depois pronto, ficaram assim... e enquanto isso vão minando a Defesa do País por dentro...
  • um jovem paraquedista francês conta como os JFOM (Jovens «Franceses» norte-africanos, como se leu acima) fazem queixa aos superiores de «racismo» cada vez que alguém lhes passa alguma reprimenda pelo seu comportamento indisciplinado;
  • a Academia Militar Francesa de Saint-Cyr considera a implementação de um programa que um dia permitirá a existência de coronéis Maomés e de generais Ben Babroufs...
E agora, a cereja islamo-africana no topo do bolo envenenado que a elite obriga os Povos do Ocidente a engolir:
  • na Marinha, registou-se em 1999 um motim a bordo do porta-aviões Foch. Sessenta soldados voluntários, todos de origem norte-africana (porque será que se ofereceram como voluntários? Já se vai ver...), tomaram o seu oficial superior como refém... Depois de estarem dois dias barricados na cafetaria do navio, foi preciso um comando da marinha para os deitar abaixo... os mouros revoltosos estavam a reagir contra um castigo colectivo imposto depois de uma outra rebelião ter ocorrido durante uma missão nas costas da Jugoslávia durante a qual aviões de guerra da Marinha Francesa Dassault Super-Etendards levaram a cabo ataques aéreos no Kosovo, terra que os recrutas muçulmanos consideraram um santuário muçulmano...
Nota - tudo isto se passa mesmo no interior da defesa militar de um dos mais poderosos países europeus. Para que conste..

Modificado a partir do original

É falta de ética citar nomes dos hereges?


A Bíblia diz que são muitos os enganadores que viajam pelo mundo (2 Jo 7-8), assim como o Mestre Jesus recomenda para termos cuidado com os falsos profetas (Mt 7.15). Devido à mentalidade pós-moderna, parece ser inadmissível nos referirmos à uma religião ou líder religioso de uma maneira negativa apresentando seus erros e contradições. Infelizmente, esta mentalidade anti-cristã é aceita por inúmeros líderes evangélicos em nossos dias. O que devemos observar é que Jesus Cristo, assim como os apóstolos, denunciava pelo nome os que prejudicavam a Igreja e contribuíam para o afastamento da verdade. Os líderes cristãos que não eram sinceros e não ensinavam a verdade do evangelho deveriam ser denunciados (Gl 2.11; 1Tm 1.19-20; 2Tm 2.16-18; 2Tm 4.10,14).

A Bíblia autoriza citarmos nomes dos que não andam conforme a doutrina cristã e promovem libertinagens assim como aqueles que produzem heresias de perdição. Milhões de evangélicos e pastores acreditam que não se deve citar nomes dos hereges, todavia estes irmãos desavisados se esquecem que os pecados de Gálatas 5.19-21 são todos obras da carne assim como as heresias, e os que os praticam não entrarão no reino de Deus.

É interessante notar que os cristãos que viveram no período da Reforma não pensavam como os atuais líderes evangélicos. Os reformadores tinham seus pensamentos bem estabelecidos, como por exemplo, acreditavam que a Igreja Católica Romana era a grande "Babilônia” e não se envergonhavam de fazer tal declaração. Hoje os evangélicos, na sua grande maioria, certamente nunca se pronunciariam abertamente de uma maneira negativa à Igreja de Roma, ao contrário, alguns pastores ecumênicos até a defenderiam.

Muitos dos atuais cristãos-evangélicos não vêem com bons olhos aqueles que julgam as pregações e obras de alguns líderes ditos cristãos, pois acreditam que este ato é errôneo. Infelizmente quase toda a Igreja de Cristo enredou por este falso pensamento, que infelizmente não era o caminho apostólico. Será que os autores bíblicos pensavam que era "falta de ética" citar negativamente algumas pessoas, como milhões hoje acreditam? Existem algumas passagens bíblicas onde os apóstolos citam positivamente assim como negativamente certas pessoas, obreiros e pastores. Ao solapar os argumentos daqueles que acreditam ser errado citar nomes de pessoas de uma maneira negativa, apresentaremos de uma maneira contundente algumas passagens do Novo Testamento, provando assim que não é "falta de ética" citar nomes daqueles que deixaram a integridade bíblica e permitem heresias e libertinagem entre a Igreja de Cristo.

João batista ignorou toda ética que poderia existir em sua época quando se referiu aos judeus de seu tempo:

  • "Dizia, pois, João à multidão que saía para ser batizada por ele: Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira que está para vir? Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento, e não comeceis a dizer em vós mesmos: Temos Abraão por pai; porque eu vos digo que até destas pedras pode Deus suscitar filhos a Abraão" (Lucas 3:7-8 - ACF).

  • O Senhor Jesus Cristo ao se referir a uma autoridade romana, deixou a suposta ética estabelecida pelos homens e disse a verdade:
  • "E respondeu-lhes: Ide, e dizei àquela raposa: Eis que eu expulso demónios, e efetuo curas, hoje e amanhã, e no terceiro dia sou consumado" (Lucas 13:32 - ACF).

  • O Senhor Jesus não usou a ética mundana quando se referiu aos escribas e fariseus:
  • "Então falou Jesus à multidão, e aos seus discípulos, Dizendo: Na cadeira de Moisés estão assentados os escribas e fariseus. Todas as coisas, pois, que vos disserem que observeis, observai-as e fazei-as; mas não procedais em conformidade com as suas obras, porque dizem e não fazem; Pois atam fardos pesados e difíceis de suportar, e os põem aos ombros dos homens; eles, porém, nem com o dedo querem movê-los; E fazem todas as obras a fim de serem vistos pelos homens; pois trazem largos filactérios, e alargam as franjas das suas vestes, E amam os primeiros lugares nas ceias e as primeiras cadeiras nas sinagogas, E as saudações nas praças, e o serem chamados pelos homens; Rabi, Rabi. Vós, porém, não queirais ser chamados Rabi, porque um só é o vosso Mestre, a saber, o Cristo, e todos vós sois irmãos. E a ninguém na terra chameis vosso pai, porque um só é o vosso Pai, o qual está nos céus. Nem vos chameis mestres, porque um só é o vosso Mestre, que é o Cristo. O maior dentre vós será vosso servo. E o que a si mesmo se exaltar será humilhado; e o que a si mesmo se humilhar será exaltado. Mas ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que fechais aos homens o reino dos céus; e nem vós entrais nem deixais entrar aos que estão entrando. Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que devorais as casas das viúvas, sob pretexto de prolongadas orações; por isso sofrereis mais rigoroso juízo. Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que percorreis o mar e a terra para fazer um prosélito; e, depois de o terdes feito, o fazeis filho do inferno duas vezes mais do que vós. Ai de vós, condutores cegos! pois que dizeis: Qualquer que jurar pelo templo, isso nada é; mas o que jurar pelo ouro do templo, esse é devedor. Insensatos e cegos! Pois qual é maior: o ouro, ou o templo, que santifica o ouro? E aquele que jurar pelo altar isso nada é; mas aquele que jurar pela oferta que está sobre o altar, esse é devedor. Insensatos e cegos! Pois qual é maior: a oferta, ou o altar, que santifica a oferta? Portanto, o que jurar pelo altar, jura por ele e por tudo o que sobre ele está; E, o que jurar pelo templo, jura por ele e por aquele que nele habita; E, o que jurar pelo céu, jura pelo trono de Deus e por aquele que está assentado nele. Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que dizimais a hortelã, o endro e o cominho, e desprezais o mais importante da lei, o juízo, a misericórdia e a fé; deveis, porém, fazer estas coisas, e não omitir aquelas. Condutores cegos! que coais um mosquito e engolis um camelo. Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que limpais o exterior do copo e do prato, mas o interior está cheio de rapina e de iniqüidade. Fariseu cego! limpa primeiro o interior do copo e do prato, para que também o exterior fique limpo. Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que sois semelhantes aos sepulcros caiados, que por fora realmente parecem formosos, mas interiormente estão cheios de ossos de mortos e de toda a imundícia. Assim também vós exteriormente pareceis justos aos homens, mas interiormente estais cheios de hipocrisia e de iniqüidade. Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que edificais os sepulcros dos profetas e adornais os monumentos dos justos, E dizeis: Se existíssemos no tempo de nossos pais, nunca nos associaríamos com eles para derramar o sangue dos profetas. Assim, vós mesmos testificais que sois filhos dos que mataram os profetas. Enchei vós, pois, a medida de vossos pais. Serpentes, raça de víboras! como escapareis da condenação do inferno? Portanto, eis que eu vos envio profetas, sábios e escribas; a uns deles matareis e crucificareis; e a outros deles açoitareis nas vossas sinagogas e os perseguireis de cidade em cidade; Para que sobre vós caia todo o sangue justo, que foi derramado sobre a terra, desde o sangue de Abel, o justo, até ao sangue de Zacarias, filho de Baraquias, que matastes entre o santuário e o altar. Em verdade vos digo que todas estas coisas hão de vir sobre esta geração" (Mateus 23:1-36 - ACF).

  • O apóstolo João também não ligava para qualquer tipo de ética ao se referir a certas pessoas. João elogia Gaio – 3Jo 1-2, porém cita o nome de Diótrefes que se opunha a ele, e mais tarde na mesma carta (v.120) cita Demétrio, que andava na luz com seu testemunho. Nesta carta observamos que por três vezes ele cita nomes de pessoas, sendo que duas de maneira positiva e uma de maneira negativa. O apóstolo João tratou publicamente com Diótrefes, que propagava falsas doutrinas e se recusava a ouvir o que João e outros líderes cristãos tinham a dizer (3 Jo 9).

    Observe citações em que Paulo citava certas pessoas de uma maneira positiva. Ele cita duas mulheres, a avó Lóide e a irmã Eunice (2 Tm 1.5), que ensinaram bem o jovem Timóteo e por isso são elogiadas pelo apóstolo. Paulo também cita positivamente obreiros que o apoiaram, como os da casa de Onesíforo ( 2 Tm 1.16).

    Porém, Paulo também faz citações de uma maneira negativa ao se referir a certas pessoas e líderes cristãos:

    Paulo chama de "cães" os maus obreiros (Fl 3.1-3).

    Ele confrontou até mesmo Pedro publicamente quando as ações dele comprometeram a liberdade do Evangelho (Gl 2.11-14).

    Paulo tratou publicamente com Himeneu e Alexandre quanto ao assunto referente à blasfêmia que cometeram (1Tm 1.20).

    Ele tratou publicamente com Alexandre, o latoeiro, por suas atividades danosas (2Tm 4.14). Paulo cita por nome dois obreiros de maneira negativa – Fígelo e Hermógenes - 2Tm 1.15

    Fica evidente, pela Bíblia, que não é "falta de ética" citarmos o nome de qualquer pessoa ou líder evangélico que não ande conforme os padrões morais e doutrinários das Escrituras. Um apologista cristão ilustra bem nossa responsabilidade neste aspecto:

    Imagine o leitor se há um remédio sendo comercializado, trazendo perigo de morte á população. Certamente as emissoras de rádio e TV não conseguiriam prestar um serviço ao público levando ao ar o seguinte anúncio: "Informamos que há um remédio sendo vendido nas farmácias que poderá levá-lo à morte. Desde que não vamos citar o nome do remédio, tente descobrir por você mesmo". Não seria isso um absurdo? Quando alguém descobrisse que remédio é esse, já seria tarde demais. [1]


    --------------------
    NOTAS:

    1- Romeiro, Paulo. Evangélicos em crise: São Paulo. 1995. p. 40.

    QUEM PRECISA DE ENCORAJAMENTO?



    “[...] desembaraçando-nos de todo peso 
e do pecado que tenazmente nos assedia...” 
Hb 12.1

    Ninguém sobrevive sem ser encorajado, que é o oxigênio para a alma, a respiração do espírito, o alimento da vida emocional. Precisamos dele cada dia e a todo instante. A relação bíblica é abrangente: os líderes espirituais, os novos na fé, os atribulados, os que sofrem tentação, os enlutados, os insubmissos, os desanimados, os fracos, os amargurados de espírito, os doentes. Não importa idade, sexo, classe social ou grau de instrução. Todos os que correm a carreira cristã precisam de forte encorajamento (Hb 6.15).

    O autor da carta aos Hebreus a escreveu para animar um grupo de cristãos que estava querendo desistir da fé cristã. Qualquer cristão pode esmorecer na sua fé, por causa do engano do pecado. Satanás envia o pecado como agente enganador. O pecado se apresenta como algo atrativo e desejável, seduzindo o crente a abrir mão da sua fé em Deus em troca de uma mentira. O pecado tem o poder de endurecer o coração, infiltrando nele a incredulidade. Esteja ciente do poder enganador do pecado que está direcionado para você. Permaneça firme na sua fé.

    Ore


    Pai, tenho me sentido fraco espiritualmente e desanimado. Não quero continuar prostrado diante do pecado. Perdoa-me, levanta-me e fortalece a minha fé. Em nome de Jesus. Amém.

    HISTÓRIA DO RAPPER BREAKDOWN É CAPA DO JORNAL "O DIÁRIO DE SÃO PAULO" ALÉM DE SER PUBLICADA EM OUTROS VEÍCULOS DA REDE

     

     
     
    Nessa última terça-feira (5) a história de Milton da Silva, conhecido como Breakdown, foi estampada na capa do Jornal O Diário de São Paulo, além de outros veículos da mesma rede, como: Bom Dia Jundiaí, Bom dia ABCD, Diário de Marília, Diário de Baurú, Diário de Ribeirão Preto, Diário de Sorocaba e Diário de São José do Rio Preto. Para quem não sabe, o rapper encontrou sua mãe depois de 30 anos de buscas sem sucesso. Conheceu a realidade das ruas de São Paulo e dos viadutos, sendo morador deles. Tentou até suicídio antes de se converter. Após conhecer Jesus, teve a chance de reconstruir sua vida, através de um milagre celestial, hoje é casado e pai de 2  filhos. Em 2009, num evento evangélico, conheceu a agência MR1, que fazia um trabalho também dirigido aos manos do Rap. Na oportunidade, se apresentou no espaço da agência cantando a música "Já é de Madrugada", que foi feita para sua mãe Marly Silva, comovendo a todos os presentes, inclusive aos donos da agência, a quem pediu ajuda para reencontrar sua família. Passado aqueles dias, muitas coisas aconteceram na vida do rapper e da MR1, mas foi apenas dois anos depois que, enfim, a história teve um final feliz, através do site Desaparecidos.org e dos diretores da MR1, Mazza e Rebello, que possibilitaram e intermediaram o encontro de Breakdown e a sua família. Hoje, além da ajuda na busca da sua família, o rapper Breakdown faz parte do casting da MR1 Music, selo da agência. Outra novidade é que o rapper já ganhou uma prensagem de 1.000 CD´s da LD Produções, empresa parceira da MR1, representada pelo empresário Luiz Durante. Todo o lucro da venda do CD vão para ajudar e viabilizar uma nova casa para Dona Marly, mãe do rapper, que atualmente vive em condições subumanas. Vejam o link da matéria no Diário de São Paulo http://www.diariosp.com.br e a história completa contada pelo assessoria do rapper.
     
     
    DEPOIS DE MAIS DE 30 ANOS DE PROCURA O RAPPER BREAKDOWN REENCONTRA FAMÍLIA E ACREDITA NUM FUTURO MELHOR
     
     
    Foi na cidade de Mongaguá, litoral de São Paulo, que Milton da Silva, o Rapper Breakdown, depois de mais de 30 anos de procura reencontrou a mãe e irmãos, amparado pela MR1 Black House, divisão da agência MR1 Comunicação & Marketing, recuperando grande parte da história do seu passado. Separado da família com apenas seis anos de idade, Milton, que já foi até morador de rua, passou a maior parte de sua vida à procura de seus parentes. Do outro lado, Dona Marly Silva (mãe de Milton) e Jaciara (irmã do rapper) também o procuravam, porém nunca tiveram nenhum sucesso na busca. Foi através de um site chamado "Desaparecidos.org" que uma pessoa que não quis se identificar deixou algumas dicas do paradeiro da família de Breakdown. São de Dona Marly as palavras: "Sempre senti que ele estava vivo e que um dia eu ia reencontrá-lo e, graças à Deus, isso aconteceu agora".
    O mano começou a rimar em 1999, tendo como referências musicais Racionais MCs, Athalyba e a Firma, Thaíde e DJ Hum, entre outros. Escreveu o rap "Já é de madrugada", que conta o sofrimento e a luta na busca da família. Bem emocionado, declarou: "No momento que vi minha mãe tive medo, a emoção foi muito grande, vi um filme passar na minha cabeça... Me senti a pessoa mais privilegiada do mundo por Deus ter se lembrado do meu sofrimento e ter permitido que eu encontrasse minha família. Hoje me sinto completo, tenho pessoas para compartilhar minha experiência e minha vida". Mesmo depois de tantos anos de luta, os desafios de Milton não acabam por aí. Seu próximo passo é conseguir um lugar para sua mãe morar, uma vez que ao conhecer o local onde ela se encontra atualmente se deparou com um lugar subumano, sem água, no meio de um lixão. O rapper, que já tem uma proposta de uma multinacional para transformar sua história num filme, está à procura de empresas e patrocinadores que se interessem pela sua causa e possam unir suas marcas, o ajudando principalmente a conseguir uma nova casa para Dona Marly, fazendo parte desse documentário.
     

     
    Fonte: Assessoria de Imprensa MR1 Comunicação & Marketing
    Fotos: MR1

    JACO - ISRAEL

    De todos os relatos da Torá, este é um dos mais envoltos em mistério. Conta-nos a história da luta entre um ser humano e um anjo e a da ...